Pub SAPO pushdown

A Pipoca responde... ou tenta, vá #50: ténis para trabalhar

quinta-feira, janeiro 11, 2018
Ano novo, ralações estilísticas novas, não é verdade? Muito bem, vamos a elas:

"Olá Ana! Venho pedir-te ajuda num assunto que me anda a atormentar. Tenho 22 anos e vou terminar em breve o curso de ciências farmacêuticas, sendo que dele faz parte um estágio curricular que pressupõe muitas horas de pé na farmácia e no hospital. A minha questão é: como usar ténis e manter um estilo clássico, profissional e ao mesmo tempo jovem? Que ténis aconselhas e com que outfit? Normalmente uso saltos ou botins... daí esta dúvida repentina, visto que nunca me aventurei no mundo dos ténis. Quando me pediram calçado confortável disse logo: "não tenho disso!".
Beijinhos e parabéns pelo excelente trabalho! Adriana"

Olá Adriana, sua grande fofinha. Para começo de conversa, deixem-me que vos diga que senti grande empatia com esta dúvida, porque também a mim me maça, cada vez mais, ter de andar de saltos. Mas eu tenho 37 anos, sou idosa, é compreensível, se pudesse passava o dia de pantufas. Os rasos têm vindo, aos poucos, a conquistar o seu espaço, diria que mais de 70% do meu calçado é, neste momento, composto por botins, sabrinas, botas ou sapatos com pouco ou nenhum salto. E ténis, claro, cada vez mais ténis. Acho até que é o calçado em que mais invisto porque, basicamente, já não me apetece fazer fretes e porque acredito que é possível manter o bom ar, a compostura e o profissionalismo enfiada nuns belos e confortáveis ténis, assim como pequenas nuvens de algodão. O uso de ténis democratizou-se completamente, ao ponto de já ser aceitável em praticamente todos os ambientes de trabalho. Claro que ainda haverá profissões um bocadinho mais conservadoras e que se benzem perante a visão de um "téne", mas na maioria dos casos já não há drama. Até porque as lojas têm tanta variedade que é possível encontrar modelos mais clássicos e recatados. Ficam algumas opções:








73 comentários:

  1. Excelentes sugestões. Obrigada pelo post!

    ResponderEliminar
  2. Viva ao "tenes" (ou sapatilha para sermos inclusivos!) :D
    Pipoquinha, tenho a dizer-te que o "tenes" já desfila até em tribunais - e com muita classe, diga-se de passagem!
    Beijo e bom ano!!
    MC.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em tribunais? Não sei o que pensar de uma Juiza que use sapatilhas....

      Eliminar
    2. É que a Juíza vai mudar a sua maneira de pensar, ou deixar de ser imparcial, culta inteligente ou então, Bla Bla Bla só por ter sapatilhas nos pés. Será que quando ela tirou o curso também ia de saltos altos? E já agora, consegue ver a indumentária e o calçado no tribunal? Por favor

      Eliminar
    3. São por causa destas mentalidades que o mundo está assim.. Triste

      Eliminar
    4. Sou advogada há muitos anos e além de usar ténis, veja lá o meu descaramento...tenho tatuagens! tão incompetente que eu sou ... fujam!

      Eliminar
    5. Já vi pessoas de saltos muito mais ocas que uma juíza de havaianas ... ! quase que aposto que é o seu caso.

      Eliminar
    6. Sou advogada e pasme-se que não uso saltos altos no dia-a-dia, para além de não fazer fretes, tendo em conta que se consegue andar com o outfit cuidado sem parecer ter mais 15cm, também não me agrada andar o dia inteiro cheio de dores nos meus pézinhos.
      A Advocacia e a Magistratura são profissões iguais a tantas outras...ou acha que as senhoras juízas vão para a praia de gola alta?
      Sempre ouvi dizer que a justiça é cega portanto tanto faz calçar uns fantásticos Louboutin ou uns fofos Vans Old Skool :)
      Obrigada, de nada.

      Eliminar
    7. Se querem a Justiça rápida é perfeitamente coerente que as magistradas (sejam Juízas ou Procuradoras) possam usar ténis! ^^
      Mal estamos se confiamos na competência de uma pessoa pelo calçado e/ou roupa que usa!!

      Eliminar
    8. A sério anónima das 20.44?!?!
      Portanto a competência da pessoa mede se pelo calçado!! Olhe sin

      Eliminar
    9. A sério anónima das 20.44?!?!
      Então a competência da pessoa mede se pelo calçado?
      Sinceramente não sabia.. Mas vivendo e aprendendo..
      Se alguma vez for a um tribunal irei pedir a sr. A juíza para mostrar o que traz calçado e se forem ténis vou logo pedir outra é alego incompetência.. O que acha??

      Eliminar
    10. Oh anon das 20:44h diga lá, já que não saberia o que pensar de uma juíza a usar sapatilhas, o que faria se fosse julgada por uma, ou em sendo advogada fosse a juíza da causa? Pedia escusa não me diga? Recorria da decisão para o supremo tribunal do estilo? Há gente tão fútil que até faz impressão.

      Eliminar
    11. Supremo Tribunal do Estilo é muito bom!!! ahaha! :)

      Eliminar
    12. Por acaso ténis nunca usei mas quase ;)
      E uso "bués" calças de ganga. As pessoas têm uma ideia completamente errada dos advogados e afins. É ridículo que achem que só somos competentes se calçarmos salto agulha e usarmos fato. Bem, eu também sou uma pessoa idosa de 38 anos e não posso andar sempre de salto.
      Dito isto, aqui há uns anos fui para o tribunal de calças de ganga, blazer e estava tão aflita dos joelhos que levei umas sabrinas (giras, com brilhos e coiso) mas ia na dúvida se ia underdressed. Por falta de espaço naquele dia o julgamento fez-se numa sala normal e vi o que não costumo ver: a roupa dos magistrados. A magistrada do MP estava de calças de ganga também e de sandálias e o juíz de calças de ganga rotas e sapatilhas de caminhada. Eu afinal era a mais bem vestida. E vejam só, tudo se fez, com ou sem ténis...

      Eliminar
  3. Que publicação mais certeira! Também eu estou prestes a entrar no mundo do trabalho mas, ao contrário da Adriana praticamente só tenho sapatilhas no armário e andava a panicar com a ideia de não ter que calçar quando tivesse de começar a trabalhar.
    Muito obrigada por nos mostrar que há salvação possível! :D
    Mariana

    ResponderEliminar
  4. Gostei das dicas. Há sapatos confortáveis que não são tennis. Eu tenho uns botins preto que são a maior maravilha deste planeta. Um beijinho grande*
    Vinte e Muitos

    ResponderEliminar
  5. Boa tarde Pipoca. Não consigo encontrar aqueles ténis da Zara (25,95€) nem nos saldos nem na nova coleção. Onde os viu? Obrigada pela ajuda.

    ResponderEliminar
  6. Óptimas sugestões!!
    Dora
    www.fashionwords.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
  7. Pois eu trabalho numa empresa em que não só nao posso usar gangas como não autorizam o uso de tenis.
    Ora sendo eu dada ao estilo mais informal possível tenho vivido, no último ano, o horror ao tentar adaptar o meu estilo a esta imposição que me parece deveras ridicula.
    Parece que é um salto alto ou um blazer que me vão fazer executar as minhas tarefas melhor ou pior!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Somos duas...e sinto me velha da forma como tenho de me vestir...so a sext feira é q posso ser eu mesma...

      Eliminar
    2. Pode sempre ceder-me o seu lugar, já que estou desempregada e não me importo nada com imposições de indumentária formal no local de trabalho.

      Eliminar
  8. Cavalheiro do Aeroporto11 janeiro, 2018 15:26

    Imaginei logo dois empregados de escritório em pleno gabinete de raquetes na mão...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahh, o cavalheiro é do Norte. Já podia ter dito 😏

      Eliminar
  9. A sério que uma rapariga que vai andar de bata atrás de um balcão numa farmácia está preocupada em ter um look "clássico"?? Ou mesmo no hospital, onde também andará de bata. Em vez de agradecerem por não terem de andar todas pipis no dia-a-dia, e gastar dinheiro nesse tipo de roupa (que acaba por ser sempre um pouco mais dispendioso do que andar de forma mais casual) querem, ainda assim, ir formais para o trabalho. God!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pensei exactamente o mesmo. E ainda me ocorreu que é uma questão que já não faz sentido, quando estamos em 2018 e as sapatilhas são tendência em contexto mais formal há muitos anos. Se é para estar atrás de um balcão que ao menos seja confortável, que ninguém vai reparar no que tem calçado e as costas agradecem.

      Eliminar
    2. Sabe que a bata que usamos permite:
      1) ver a parte de cima da camisola
      2) ver metade das pernas

      Surpresa surpresa:
      Acredite que se for de pijama ou modo “acordei há cinco minutos e não passei a roupa” somos logo apanhadas!

      Esta mania de criticar tudo e todos...

      Eliminar
    3. Parece-me que qualquer um pode, por natureza, gostar de se arranjar ou de adoptar um estilo clássico e que isso é independente a ter ou não que usar uma bata para trabalhar. Tenha a pessoa a idade que tiver.

      E como pode ver pelos comentários a resposta dada pela Ana não se prende exclusivamente a quem fez a pergunta. Aliás achei este post muito interessante e também tenciono tirar algumas ideias para o meu dia a dia.

      Rita

      Eliminar
    4. Post por parte da Ana muito interessante! Mas concordo integralmente com o comentário das 15h33.
      Adriana.. eu no teu lugar preocuparia-me mais em tentar fazer um bom estágio!

      Eliminar
    5. Eu cá trabalho numa farmácia e andamos todos casuais, calça de ganga ou o que nos apeteça. Quanto a calçado uso socas hospitalares, das feias mesmo.

      Eliminar
    6. Sim cara Rita, totalmente de acordo. Mas esta rapariga pediu à Pipoca sugestões para ter um ar mais clássico e profissional, porque ia começar a trabalhar...portanto não é apenas uma questão de gosto nesse tipo de roupa, ao que parece, é mais uma "necessidade". Até pode ir de Louboutins, se lhe apetecer. A mim o que me faz confusão, é uma rapariga tão jovem, que vai trabalhar ou atrás do balcão, onde mal se vê o que tem vestido, ou num hospital, e não é a atender doentes, estar tão preocupada em parecer "clássica" tendo em conta estas condicionantes. É a mesma coisa que uma engenheira civil ir trabalhar para a obra de saia travada e salto agulha. É lindo, é pois, mas se calhar não é o mais adequado. Mas isto já se sabe, cada um opina como acha que tem de opinar, e esta é a minha singela opinião, tão válida quanto as outras, só isso.

      Eliminar
    7. Experimentem trabalhar em saude e lidar com doentes durante ou nos primeiros anos depois da faculdade e depois conversamos.
      Nem a bata nos safa, por mais competentes do serviço que ninguém nos leva a sério! Uma makeup e uma roupa mais formal mais vzes é o suficiente para que nos levem mais a sério :)

      Eliminar
    8. Também sou farmacêutica e tenho muito cuidado com a imagem. Ando quase todos os dias de tenis mas mesmo assim gosto de ter um ar profissional. Até porque os utentes reparam nesse tipo de coisas. Se vamos menos bem vestidas ou descontraidas demais chegam a chamar a atenção...

      Eliminar
    9. Enquanto utente nunca reparei na indumentária dos farmacêuticos, é mesmo para o lado que durmo melhor. E quem diz farmacêuticos, diz qualquer outra profissão, principalmente se implicar o uso de uma farda ou bata. Quem sou eu para avaliar o que vestem os outros? Podem é querer vestir-se de forma x por gosto pessoal, agora que a maioria das pessoas não está interessada se estão bem vestidas acreditem que não estão.

      Eliminar
    10. À anónima das 19h16... Sou médica a acabar o internato e uso roupa casual todos os dias. Aliás ainda não tinha pensado nisso até ler este post e estes comentários. Eu não uso roupa casual, uso a roupa do meu dia a dia. Nunca me passou pela cabeça adaptar o meu calçado ao hospital para que me levassem a sério. Hoje estou de sapatilhas por exemplo... e pode ser a certeza que tive um trabalho muito sério :)

      Eliminar
    11. Anónimo das 21h24 ainda bem que pensa assim, mas não é a realidade mais comum. Para a maioria dos doentes as colegas mais velhas já são as Dras. e as mais novas são as meninas.. se eu aparecer com uma roupa mais descontraida então é que a minha credibilidade vai ao zero LOl

      Eliminar
    12. Anón. 11 jan 21:24: Identifico-me totalmente com o seu comentário.

      Eliminar
    13. Anonima das 22:02:
      So queria clarificar que nao ponho em causa que nenhum colega leve menos a serio o seu trabalho por andar de tenis/sapatilhas.
      O meu comentario tem como base o meu serviço e a minha experiencia pessoal. E nao falo apenas do calçado em si, falo em todo o conjunto. Sinto um bocadinho de necessidade de me "envelhecer" (não é bem isto mas não sei explicar melhor!)

      Eliminar
    14. Anon das 08:11h então é de lamentar que passe por isso. Mas não ligue, a sua credibilidade e profissionalismo estarão sempre acima de qualquer roupa que possa usar. Com o tempo, acredito que deixará de ser uma questão na sociedade.

      Eliminar
  10. Gosto muito dos sapatos vermelhos da Zara, acho-os muito diferentes e arrojados :).
    Beijinhos,
    Cherry
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  11. Para estar o dia todo em pé só com MBT. Que não são bonitos, mas não há dor que nos chegue. Eu tb já sou idosa tenho 41 e há 2 anos vendia reevistas e jornais ao balcão de uma loja de rua.
    Agora trabalho numa torre para lá de chique, e ás vezes as moças andam tão bem vestidas mas depois lá vêm os tennes estragar tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desculpe a ignorância mas o que são MBT? 🤔

      Eliminar
    2. Masai Barefoot Technology, é o chamado anti-sapato. Amortece o impacto do calcanhar no chão e muda a forma de caminhar. Que eu saiba, em Lisboa agora só se vende em Campolide. A 1ª loja foi no Areeiro e fechou. Houve outra no Dolce Vita Tejo e fechou. O ano passado arrisquei comprar umas botas pela net e correu lindamente, pq como já tinha ténis comprados no Dolce Vita sabia exactamente que número comprar. São caros e feios pq têm uma sola enorme. Com o tempo tem vindo a diminuir. Os sketchers shape-ups são uma versão semelhante. Enquanto caminha tonifica e emagrece (plavra mágica).

      Eliminar
    3. Ahah convenceu-me com o emagrece. Vou procurar, obrigada!

      Eliminar
    4. Podem emagrecer e serem uma maravilha para as pernas e pés mas são feios que dói

      Eliminar
    5. Quem tem problemas de ossos ou de coluna falar com o seu medico antes de comprar este tipo de calçado ...

      Eliminar
    6. Eu sabia que o emagrecer ia ajudar :-) Mas não fazem milagres.
      O Dr Jorge Mineiro, expert da coluna na Cuf Descobertas (e arredores) achas os MBT espectaculares. É só irem lá perguntar-lhe como eu fui. São feios que dói, mas eu prefiro não ter dor nas costas. É que quem já tem dores nas mãos e nos pés diárias dispensa todas as outras que conseguir dispensar. A Ana diz que é idosa com 37 a brincar, obviamente. E eu tb digo. Mas vejo pessoas mais velhas que não têm as dores que eu tenho e andam sempre frecas que nem umas alfaces. E eu como já estou na fase da alface meia verde meia roxa, uso tudo o que me puder ajudar a manter o meio verde. Eu não consigo usar all-star e não me parece que aquela sola faça bem a alguém. Eu não uso, mas cada um sabe de si. Acho óptimo pudermos abusar desta sala de estar da Ana para nos ajudarmos. Obrigada a todas que deram dicas que eu aproveitei.

      Eliminar
  12. Honestamente há botins rasos que são acolchoados e tão bons quantos alguns ténis: ros lisbon. Não são os mais baratos do mundo, mas existe de facto diferença.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahaha que publicidade tão subtil.

      Eliminar
  13. Ana e Adriana, os New Balance 520 nesta cor são só a coisa mais linda de sempre e acho totalmente apropriado (depende dos trabalhos, claro, mas mesmo assim):
    https://www.footlocker.com/product/model:282530/sku:WL520SNC/new-balance-520-womens/black/gold/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem giros! E bem melhores que a maioria das sugestões deste post que são bem pirosos (na minha opinião, claro).
      Eu, que adoro ténis e já tenho uns quantos pares não fiquei a cobiçar nenhuns.

      Eliminar
  14. Sou farmaceutica há 10 anos e já passei por todas as fases de calçado no trabalho. Não é facil um calçado ser bom o suficiente para aguentar 8 horas ou mais de pé e ao mesmo tempo manter a elegancia. Aliás é impossível. Os unicos que verdadeiramente funcionaram até agora comigo foram:
    Outono/inverno: MBT ou Skechers Shape ups: optimos para o pé, uma maravilha para as pernas, circulação venosa e coluna. Os MBT têm o inconveniente do preço e ambos são muito quentes para o verão.
    Primavera/Verão: Crocs. Sim, a sério, crocs. Por alguma razão existe uma linha profissional. Porque é calçado feito pra isto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estava aqui a ver quando iam aparecer na conversa os Crocs eh eh

      Eliminar
    2. Atenção que os shape ups e semelhantes estão a ser alvo de muitos processos em tribunal por fazerem mais mal que bem ...foram-me sempre desaconselhados por ortopedistas.
      Alda

      Eliminar
    3. O que me interessa a mim a indumentária duma profissional de saúde, ou doutra em qualquer local de atendimento? O que me interessa é a simpatia, a forma como me atende e os seus conhecimentos nos serviços que me presta.

      Eliminar
  15. Olha que fixe, esta rubrica voltou! Pois eu precisava da sua ajuda, Pipoca, para o que usar com estes 2 peças que comprei, e que não consigo conjugar com nada :P Para onde posso enviar as fotos das ditas peças, caso me possa ajudar?
    Obrigada,
    Maria

    ResponderEliminar
  16. Amo os vermelhos da zara! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  17. Nebula da Geox. Uso diariamente e são super confortáveis. Além disso o facto de não terem atacadores e terem um pequeno brilho tornam os ténis mais "especiais".

    ResponderEliminar
  18. Óptimas dicas Pipoca :)

    Beijinho

    https://marianabymariana.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  19. Eu era daquelas que só usava saltos altos para tudo menos praia e pouco mais. Há 2 anos foi-me diagnosticada espondilose um pouco "galopante" e para evitar que piore com tanta rapidez passei a usar sapatos rasos ...Aos poucos comecei a introduzir os ténis/sapatilhas na minha vida e muitas vezes são bem mais elegantes que sapatos ou sabrinas. Adoro uns jeans com blaser e tenis estilosos.

    ResponderEliminar
  20. Adorei todos os looks!!! Amei a sapatilha vermelha da Zara!

    ResponderEliminar
  21. Esses tenis da lacoste podiam vir p minha casa! Vou ficar de olho :-)

    ResponderEliminar
  22. Pipoca, pare lá com idosa aos 37 anos. Está a contribuir para preconceitos muito desagradáveis. Eu sei que é a gracejar , mas vá fazer stand up comedy com outros assuntos. Não é por ofender ou deixar de ofender, é mesmo porque está a prestar um mau serviço a muita gente que já tem de lidar com depressões, doenças e coisas sérias.
    O mesmo acontece com profissionais em cadeiras de rodas e outras coisas que já têm dificuldade de se impor e não é por usarem Louboutin ou não.
    Se chegar aos 80, cheia de dores e tiver reais dificuldades em calçar-se, vai-se arrepender de dizer que está idosa aos 37 anos. A vida não é só dos jovens.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. God, que esta gente ofende-se por tudo e por nada...

      Eliminar
    2. Olhe, eu cá digo que sou velhota por, aos 30, uma das coisas que mais gosto ser a combinação pijama quentinho, chá de camomila e saco de água quente nos pés, enrolada no edredão. E as minhas colegas de 40, 50 anos, não só não se ofendem, como se riem e dizem que sei o que é bom. :P Vamos lá ter sentido de humor?

      Eliminar
    3. Pois eu acho que a Ana é inteligente e sabe que tem muita audiência, mesmo acima dos 60 anos. Pensar que só os mais novos (abaixo de 30 ou de 35) é que têm direitos é perpetuar preconceitos. É como a história dos jornalistas "morreu um sexagenário". Não é uma pessoa de 60 anos. É um sexagenário. Já não vale a pena ligar a isso.

      Eliminar
  23. Olá pipoquinha. Não encontro as sapatilhas da zara (25,95€). Pode ajudar -me? Beijinhos

    ResponderEliminar
  24. Tantos ténis giros de morrer e a Pips apresenta estes?!OMG!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois na verdade estes não são os mais giros, e a Pipoca que me perdoe mas não tem muito gosto a escolher calçado.

      Eliminar
  25. Olá Pipoca bom dia!

    Podes, por favor, partilhar como se chama o tipo de letra que utilizas-te para escrever os títulos a rosa? "trabalhar de ténis" e "ténis para trabalhar"?

    Uma noiva em desespero que precisa desse tipo de letra para o seu convite de casório. pleaseeeeeee...

    Obrigadíssima!!!

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis