Pub SAPO pushdown

O pipi precisa de amigos

quarta-feira, outubro 17, 2018


Para comecinho de conversa, não me venham cá chatear por usar a palavra "pipi". Eu sei que há nomes tecnicamente mais apropriados, mas são chatos  (e feiosos), por isso ao longo deste texto será sempre "pipi" para cá e "pipi" para lá. Entendidos? Então adiante. Ora muito  bem, não é a primeira vez que eu uso este nobre espaço para vos falar deste assunto, mas como é tão importante e como ainda há tanto a fazer sobre isto, aqui vamos nós outra vez falar de higiene íntima feminina. Podem estar para aí a revirar os olhinhos, mas a verdade é que é mesmo preciso falar disto. E porquê? Porque vocês não andam a tratar bem do vosso pipi. Sim, digo vocês porque eu não me insiro no pacote. Por aqui, o meu pipi tem praticamente direito a honras de Estado, minhas amigas, é tratado quase tão bem como um poodle de competição.

Mas nem toda a gente pode dizer o mesmo. Não quero estar aqui a ser queixinhas, mas sabiam que, em Portugal, só 40% das mulheres é que usam um produto específico para a higiene íntima? Ah, pois é. E não deixa de ser curioso. Nós, mulheres, somos aqueles seres que conseguem usar mais ou menos uns 378 produtos no banho. Ele é champô, ele é amaciador, ele é máscara de cabelo, ele é esfoliante, ele é gel de banho, ele é óleo, ele é tudo e mais alguma coisa, mas depois do pipi ninguém pensa, se for preciso até com sabão azul e branco o lavam! Tss tss tss. Grande erro, porque estamos a falar de uma zona com necessidades específicas e os produtos que normalmente usamos tendem a ser mais agressivos, o que pode destruir a camada protectora natural e alterar o pH. E, acreditem, no dia-a-dia já temos uma data de coisas que contribuem para desequilibrar o "pH pipizano", que é diferente do do resto do corpo. Por exemplo, a pílula, o exercício físico e a transpiração, as idas à piscina, as alterações hormonais provocadas pelo período (assim como o uso de tampões e pensos) e, claro, as marotices que praticam com os vossos maridos/mulheres/namorados/namoradas/amantes/amigos coloridos/o que seja. Tudo isto pode provocar irritações, corrimentos e infecções. Querem isso? Hmmmm? Querem? Querem? Querem? Não, claro que não.

É por isso que, no título, digo que "o pipi precisa de amigos". Estavam a pensar noutro tipo de amigos, não era, suas marotonas? Pois, não é isso. Estou mesmo a falar de produtos específicos e que ajudam a prevenir potenciais problemas. Cá por casa usa-se (quer dizer, eu uso) o gel Lactacyd Íntimo já há bastante tempo, é que nem me passa pela cabeça usar o gel de banho normal. Quando tenho mesmo, mesmo de o fazer (tipo, quando acaba ou em viagens, quando me esqueço de o levar), quase que ouço o pipi a gritar "O QUE É QUE ESTÁS A FAZER, MULHER DE DEUS?????". Sinto-me mesmo desconfortável. Mas a gama Lactacyd oferece soluções para praticamente todas as fases da mulher. Por exemplo, o Sensitive para as adolescentes, o Antiséptico para usar durante a gravidez, o pós-parto ou em situações de risco acrescido de infecções, o Hidratante para usar na menopausa ou em situações de desconforto associado a secura vaginal, o Suavizante para ajudar no tratamento de infecções vaginais, e ainda os toalhetes, para usar em qualquer lugar.

Como vêem, é fácil manter o pipi asseadinho e protegido, basta criarmos esse hábito. Entreguem o vosso pipi à Lactacyd (salvo seja), que se há marca que percebe do assunto é esta. Ou não andasse a investigar o assunto há mais de 60 anos e não fosse a mais vendida em Portugal. Eu que saiba que andam a lavar o pipi com o vosso gel de banho de baunilha com confettis e purpurinas. EU-QUE-SAIBA!

Post em parceria co Lactacyd


81 comentários:

  1. Olha eu não quero ser desmancha prazeres mas diz quem sabe que o sabão azul e branco é otimo para lavar pipis 😂😂

    ResponderEliminar
  2. Olha filha, marcas aparte sabes o que lava desinfeta e faz bem ao pipi? No banho, lavar com vinagre de maçã! isso mesmo ! é um excelente antifúngico natural e não deixa cheiro nenhum, sou fã! Catarina

    ResponderEliminar
  3. A mim nada bate um bom sabão azul e branco , cuequinhas de algodão e voila' o pipi agradece !Mas nada contra os produtos comprados atenção. Bjos

    ResponderEliminar
  4. Pipoca desculpa que te corrija no seguinte mad o pipi não precisa de muita coisa, o pipi é autosuficiente; dito assim parece estranho mas basta lavar com água morna e não por mais nada! Desculpa mas foi o que já me informei e faz sentido, cremes e leites mesmo sendo bons não são necessários. Basta água! Até o corrimento por vezes é necessário para o pipi expelir as baterias! não o travem! Enfim, tratem dele o mais naturalmente possível, amigas! Ah e cuequinhas de algodão arejadas. Carla t.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cruzes! Ninguém deve parar à tua beira.

      Eliminar
    2. Anónimo das 18:06, ninguém deve para é à sua beira hahahahah, pois para dizer isso é porque deve ter um cheirinho bem intenso!!! Uma pessoa normal, lava-se com água SIM! e não precisa de perfumes e afins, porque tem um cheiro natural que não se parece com certeza com o seu!!

      Eliminar
    3. A serio q há pessoas que só lavam o pipi com água morna??eu nao o faço e passado umas horas digamos que o pipi ja nao cheira propriamente a fresco.Imagino o vosso!

      Eliminar
    4. Mas anônimo das 9h58, já pensou que isso lhe pode acontecer a si e nao a outras mulheres? Se o seu pipi não cheira a fresco se não for lavado com produtos, então isso acontece consigo, ponto. Outras mulheres podem não ter esse problema.

      Eliminar
    5. Vá consultar o médico, o seu pipi deve ter algum problema!

      Eliminar
    6. Acho um piadão a estes comentários modo virgem ofendida. "A sério que ha quem lave o pipi só com água?" Espante-se, há! Lavo-me de manhã e a noite, e só uso sabão numa das vezes. Desde quando é que é preciso colocar tanta m$rd@ na pele, cabelo e etc? Já dizia a minha avozinha que a água só não lava as más línguas! Na internet é tudo e tudo muito correto mas vai-se a ver e são as mais porquitas 😂

      Eliminar
    7. Ginecologistas aconselham somente água morna e mais nada. Até os sabonetes mais neutros afectam o pH.
      A vagina não foi feita para cheirar a perfume e a morangos: tem o seu cheiro característico e não devíamos disfarçá-lo porque também é através dele que conseguimos perceber se está tudo bem. Um cheiro "menos fresco", como referido pela anónima das 9:58, é sinal de que é melhor ter uma consulta.

      Eliminar
  5. Este é um assunto que causa alguma discórdia no mundo da saúde. Tanto o meu ginecologista como farmacêutica e médico de família, referem que o uso desses produtos não é aconselhado. O ideal seria lavar a zona íntima apenas com água! Sou muito propicia a infeções urinárias, e dizem os entendidos a que recorro, que o problema estava nas toalhitas íntimas e gel íntimo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tal e qual. O meu obstetra diz-me o mesmo. Água morna e respeitar o equilíbrio do organismo, que sabe o que faz. Este tipo de produtos altera o ph próprio desta zona do corpo, facilitando infecções.

      Eliminar
  6. A minha ginecologista também me recomendou um produto específico para a zona íntima. Estou encantada! Tem também um creme calmante maravilhoso! Mas não é essa marca. É da Saforelle!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso! Eu uso o que tem bardana, com ph mais alcalino.

      Eliminar
    2. Cavalheiro do Aeroporto18 outubro, 2018 14:29

      Pergunto-me porque alguém precisa de um calmante para o pipi....:) :) :)

      Eliminar
    3. Saforelle é muito bom mesmo

      Eliminar
    4. Cavalheiro, se tivesse o aparelho contrário, iria entender.
      Mas se a curiosidade aguçar demasiado, pode perguntar à "cavalheira" :)

      Eliminar
    5. Cavalheiro do Aeroporto22 outubro, 2018 14:15

      Era só uma piada, só uma piada...!

      Eliminar
    6. Não usem géis alcalinos, devem usar com pH ácido, pois a flora da vagina e vulva são ácidas. E na gravidez e pós-parto NADA de antisépticos nem desinfectantes (nem com pontos), antigamente eram recomendados e só destruíam a flora bacteriana.

      Eliminar
    7. Anónimo das 22:50 cada caso é um caso.
      No meu caso, devido a uma cândida que apareceu após um aborto espontâneo, necessito mesmo de um produto com ph alcalino, para combater esta "amiga" que adora ambientes ácidos.
      Não podemos mesmo generalizar :)

      Eliminar
    8. A candidíase deve ser transitória e é tratada com clotrimazol. A cândida "vive" normalmente na vagina, só causa problema se proliferar descontroladamente. Numa situação normal, não se devem usar produtos alcalinos. Não é uma questão de generalizar.

      Eliminar
  7. Espero que o pipi aqui seja vulva. Senhoras não metam estes geis na vagina, por amor à santa! XD


    (anyway, um gel normal chega perfeitamente :D ou até só água, pq se estiver tudo bem e não houver sintomatologia de que algo está errado a vagina tem uma cena fantástica... Autolimpeza xD)

    ResponderEliminar
  8. E sobre a depilação da área, que tanto contribui para as infeções urinárias? Infelizmente mulheres que não se depilam são apelidadas de "porcas". Ah mentalidades!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sinto-me infinitamente mais limpinha desde que faço depilação total :)

      Eliminar
  9. Recomendo a leitura deste post: https://infinitomaisum.com/2017/07/vamos-falar-de-lady-parts/
    Não se deve usar nenhum destes produtos sem consultar o ginecologista e não, a vulva não precisa de amigos. Não há qualquer necessidade de tomar estes produtos.

    ResponderEliminar
  10. Pipoca não quero estragar o teu momento publicitário mas tratem da passarinhada com água e pouco mais. Até o odor e corrimento fazem parte, não sendo nauseabundo ou tendo uma cor estranha, obviamente.

    Palavra de mulher casada com ginecologista.caetana

    ResponderEliminar
  11. Eu me confesso: fã incondicional da Lactacyd há bem perto de 20 anos. Não troco por nada. Compro sempre a embalagem de 400ml -aproveito promoções- e dura imenso tempo!!! E já não me lembro de ter uma irritação ou algo parecido! Super recomendo!

    ResponderEliminar
  12. Pipoca, antes de recomendares este género de produtos é importante que te informes. Não te devias associar a determinado produto só porque sim.

    Qualquer bom profissional de saúde sabe que este género de produtos íntimos devem ser evitados e se for necessário utilizar algum produto nessa zona, deve ser sempre com recomendação médica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem é que lhe disse que não me informei? E quem é que diz que me associei à marca só porque sim? Uso o gel da Lactacyd há já muitos anos, mesmo antes de ter qualquer relação com a marca e sinto-me mais confortável. Aliás, até comecei a usar por recomendação médica. Nunca tive qualquer problema, infecções, nada. Na verdade, tinha bem mais quando usava o gel de banho normal. E já falei com duas ginecologistas que me disseram que estes produtos não representam qualquer problema (e não, não estavam ligadas à marca). Por isso, sim, informei-me. E sim, uso o gel diariamente e gosto.

      Eliminar
    2. Pipoca, eu comentei também mais em baixo. E como disse lá, uma coisa é usares e gostares e ter-te sido dito pela tua médica que não fazem mal (OBVIAMENTE que são melhor opção que o gel de banho normal, isso ninguém discute!), mas o que fazes neste post é tentar convencer as pessoas que estes produtos são benéficos e necessários. Percebes a diferença?

      O consenso científico até agora é que a melhor opção (isto em casos normais e saudáveis do dia-a-dia) é mesmo lavar a zona genital externa só com água, porque não precisa realmente de mais nada. Nós usamos destas coisas porque gostamos de andar cheirosinhas e temos a sensação que só com água não ficamos limpas, mas não são de todo necessárias.

      Eliminar
    3. Parece-me natural as pessoas assumirem que não se informou porque não há nenhuma referência no post a ser um assunto controverso, e muitos ginecologistas defenderem que o ideal é não usar estes produtos, nem nenhuma indicação para as pessoas só usarem depois de falarem com o seu ginecologista, que me parece essencial num post assim.

      Eliminar
  13. Esse tipo de produtos só em casos extremos. Qdo há uma candidiase ou uma infecção urinária. Usar sempre no dia a dia, não, não. Esses produtos limpam demais, há coisas que estão no pipi que são precisas e não devem ser limpas. Água e pouco mais. Sabão azul ou sabão rosa sim.

    ResponderEliminar
  14. Este comentário dirige-se às meninas anti-post: caramba, podemos discordar da Pipoca neste assunto, mas o post da Pipoca está muito bem escrito, aborda um assunto sério de forma simples e com humor à mistura. Não há nenhuma palavra de elogio vossa, é só dizer mal, parece que abriu a época do "tiro à Pipoca". Sou a única que, concordando ou não, achou imensa piada ao post?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso, não consigo achar piada a ver pessoas adultas dizer ou escrever pipi.Faz-me espécie. Quando são crianças também me chateia, mas enfim, é uma coisa cultural. Qual é o mal de chamar as coisas pelos nomes? É por vergonha. É vulva e pronto. Qual pipi.

      Eliminar
    2. Aqui ninguém está a dar tiros à Pipoca, tenha calma e respire fundo.

      O que as outras mulheres aqui estão a informar e a alertar é que este tipo de produtos não devem ser usados diariamente, apenas em situações específicas e, mesmo assim, com indicação médica.

      A Pipoca influencia imensas pessoas com as marcas às quais se associa e com os produtos que recomenda, no entanto é preciso as pessoas terem cabeça própria e perceberem até que ponto tudo o que a Pipoca recomenda é viável.

      Neste caso em concreto é necessário alertar essas pessoas mais influenciáveis para este tipo de produtos para a zona íntima. E é isso que as mulheres que comentam este post estão a fazer. Vêm comentar o conteúdo do post porque, efectivamente, é isso que é importante e não o humor ou a falta dele.

      Simples. Agora relaxe.

      Eliminar
  15. Tive esta conversa com umas amigas há uns anos, e apropósito disso numa das consultas que tive com a minha ginecologista coloquei a questão de que produtos usar...se devia usar algo em especifico...e a resposta foi NÃO!!
    E é um facto até ao dia de hoje tive zero problemas, zero infecções...às vezes quantos mais produtos colocamos e usamos pior...pensem nisso.

    ResponderEliminar
  16. Por acaso a mim também sempre me aconselharam ou água ou sabão de glicerina... O mais simples possível. Toalhitas ou sabão específico apenas no caso de situações pontuais de menos higiene (em viagens, por exemplo, quando se usam casas de banho menos limpas) ou em situações se infecções urinárias ou pós-parto...

    ResponderEliminar
  17. Verdade seja dita, usei disto durante muito tempo e sim, é bem melhor que o gel de banho normal - essa coisa dava cabo de mim. MAS depois de ler informação escrita por enfermeiros e ginecologistas, comecei a lavar só com água e foi remédio santo: antes tinha desconforto e/ou infecções a toda a hora e deixei de ter por completo - tipo, nunca mais tive. Mesmo. Ando nisto há pelo menos um ano. Portanto...é lavar só com água, por favor. Deixo estes produtos para quando vou à piscina.

    Jiji

    ResponderEliminar
  18. Olá!
    Nós usamos o A-DERMA, que compramos na farmácia. Já conhecíamos o Lactayd mas nunca experimentamos, agora ficamos curiosas :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Hummmm pois a mim sempre me disseram que estes produtos não fazem muito bem!

    ResponderEliminar
  20. É engraçado ver como este tema não gera consenso nenhum! A informação que eu tenho é que realmente estes produtos são uma ajudinha extra, mas não obrigatória; são pensados sobretudo para pipis mais stressados ou para pessoas com o sistema imunitário mais fraco. Porque realmente a nossa parte debaixo é autossufuciente, salvo em certos períodos da nossa vida em que a saúde esteja mais em baixo.
    Aproveito para dizer que, no sentido de prevenir infeções, o uso de copos mentruais - em detrimento dos tampões - é também uma grande ajuda para o nosso amigo pipi!

    ResponderEliminar
  21. Opiniões...Sempre sabão azul,e água!DITO pelo meu ginecologista,NADA desses produtos"moda".
    Nada contra a quem usa!

    ResponderEliminar
  22. Ora está aí um produto que não pode faltar aqui em casa. Uso à muitos anos e gosto!


    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  23. Com todo o respeito, Pipoca, mas não é um bocadinho desonesto fazer um post destes sabendo (porque de certeza que sabes) que a maioria dos ginecologistas não recomenda o uso deste tipo de produtos? Uma coisa é fazer um post publicitário de algo que usas e gostas e recomendas enquanto consumidora, outra coisa é adoptares uma posição de expert no assunto e tentares convencer os leitores que estes produtos são necessários.

    Como muita gente já disse atrás, o pipi não precisa de amigos destes. Quanto menos produtos com detergentes e perfumes lhe pusermos, melhor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Todos os medicamentos têm contra-indicações e não é por isso que deixam de ser receitados por médicos!
      ;)

      Eliminar
    2. Anónimo das 14:22, não é comparável porque os medicamentos são (às vezes, nem sempre) necessários e estes produtos não.

      Eliminar
  24. Peço desculpa de fugir ao tema (bem interessante)_mas este ano não há nos Blogs do Ano, a categoria família? A "Cocó na Fralda" concorria sempre! Obrigada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E dos poucos blogs que escreve sempre no blog tive pena.

      Eliminar
    2. Isto dos blogs do ano é uma treta.. A vida toda da carolina deslandes ganhou o revelação e o último post lá foi em feb.. Enfim.. A pipoca muito provávelmente irá ganhar este ano na categoria dela, e este blog este ano esteve bastante mais fraco, e até seria justificável tendo em conta ter tido mais um filho, mas a falta de posts por cá mesmo antes de nascer não foram com a mesma frequência como em anos anteriores.. Se isto dos blogs do ano fosse instagram do ano.. Aí sim, a pipoca é ativa e bastante engraçada, até nos pedidos para ir votar tem sido muito giro..

      Eliminar
  25. Eu só uso água!...

    ResponderEliminar
  26. Uso Lactacyd desde pequenina e continuo a adorar. Não obstante concordar com o facto de o mais saudável ser lavar apenas com água, não o consigo fazer. É mais forte do que eu...

    ResponderEliminar
  27. Publicidade à parte, adoro que apareçam logo as defensoras da opinião completamente oposta. Eu sempre fui muito, mas muito dada a candidíases e cenas do género. Já usei produtos específicos, já usei só água, já usei um sabonete normal. Concluindo: eu ando com a dita cuja muito mais saudável usando um produto específico que me foi sugerido há muitos anos pela ginecologista. Ja a minha filha, por exemplo, também muito dada a vaginites desde pequenina (e agora só tem 8 anos), anda melhor se não usar nada de nada. Já foi ensinada a lavar-se só com água e quando anda com algum corrimento mais estranho é certo e sabido que foi por usar indevidamente o gel de banho naquela zona e resolve-se com alguns banhos de assento com água limpa e mais nada. Cada uma é como é e o que resulta para umas pode não resultar para outras

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Podia partilhar o produto? :)

      Eliminar
    2. MJ já existe vacina de combate à Candidíase.
      Vale a pena.

      Eliminar
    3. mudar a alimentação, reforçar o sistema imunitário e a candidíase vai de vez, swear! palavra de quem teve durante anos ! e lavo o pipi com água, e nada de cheiros ou corrimentos estranhos como tinha quando a alimentação era extremamente ácida

      Eliminar
  28. Make pipi great again

    ResponderEliminar
  29. A minha genecologista desaconselha o lactacyd. Usava lactacyd, quando ela aconselhou o isidin higiene íntima esse sim e maravilhoso.

    ResponderEliminar
  30. Isto é como tudo o resto. É o capitalismo a trabalhar, a criar a necessidade que na verdade não existe nem nunca existiu. É como as 1001 coisas que se usam num bebé acabado de nascer, que é assim uma coisa totalmente anti-natura.
    Informem-se e façam escolhas de acordo com reais necessidades e não porque o pipi da blogger x gosta de ser lavado com o produto y ou z.

    ResponderEliminar
  31. Nunca pensei que houvesse tanta mulher a lavar só com água... eu não consigo. Também uso um gel específico. Passar só uma aguinha não é para mim! Se não o faço no resto do corpo também não o consigo fazer no pipi, que ainda por cima é uma zona que durante o dia transpira mais e tem corrimento etc e tal. Aqueles duches vaginais internos tudo bem, parece exagero e deve mesmo mexer de forma desnecessária com a flora bacteriana do pipi. Agora por fora, ai desculpem lá... bem lavadinha e fresquinha! (Ou então sou eu que sou muito esquisitinha)

    Beijinhos pipoca

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deixe lá que sou igual... como conseguem lavar só com água? eu não consigo tenho um produto especifico nem consigo lavar com o gel de banho porque provoca-me irritação... alem do corrimento existe o xixi e acham que só agua resolve? e no fim de terem relações sexuais também só água? não me parece que seja suficiente.

      Eliminar
    2. Igual aqui, também não consigo só com água, parece que não se fica bem lavada.
      E aconselhada também pela minha ginecologista, desde que seja com produtos específicos de higiene íntima, não há problema.

      Eliminar
    3. Quando lavo o corpo com sabão, lavo com o mesmo produto as zonas das virilhas, o monte do púbis e anús. Mas sou incapaz de colocar seja que produto for (mesmo estes que supostamente não fariam mal) junto aos lábios internos e toda essa zona, causa-me irritação, fico desconfortável, por sim, nessa zona só mesmo águinha. E desde que me lembre nunca tive nenhuma infecção urinária ou vaginal, não cheiro mal, não cheiro a suor, e sinto-me bem assim.

      Eliminar
  32. O que importa é que a higiene seja feita com produtos suaves que respeitem o pH da zona e com ingredientes o mais naturais possível. Independentemente da marca.
    Sabão azul e branco "devia ser banido"! A quem interessar é ler o artigo no link abaixo.

    https://www.medicosdeportugal.pt/info/utentes/cuidados-a-ter-na-higiene-genital/

    ResponderEliminar
  33. Uso o gel de mentol da chilly quando estou com o período e o gel da carefree aloe verde. Uso-os sempre e zero problemas!

    ResponderEliminar
  34. Tal como já muita gente escreveu, estes produtos não são necessários no dia-a-dia. Em situações específicas (viagens, infecções, candidiáses) tudo bem, mas por hábito, não.
    E deixo a minha experiência: já usei Lactacyd e tinha sempre corrimento e, ao final do dia, um odor mais intenso. Li, informei-me e passei a usar, apenas, sabonete de glicerina, porque não consigo usar só água. Foi remédio santo. Passei a sentir-me muito mais saudável, a ter muito menos corrimento e odor.
    De facto, Pipoca, não tenho nada contra a publicidade, mas fazer a apologia de um produto destes quando não há evidências científicas de que eles sejam de facto necessários, parece-me pouco honesto (é diferente tu usares e gostares e médicas terem-te dito que não faz mal do que ser necessário, como dás a entender).
    Ah, e o sabão azul e branco é neutro e não faz mal nenhum (já o gel de banho também me faz confusão usar).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A área genital não tem ph neutro, é mais acida.

      Eliminar
  35. Bom dia.
    Antes de mais quero felicitar "A Pipoca mais Doce" pelos excelentes textos que habitualmente publica e que eu com 62 anos, os leio há pelo menos 3 anos.
    Ora bem, dito isto e como é a 1ªvez que comento algum texto, vou dissertar um pouco sobre o tema "pipi" como filha e neta de ginecologistas, porque verifiquei pelos comentários que li, que havia muita confusão sobre este tema tão simples.
    O termo indicado será higiene genital ou, mais precisamente, vulvar (genitais externos).Não devemos confundir vagina com área genital externa, por isso em condições normais, não há necessidade em promover cuidados especiais em relação à vagina, mas apenas na área genital externa, por ser um local de contaminação e acumulação de líquidos orgãnicos de várias proveniências. A higiene íntima feminina, define-se portanto,como as práticas de higiene da região anogenital, para mantê-la livre de humidade e resíduos (urina, fezes, fluídos)e isso compreende o uso de produtos cujas propriedades deverão contribuir para o bem-estar, conforto, segurança e saúde, prevenindo as infecções, o que só e apenas com água não se consegue, uma vez que a água apenas remove os líquidos orgânicos hidrossolúveis, não sendo eficaz na remoção de partículas sólidas e menos ainda na remoção de gordura, pelo que é necessário adicionar um agente de limpeza,com propriedades descongestionantes e tonificantes, que mantenham intactas as defesas naturais da mucosa genital, não esquecendo nunca que antes da puberdade e após a menopausa existe uma secura vaginal característica, motivada por níveis reduzidos de estrogénios. De referir que os tecidos que envolvem o aparelho genital têm um PH de 4,5 diferente do resto da pele que é neutro de 7.
    Ao contrário do que muitas mulheres pensam o sabão azul e branco bem como o de glicerina não trazem quaisquer benefícios, por isso é incrível como ainda nesta altura continuam a ser aconselhados por médicos, uma vez que são alcalinos e agressivos (não nos podemos esquecer que são comercializados para lavagem de roupa).
    Finalizo assim, porque esta dissertação já foi muito longa, agradecendo mais uma vez à "Pipoca", pelo excelente Post e,por se preocupar pelos "pipis" de todas nós, e informando que também uso o Lactacyd há muitos anos, agora o Hidratante (próprio para após a menopausa)porque a idade assim o determina.
    Informo ainda que não tenho nenhuma ligação de compromisso com os produtos "Lactacyd" e espero ter ajudado algumas mentes que me pareceram algo confusas e relação a este assunto.
    Bem haja "Pipoca mais Doce" e continue sempre assim genuina.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Humm... esta leitora foi subornada para safar o post!

      Eliminar
    2. Minha cara amiga, ainda não se tinha falado de “contaminação e acumulação de líquidos orgãnicos de várias proveniências”... pois não?! Não! E sempre se praticou! E antes de haver este produto, (L...), como é, que mesmo sem ler nem escrever, se evitaram tantas doenças??? Inclusivamente o cancro no recto e/ou na vagina?
      Pois... Foi com “aquilo” que cada uma acreditava... Se preciso fosse; ÁGUA BENTA!!! Era mesmo com os cuidados da indústria que hoje nos tentam impingir. Toalhitas? Nem rolos de papel higiénico! Eram folhas de papel de jornal!... Pensos higiénicos? Trapinhos!... e as Mulheres cheiravam a lavado.

      Maria 62 anos

      Eliminar
    3. "pelo que é necessário adicionar um agente de limpeza,com propriedades descongestionantes e tonificantes"

      Hahahaha xD

      Eliminar
  36. E já agora colocar as fontes, não?

    ResponderEliminar
  37. Não havia forma mais criativa de abordar o assunto, a sério gostei imenso :)

    She Walks Blog

    ResponderEliminar
  38. Só 40% das mulheres portuguesas usam produtos íntimos? Tss tss... 39% too many!

    ResponderEliminar
  39. há de facto muito por onde escolher. eu sou daquelas que se mete no bidé depois das necessidades maiores feitas. diabética que sou a flora genital sofre a redrobrar com descamação e prurido. tive uma infecção até aos rins com uma picada de pulga no verão, um horror. animais em casa, desparasitação, etc. por agora tudo vai bem com sabonete de enxofre da ach brito e hidratação com bio-oil. cada pipi, preceitos próprios. sara gg

    ResponderEliminar
  40. Pipoca, só para avisar que o gel íntimo da Lactacyd também é ótimo para lavar a cara! Por questões de ph e tal, a coisa funciona mesmo bem e a pele fica tipo rabinho de bebé. Sai a make todinha. Eu sei que isto é meio parvo, mas funciona. Experimentei uma vez muito contrariada por sugestão da minha mãe e não quero outra coisa! ahaha

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis