Pub SAPO pushdown

Passem o Carnaval para Agosto

quarta-feira, fevereiro 07, 2018

O Carnaval em Portugal vem acompanhado de um flagelo que decorre há décadas e décadas sem resolução possível. Como se sabe (e como estamos a sentir no próprio lombo), Fevereiro é aquele mês em que faz um frio do caralho caraças e, portanto, no Carnaval uma fada nunca é só uma fada. Um Homem Aranha nunca é só um Homem Aranha. Um Mickey nunca é só um Mickey. Uma Pocahontas nunca é só uma Pocahontas. Não. Em Portugal uma fada vai de camisola interior a aparecer por baixo das mangas em balão. Um Homem Aranha
vai de kispo e se ousar tirá-lo ainda se habilita a uma lambada, "Edgar, tu não me tiras o casaco, ouvistesss?". Um Mickey vai de gorro e cachecol. Uma Pocahontas vai de chapéu de chuva, que os pais não se compadecem cá com merdas destas. "Ah, mas o Darth Vader não usa collants!". E eu por acaso sou mãe do Darth Vader? Sou? Se a mãe do Darth Vader quer mandá-lo para a escola de manga curta em pleno Fevereiro, problema dela. Ela depois que o ature em casa uma semana, com uma otite, uma faringite, uma laringite ou uma dessas doenças acabadas em "ite" que foram inventadas para lixar a vida aos pais. Ainda por cima aquilo é uma família com super poderes, abanam um sabre de luz e a gripe vai-se.

Ninguém brinca com os pais portugueses, meus amigos. Queremos cá saber se os disfarces de Carnaval ficam arruinados por um gorro, uma gola alta ou um casaquinho de malha. Nós não queremos é os putos ranhosos e a espalharem bichezas lá por casa. No Carnaval os nossos miúdos vestem-se como se fossem para a neve, que isto não é cá o Rio de Janeiro, onde pode andar tudo de rabo ao léu. Por debaixo de cada disfarce há uma criança enchouriçada, devidamente resguardada por 453 camadas de roupa. E que nem ousem abrir o bico, que não venham cá com queixas de que os movimentos ficam limitados e não podem brincar à vontade. Amanhem-se, que eu já tive a vossa idade e também me safei.

Paralelamente a isto há um outro problema, que se prende com o calçado. A malta é capaz de investir 120 euros num fato de bombeiro de última geração, mas depois o sapato nunca acompanha o traje. E isto é uma coisa que já vem da minha geração. Quem nunca foi uma princesa de botas ortopédicas ou um cowboy de ténis do Calçado Guimarães, não sabe o que foi viver uma infância no limite. Não há cá tempo nem dinheiro para estar a arranjar sapatinhos da Frozen ou botas de Stormtrooper que nunca mais serão usados. Vai de galochas ou com as sapatilhas da ginástica e que se lixe, vamos embora à minha frente. O Mateus, por exemplo, hoje foi um Batman de ténis. Claro que houve protestos, mas  consegui convencê-lo de que o Batman corre muito mais depressa de ténis do que com aquelas botas que ele usa e que pesam alguns 30 quilos. Aceitou a explicação, não teve outro remédio e lá foi todo contente. Com casaco. E gorro. E luvas. E cachecol. Que de parvo este Batman não tem nada, e rapar frio não é com ele.

84 comentários:

  1. :)nao e justo ,ninguem merece nao sei qdo conseguirei parar de rir:):):)Daqui a pouco estou constipada de tanto chorar a rir:)

    ResponderEliminar
  2. 😂😂😂😂😂😂😂😂😂

    ResponderEliminar
  3. Opá é tão isso... tenho andado a pensar nos collants e camisolas de gola alta e termotebs para pôr debaixo dos fatinhos de lady bug e do ninja cá de casa...com tenis, claro 😎

    ResponderEliminar
  4. Mesmo assim foste muito soft... O Carnaval não é mesmo para nós. Faz frio, os desfiles com "brasileiras" são deprimentes. A malta que assiste é saloia e as portuguesas são brancas e gordas. E sim, os sapatos nunca combinam com o traje principal ( tenho um enteado e sei do que falo ). Catarina

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não somos gordas, somos popozudas.

      Eliminar
    2. lol isso também sou ( o que quis dizer é que Carnaval frio e etc não combinam... ) Catarina

      Eliminar
    3. Ando há anos, anos, a tentar ter um
      Rabo compatível com o carnaval! Não desisto! Haja burpees
      Sandra

      Eliminar
    4. Lá vem o "racismo" contra as pessoas brancas mesmo brancas, que nem no verão atingem aquele tom café com leite.

      Eliminar
    5. Que comentário tão desagradável o da Catarina: as pessoas que assistem aos desfiles de Carnaval são saloias, e as portuguesas são gordas e brancas. Que pessoa espectacular que deve ser, Catarina. Ah, já sei, estava a ser irónica/ sarcástica...não, estava só a destilar fel. Quanto à conotação negativa de ser branco, sinceramente, a população mundial é esmagadoradamente constituída por pessoas não brancas, por isso, ter a pele branca é uma raridade. Saiam de Portugal, convivam com pessoas de outros continentes, e vão ver como a pele branca é apreciada. Esta obsessão pela pele morena em Portugal é apenas ridícula.

      Eliminar
    6. realmente o carnaval não é para nós, mas só porque faz frio..eu nem sou fã do carnaval, não ligo..mas trabalho numa terra situada entre ovar e estarreja e digo-vos em bem verdade: grande parte das minhas colegas de trabalho faz parte das escolas de carnaval. são pessoas que se dedicam o ano todo à causa..passam horas a tratar dos fatos, horas em reuniões, horas fora de casa, da família, para que no dia tudo esteja perfeito e para q as pessoas q assistam se possam divertir..eu já não as posso ouvir, mas a verdade é q a garra delas e a emoção c q falam daquilo, vale a pena ver..se n fossem elas e outras como elas, estas tradições acabavam..
      e nenhuma delas por acaso é branca e gorda..são bem morenas e bem giras..dão dez a zero às brasileiras..

      Eliminar
  5. 😂😂😂😂😂😂 eu é que vou ficar a rir até agosto

    ResponderEliminar
  6. Aqui em casa também vai haver um batman, mas por baixo do fato vai cheio de roupa à se vai ... bjs

    ResponderEliminar
  7. Ando há uma semana a rezar e acender velas pra chover e não saírem para a rua desfilar.
    Fazem a apresentação de cada sala num salão com palco da instituição e depois vamos pra casa!

    ResponderEliminar
  8. Ainda me estou a recompor do carnaval em Agosto e nem me atrevo a dizer gracolas:)genuinamente e um desperdicio nao tentar ir mais alto:):):)

    ResponderEliminar
  9. E as educadoras e auxiliares que também têm de pensar no seu próprio conforto térmico enquanto desfilam de palhaços, super heróis ou até de legume.... Nada fashion mas sobreviveremos (nem que seja gelada até ao osso) :)

    ResponderEliminar
  10. Fartei-me de rir. Eheheheh!... Um filme que se passa em todas as casas portuguesas onde há pimpolhos 😁

    ResponderEliminar
  11. Este post é tão eu! Já pulei de alegria por este ano ser o último desfile na escola,e já roguei umas pragas por mais uma vez, calhar aos pais tratarem da máscara. Associado a isto ainda tenho o problema dos agasalhos, porque com o frio que está, ainda corro o risco do meu filho congelar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Leu bem o texto? A Ana também falou dos agasalhos.

      Eliminar
  12. A minha avó fazia-me "capas" de cetim para a parte de cima dos sapatos, para ficar da mesma cor do fato.
    Que saudades dos meus fatinhos de carnaval personalizados feitos todos à mão pela minha avó

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por aqui igual
      Que saudades mesmo

      Eliminar
  13. A minha vai de Minnie com ténis Nike rosa e já não vai nada mal. É claro com a gola alta por baixo e o parka por cima.

    ResponderEliminar
  14. Completamente de acordo. Ai o dilema de mandar uma Bela Adormecida de bota que tinha que não tem nada a ver com o fato, ou se sapatinho brilhante mas a gelar os pés... Para além da camisola grossa a combinar com o vestido para não destoar muito ao vestir por baixo do dito... Seria pedir muito fatos de carnaval adequados ao nosso clima?

    ResponderEliminar
  15. Não é preciso vestir camadas e camadas de roupa, estamos em Portugal e não na Sibéria. Nada que uma camisola e leggins térmicas de caminhada em tempo frio/neve à venda numa decathlon desta vida, e a preços simpáticos não resolva. Por norma são bastante fininhas e quentes o suficiente para ficar por baixo da maioria dos fatos. Talvez não fique a coisa mais bonita em fatos que tapam pouca pele, mas fatos como esse que o Mateus está a usar, disfarça muito bem e ninguém fica a parecer um chouriço de tanta roupa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ó anonima das 23.47,não escuta os conselhos da Proteção Civil? Muitas camadas de roupa é o ideal para proteger deste frio, não siberiano mas bem áspero.

      Eliminar
    2. Sim sim a proteção civil fez o aviso e deve ser levado a sério mas as camisolas que a anônima está a falar são próprias para a NEVE. Aqui na Alemanha todos os miúdos as usam e não andam nada enchouriçados...e olhe que está bem mais frio aqui (e neve).

      Eliminar
    3. "No mundo dos unicórnios é tudo espetacular".

      Eliminar
    4. Não, mas pratico caminhada em tempo frio/muito frio, em montanha e às vezes com neve, e não é preciso umas oito camadas de roupa para festejar o carnaval na escola, usar boa roupa térmica é meio caminho andado (acompanhado de um bom casaco).

      Eliminar
    5. Tinha de vir a esperta! Como é caminhadora sabe mais c'ás outras, lol. Paciência!

      Eliminar
    6. querido anónimo vivo em andorra mas sou duma cidade do minho. embora aqui em andorra tenha levado com -10 ou -15 nestes ultimos dias, eu passo mesmo muito frio em portugal. e olhe que levo termicos e afins para portugal... diz que tem a ver com a humidade e coisas afins ;)

      Eliminar
  16. Acho que o carnaval em Portugal só é válido mesmo para as crianças. Não ha nada mais deprimente do que esta imitação foleira do carnaval do brasil, só me dá vontade de cortar os pulsos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Venham à serra da Estrela e vão ver o que é frio..-4 graus. Meus ricos filhos amanhã a desfilarem de piratas! !!!!!

      Eliminar
    2. Nos é que levamos o Carnaval para o Brasil e não o contrário. Até porque se reparar o Carnaval é festejado em vários países da Europa (Itália e Holanda p.e). Simplesmente no outro lado do Atlântico é verão e eles não têm de lidar com o frio de rachar .
      Xx

      Eliminar
    3. Os festejos de carnaval foram levados para o Brasil pelos portugueses. Simplesmente hoje em dia, há localidades que preferem organizar imitações baratas do carnaval brasileiro, completamente retiradas do contexto, em vez de celebrarem as tradições do Entrudo português.

      Eliminar
  17. Ri muito!
    Aqui no Brasil, o contrário ocorre no Natal. Morro de pena de ver aqueles homens vestidos de Papai Noel, cheios de mangas compridas e pelos em pleno calor de 40 graus...

    ResponderEliminar
  18. Pipoca, como é que o Mateus faz xixi?
    O fato é completo?
    Nunca comprei um assim, porque tenho essa questão :)

    ResponderEliminar
  19. Eu cá também acho isto do Carnaval só ridículo! Tá frio!

    ResponderEliminar
  20. A minha vai amanhã de Rapunzel, mas com uma camisola polar por baixo e botas Ugg.

    ResponderEliminar
  21. Por aqui antecipei-me e mandei buscar em Novembro um fato de Rapunzel todo xpto e quentinho, a antecipar o frio que está sempre nesta altura. Até que a escola da piolha lembrou-se de ter um tema para irem todos parecidos, e na semana passada recebi o aviso de que os meninos/as serão todos piratinhas, e o fato fica claro a cargo dos pais. Óbviamente não encontrei nenhum minimamente quente, a modos que lá vai ela com umas collants térmicas, botas nada a ver e camisola de gola alta a estragar o top com os ombros de fora. 😂😂😂

    ResponderEliminar
  22. Não sei se as pessoas de Lisboa (onde eu morei até aos 30 e tal) têm a mesma opinião que eu, mas aí quando eu era miúda o carnaval começava uma semana antes com o atirar de ovos e água aos autocarros (onde eu ía muitas vezes). À hora de ponta era lata de sardinha com vidros fechados para não ter o azar de lhe cair algo em cima. Isso e as bombinhas de mau cheiro nas salas de aula. Que smell!! Sempre detestei o carnaval devido a essas brincadeiras estúpidas. Hoje não gosto do carnaval porque tenho dois filhos (10 e 13 anos) e a questão do fato escolhido nunca jogar bem com agalsalhos por cima ou por baixo ( a menina já chegou a ser odalisca na escola, imaginam?) foi sempre uma guerra aqui em casa. Este ano ainda não falaram em nada e eu vou deixar-me ficar caladinha para não dar ideias. Pode ser que passe sem que eles se apercebam ;)

    ResponderEliminar
  23. Adoro!
    Impossível não morrer a rir! :D

    ResponderEliminar
  24. é que é mesmo isso tudo :)
    Eu que não sou nada nada ao Carnaval ainda me estou a rir e a pensar nas figurinhas triste que fazia :)

    ResponderEliminar
  25. Ao texto só tenho uma coisa a acrescentar, no meu tempo, a minha mãe comprava um disfarce e usava-o todos os anos até que me deixasse de servir, ou então usava o que fizesse para o carnaval da escola, de resto, é a realidade da minha infância e da dos meus filhos. Ainda hoje de manhã, enquanto vestia o mais novo, numa conversa muito séria, tentava convencê-lo a não levar, para o desfile de amanhã, o fato de Zorro, que é feito com um tecido super fino e lá está, teria que levar muita roupa por baixo, que era melhor levar um macacão da neve, pois está muito frio, era só colocar óculos, gorro, luvas e parecia um esquiador, com a vantagem de que não passaria frio. O miúdo ficou pensativo, vamos ver se lhe dou a volta ;)

    ResponderEliminar
  26. Curioso que antes de ler este post, estava em pesquisas nervosas para ver que calçado podia impingir à minha Mulher Maravilha sem colidir muito com o fato. Claro que a minha heroína vai levar leggings térmicos e camisola do mesmo material e eu só dou graças por ela ter facilmente desistido de fantasiar-se de ... sereia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A minha filha vai fantasiada de borboleta monarca, (aquelas laranjas e pretas...) temos andado a fazer a fatiota baseadas nos passo a passo da internet, e não é que nessas pesquisas vimos umas sapatilhas da NIKE, laranja e pretas e faziam mesmo pendant com o resto do conjunto?!
      Dei-lhe logo a desculpa de que a encomenda não chegava a tempo...

      Eliminar
  27. Não consigo entender o uso de ordinarices no seu vocabulário. O seu filho vai aprender a ler e se ler o que escreveu vai achar que c...lho é uma palavra normal. E não é. É pura e simplesmente ordinário. E mesmo que o seu filho não leia, existe muita gente (que pena) a ler. Tenha respeito por quem lhe paga o ordenado minha senhora. Ganhe nível e não seja vulgar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahah ja cá faltava o comentário indignado do dia.

      Eliminar
    2. Credo!!! Caraças que azedume....

      Eliminar
    3. Pipoca sem ser moralista até porque não sou mas por acaso também acho muito feio a banalização de palavras ordinárias. A Pipoca é culta mas acredite que isso não lhe fica bem na mesma. Mas pronto, deve ser uma moda trendy qualquer...

      Eliminar
    4. Ahahahahahahahahahahahahahahahahaha até ás lágrimas, vou passar a responder assim... muito bom!

      Eliminar
    5. Gente que acha que ter nível é não dizer palavrões <3
      (Só que não).

      Eliminar
    6. Pois eu cá acho que um bom fodasse na altura certa é libertador!

      Eliminar
    7. Emoji a chorar a rir...
      Será que quem lê até ao fim e ainda se dá ao trabalho de comentar, também é vulgar?! Emoji a revirar os olhos a estes anónimos sem graça...

      Eliminar
    8. faltou o emoji do smiley depois do emoji do dedo do meio, ahahah. que resposta fantástica.

      clara

      Eliminar
    9. Emoji a revirar os olhos para o Anónimo das 13:01

      Eliminar
    10. Ahahahahah a rir até Marte!

      Eliminar
    11. C...lho não é uma palavra normal. Por isso é que a Pipoca o riscou e substituiu por "caraças"...
      Emoji de ironia e emoji a rir comó cara...ças

      Eliminar
    12. Here we go again...

      Eliminar
    13. caralho, merda, foda-se são apenas palavras. o que é ordinário são ações e atitudes, não as palavras....

      Eliminar
    14. asneiredo é do melhor q há...então qdo me enervo, sabe tão bem..

      Eliminar
    15. Claramente não é do Porto este Anónimo... Cá diriam lhe para deixar de ser um chato do caralho .

      Eliminar
    16. Pipoca, eu se fosse a si não deixava o seu filho aprender a ler, senão a criança vai ficar traumatizada com os palavrões que a mãe escreve... ah ah ah!

      Eliminar
    17. Olhe pipoca, eu concordo completamente com o comentário da anônima. Porque isto é assim...A dona pipoca tem que entender que o seu piqueno não vai ouvir esta palavra em mai lado nenhum,nem ler nem ver nem nada. O MIÚDO VAI APRENDER A LER E VEM PRAQUI LER ESTAS ORDINARICES QUE A MÃE ESCREVE E VAI ACHAR QUE É NORMAL E DEPOIS O QUE É QUE ACONTECE? É as drogas! É o crime! É tudo! Por isso veja la se respeita quem lhe paga o ordenado se não vou ali ao banco e cancelo já a transferência!
      aí o caralho.....

      Eliminar
  28. AHHAHAHAH
    Emoji do dedo do meio para o Anónimo das 13:01 H
    Fónix que gente tão estúpida!!
    Melhor resposta de sempre, Oh Pipoca
    AHAHHAHHHH

    ResponderEliminar
  29. Com uma palavra só, ESPECTACULAR hahaha Grande fantasia. A minha preferida era o Zorro. Eu sou muito antigooooo lol Beijinhos Ana e que ele aproveite muito o Carnaval.

    ResponderEliminar
  30. Anónimo das 13.01
    O que vem aqui fazer? Desapareça!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vem pagar o ordenado à Pipoca, como ela diz :)

      Eliminar
  31. AHAHAHAHAHAHAHHAHA. Não gosta não come (neste caso não lê!). Dedo do meio para si também!

    ResponderEliminar
  32. Ai, Ai Pipoca como te atreves a escrever c***lho na presença do teu patrão?
    Depois queixa-te...

    ResponderEliminar
  33. Verdade verdadinha!
    Amanhã o meu Diogo (tem 5 anos) vai disfarçado de Árabe, mas lá por fazer muito calor nas arábias, essa não é a nossa realidade, por isso, por baixo da sua fantasia, lá irá com algumas camadas de camisolas. Ah... e de ténis pretos :)

    ResponderEliminar
  34. Ahahahahahhahahaahhaha! Brilhante Pipoca! Ai pá, o que me ri! Já dizia o meu pai: "se é para me insultar, ao menos que tenham razão"!
    Beijos e paciência, sim?

    ResponderEliminar
  35. Caralho com emoji do dedo do meio.

    Acabem mas é com a merda do Carnaval... já não se aguenta ver tanta gente feia junta, basta vir ao Carnaval de Sines.
    Fogem a sete pés.

    ResponderEliminar
  36. Não gosto, nem nunca gostei muito do Carnaval. Já me mascarei várias vezes, a minha mãe mascarava-me na época da escola, mas acho que há coisas que, para serem vividas, têm de ser sentidas, e isso, pelo menos em Portugal, só acontece a quem viveu os verdadeiros Carnavais, como o de Torres Vedras, por exemplo. Ora, sendo eu de Lisboa, e não havendo aqui tradição nenhuma nessa festa, é normal que não sinta grande apego por esta tradição. Agora, tenho amigos da zona de Torres que tiram férias nesta altura porque adoram festejar o Carnaval, o que é perceptível e muito legítimo. Por isso, para mim, esta altura é particularmente maçadora, e abrir o Instagram e FB e vê-los inundados com fotos de crianças mascaradas, epa, não tenho mesmo paciência.

    ResponderEliminar
  37. Ahahahah! Tão, mas tão bom...texto de mijar a rir. Com todas as palavras que tem direito, pois se é o que sente toca a botar p'ra fora. Ahahahah!

    ResponderEliminar
  38. Eu entendo e não entendo os dramas dos fatos. Em minha casa há vários porque se brinca com disfarces o ano todo mas no Carnaval não costuma haver grande drama. Já tive uma borboleta homemade em que se vestiu camisola polar e leggings escuros e cardados a fazer o corpo da borboleta. Ou uma dama antiga feita em casa com uns cortinados antigos de veludo super grosso. Também já tive um pequeno xerife com uma camisa de flanela bem quentinha, calças de ganga com collants por dentro e uma estrela de feltro cosida na camisa. Ou seja, parece-me é que têm de ir menos à loja do chinês e dedicarem-se mais à elaboração dos fatos. Não ficam tão bonitos, paciência, mas são mais confortáveis e com o orgulho de terem ajudado a fazer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Loja do chinês? É mais loja da Disney.

      Eliminar
  39. eu sou 100% foliona ou não fosse eu toreense! venham visitar o carnaval mais português de portugal 😉 viva torres vedras, viva as matrafonas! 🎈🎉

    ResponderEliminar
  40. Adoro o Carnaval, é a minha festa...os meus filhos gostam, divertem-se e sempre nos fantasiamos, caso algum não queira não vem mal ao mundo...sempre consegui contornar a coisa "da criança cheia de roupa", e sempre deu para eles se divertirem...Realmente o Carnaval com frio e chuva é mais triste e aborrecido, mas para quem gosta há sempre forma de se contornar isso e se divertir...Costumávamos ir para Torres Vedras, somos os saloios que vão ver os desfiles...A morar há 4 anos no Brasil, confirmo que aqui é melhor, bem melhor! Desde assistir aos ensaios das escolas de samba, aos trios eléctricos, aos blocos de rua que começam a sair para o esquenta ainda em Janeiro, todos os anos é uma diversão...Viva o Carnaval, afinal são só 3 dias de folia...quem não gosta, não participa, quem gosta, se diverte e festeja, sobretudo celebra a alegria!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não conheço o Brasil, mas confesso que gostaria de o visitar também no Carnaval. Deve ser uma explosão de alegria, e divertir-se faz tão bem à mente, mas pergunto-lhe a si se não tem um pouco de receio de viver no Brasil.

      Eliminar
  41. �� ainda hoje comentei isso com o meu marido. Nunca nenhuma menina fica uma princesa realista por causa do calçado. Ténis geox com vestido de princesa é um big no no. Qt ao carnaval no Verão, é ir para Santa Cruz. Já lá fui muito feliz de pijama, totós e urso debaixo do braço. No Inverno é Torres Vedras, no Verão é só andar mais um bocadinho ;)

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis