Pub SAPO pushdown

Cinco casas de chá para atacar o frio

quarta-feira, fevereiro 07, 2018
Está um frio do caraças. Sim, eu sei, é o tempo dele, queria o quê, 32 graus em Fevereiro? Óbvio que não, que parvoíce, isso também era demais, com 28 uma pessoa já se aviava bem. Mas pronto, depois é chato, por causa das alterações climáticas e cenas, por isso aguentemo-nos com esta brisa mais "fresquinha", que se há coisa que nos faz bem é sair de casa e levar logo com dois graus na cara, para abrirmos a pestana. Ahhhhh, tão agradável, que a pessoa até sente o pâncreas a enregelar. Como não dá para meter baixa por mariquice, somos obrigados a ter de lidar com isto. E há algumas formas. Vestirmos 27 camadas de roupa, como se fôssemos um boneco Michelin. Ou emborcar chá. E o que eu gosto de chá, senhores, o que eu gosto de chá. Há vários sítios fixes em Lisboa para pedir uma chávena a escaldar, partilho aqui cinco convosco. E partilhem também sítios bonitos das vossas terras para se beber um chá. Ou um gin. Um gin também aquece.


Restaurante Bastardo
É mais conhecido pelos jantares, mas são mais do que bem-vindos para um chá. O espaço é muito bonito  e nem sequer falta  um jardim interior. Podem ficar por ali uma tarde inteira a chamar o carrinho dos chás. As opções são muitas e alguns são feitos com ervas aromáticas da casa. Para acompanhar, peçam as panquecas. Ouçam o que vos digo. PAN-QUE-CAS.
Rua da Betesga 3, 1100-052 Lisboa
http://restaurantebastardo.com/en/


Ladurée
É a mais recente casa de chá de Lisboa e, provavelmente, a mais bonita. É o primeiro salão da Ladurée em Portugal,  o que significa que já não temos de ir a Paris para enfardar meia dúzia de macarons. O espaço é super bonito, cuidado, cheio de pormenorzinhos, todo muito cutxi, e a carta de chás é imensa. Além dos macarons de todas as cores do mundo, há várias outras especialidades da pastelaria francesa e também alguns pratos para quem quiser comer qualquer coisita mais substancial. Alerta: não é por estar em Lisboa que a Ladurée é mais em conta. Dois macarons e um chá rondam os dez euros. Mas pronto, uma vez não são vezes.
Tivoli Forum, Avenida da Liberdade, 180

Casa de Chá de Santa Isabel
Chama-se "de Santa Isabel", mas toda a gente conhece esta casa como "as Vicentinas", já que recuperou algumas das receitas antigas das beneméritas Vicentinas da Obra de Nossa Senhora do Amparo. Lanchar aqui é mais ou menos como ir a casa da avó. Não faltam bolos caseiros, scones e, claro, chás. Não é assim o sítio mais glamoroso e in de Lisboa, mas o espaço é acolhedor e perfeito para estes dias gelados.
R. de São Bento 700, 1250-096 Lisboa
http://www.casadecha.org


Chamego
O nome diz tudo, chamego está a pedir quentinho e aconchego. A especialidade da casa é o pão de queijo (podia comer 180), há uma data de variedades, doces e salgadas, e nem sequer falta uma versão com queijo vegan. Para acompanhar, um chá de menta e chocolate. Ou um de tarte de maçã. Ou um de cocktail de melancia.
Rua Heliodoro Salgado, 20  1170-177 Lisboa
https://chamegocomcha.wixsite.com/chamego



Empório do Chá
Se são pessoas indecisas, aqui estão feitos ao bife, porque há mais de 250 variedades de chás e infusões, da China, Japão, África do Sul ou dos Açores, todas de fabrico caseiro. Podem comprar os vossos preferidos e levar para casa.
Av. Paris 17A, 1000-191 Lisboa
http://emporiodocha.com

28 comentários:

  1. Obrigada, Pipoca. Calou fundo a sua sugestão de hoje. Há muito que procurava, em vão, um ou outro espaço destes para me alentar. Queiramos ou não, às vezes impõe-se, pelo menos a mim. Vou descobri-los muito em breve, até porque se situam em zonas muito catitas de Lisboa e, convenhamos, o friozinho está aí.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Longe da confusão de Lisboa e com estacionamento à porta a Maria Chá um original de Torres Novas aqui em Odivelas. Acho que não tem site mas tem página no Facebook As vezes os lugares da moda são só mesmo isso e outros insuspeitos revelam-se extraordinários.

      Eliminar
  2. Fui a uma das Laudurée em Londres e fiquei desapontada. Quer dizer, comeu-se e bebeu-se bem, mas esperava bem mais pelo preço. Da próxima que for a Lisboa, quero ir às Vicentinas, parece-me tão aconchegante:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Ladurée é overrated. Para mim, é melhor a equipa de marketing (que tem feito um trabalho brilhante) do que a equipa pasteleira. Em Paris, os macarons e as galettes (aiiii as galettes senhores) da Maison du Chocolat, dão 20 a 0. Isto

      Eliminar
  3. Pessoal que vai a todas, deixem as nossas Vicentinas em paz, sff! E ainda por cima não dá para irem de carro. Têm de a pé ou de metro. Pior, lá dentro fala-se baixo, quase em sussurro. Nada selfies e pés nas cadeiras. Ide aos outros. Por favor!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Inteiramente de acordo consigo, eu que vou lá há 40 anos. Deixem as Vicentinas em paz e deixem-nos sossegadas, por favor! :)

      Eliminar
    2. Só lá fui uma vez e adorei. Mas fui de carro e consegui estacionar bem perto (isto não era para dizer, pois não)

      Eliminar
    3. Adoro estas pessoas que não gostam de partilhar os sítios bons. Sabe-se la Deus porquê.

      Eliminar
    4. Horror a pobre! Pobre adora ir a todo o lado. E Deus sabe como pobre não sabe estar nos sítios bons :)

      Eliminar
    5. Anón. 11:49h. "Horror a pobre", faz-me lembrar o cómico do Miguel Falabela naquela série brasileira "Sai de Baixo". Retratava bem aquelas pessoas "tesas" que têm gostos excêntricos.

      Eliminar
  4. Aqui no Porto, a Rota do Chá e Casinha Café Boutique :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o armazém do café, e o buuh!

      Eliminar
  5. A ideia do chá é excelente, adoro, sabe bem, ajuda a aquecer, mas... põe o rim a funcionar... depois é ter que andar de meia em meia hora no xixi! As 27 camadas de roupa não ajudam e casas de banho geladas também não.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sobretudo se estivermos de macacão. Brrrrr que briol até o xixi congela. 😂

      Eliminar
    2. Pôr o rim a funcionar é o que se quer! Devemos beber, no mínimo, 1,5l de água por dia. No inverno substituo uma parte por chá quentinho sem açúcar, adoro :)

      Eliminar
  6. ORA ENTAO ... E UM BOM CHOCOLATE ( CACAU ) QUENTE , POR LX QUEM ME DIZ...SIM PORQUE TBM AJUDA A AQUECER.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pastelaria Benard, no Chiado.

      Eliminar
    2. Ai os croissants de chocolate da Benard... nham nham!! Mas bons mesmo são os da Tarik! God!!

      Eliminar
    3. Chocolate quente no Príncipe Real, Claudio Corallo. Chocolate quente como deve ser, sem essa coisa esquisita em pó.

      Eliminar
  7. Acredite que por o rim a funcionar é positivo. Não vai querer descobrir no futuro que tem pedras nos rins (confie em mim).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. WTF ??? O chá faz pedras nos rins é isso ???

      Eliminar
    2. Anónimo 14:32, penso que o anónimo 12:35 quis dizer que beber muito chá faz ter vontade de urinar, o que é bom para o rim funcionar ;)

      Eliminar
  8. Óptimas sugestões Pipoca! Excepto a Ladurée. Não consigo vislumbrar pior sítio para instalar um estabelecimento deste género, que se quer "glamorouso", a evocar o espírito parisiense. É encafoado num centro comercial que é tudo menos bonito, fica num sítio que, ao passar na Avenida, ninguém vê, e aquela esplanada não apanha ponta de sol. Péssima escolha de local.
    Adiciono um outro à sua lista, que na realidade não sei se ainda existe, e cujo nome não me lembro, mas era um espaço com ambiente asiático, em Alvalade, mesmo ao pé do cinema City e da escola. Adorava esse espaço. Se ainda lá estiver, era um sítio a voltar claramente.

    ResponderEliminar
  9. :)tb adoro chas,nao sou esquesita ,para mim ,quase todos sao ootimos.
    Eu so vejo e frio: aquecimento global,onde esta?:)aqui para as minhas bandas para alem dos Luandas e Falmeidas q sao portos de abrigo qd estamos a congelar + tartes de requijao e afins, ha perto da av da Republica o L eclair q sao verdadeiras obras de arte(o espaco e normal mas os eclairs sao para mim otimos,o choupana,q tb e bom e o Velocite cafe que e um espaco diferente.
    Obrigada pelas dicas vou explorar.
    O 1vai ser o da av paris.
    Ainda em Alvalade ,p gins cockepit na av sacadura cabra , bom preco qualiadade.
    Caso o frio nao desapareca seguimos p a rota do gim aceitam se sugestoes:)
    Fora de zona para chas ou um copo Palacio xafariz del rei (ja nao vou ha algum tempo mad ainda devem ter essa opcao.Depois ha muitos excelentes pela cidade q todos conhecem (Lost in...)...

    ResponderEliminar
  10. Não conheço o espaço de Odivelas. O Maria chá em Torres Novas já foi muito bom mas com o passar dos anos perdeu qualidade (até pensei que tinha mudado de gerência).
    Os bolos deixaram de ser frescos, repetidamente apanho bolos que não são do dia, os chás que antes eram imensos vão sendo reduzidos e o serviço tem vindo a piorar. As empregadas rodam e se no início o serviço era exemplar, agora é lamentável. Limpar mesas para o chão ou não as limpar sequer. Enfim, já foi uma boa referencia em tempos.

    ResponderEliminar
  11. Não me lembro há quantos anos vou ás Vicentinas mas, seguramente, há mais de 35... (sou um bocadinho "cota")! Um espaço muito acolhedor nas "minhas bandas" é a Chaleira em Carcavelos (Riviera)! É um conceito um bocadinho tipo Vicentinas... Bolos caseiros, óptimos scones e chás maravilhosos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas há quanto tempo é que não vai à chaleira? Está decadente, péssimo atendimento, já deve ter alterado a gerência umas 5 vezes nestes últimos anos.

      Eliminar
  12. Em Faro, o sítio mais mimoso para tomar chá é sem dúvida o Baixa Caffé: https://www.facebook.com/baixacaffe.pt/

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis