Pub SAPO pushdown

Morte ao sacana do piolho!

quarta-feira, agosto 09, 2017

De cada vez que a escola do Mateus envia um mail a dizer que há um surto de piolhos toda eu estremeço. Literalmente. Não sei se há algum estudo que comprove isto, mas eu acho que há ali uma certa acção pavloviana, porque de cada vez que alguém refere a palavra piolhos sinto vontade de atirar para o chão e coçar o corpo todo. Yaaaccckkkkk! Acho que esta minha aversão também se deve às muitas e boas horas de vida que perdi em miúda, de cada vez que havia piolhos na escola e a minha mãe passava horas (HORAS!) a inspeccionar a minha cabeça ao mais ínfimo pormenor. Acho que ainda tenho pesadelos com um pente fininho que ela usava e que praticamente me arrancava o couro cabeludo.

Talvez por isso um kit anti-piolhos tenha feito parte dos primeiros produtos que comprei para o Mateus, uma possível tentativa de o livrar deste drama. O miúdo ainda mal tinha cabelo, mas o produto contra o piolhame já morava cá em casa. À medida que ele foi crescendo e ganhando maior densidade capital, até atingir a Amazónia de caracóis que hoje apresenta, sempre me foram perguntando "como é que vais fazer se ele apanhar piolhos? Vais ter de rapar o cabelo ao miúdo!". Oi? Vou o quê? O facto de ele ter caracóis e o cabelo mais comprido faz confusão a muita gente. A mim, ao pai e ao próprio do Mateus não faz. Gostamos do cabelo dele, adoramos o cabelo dele e, até podermos ser nós a mandar, os caracóis são para manter. Mas há quem ache que curtinho é que era, por isso acho que, secretamente, até desejam que uma colónia de piolhos monte acampamento na cabeça do miúdo. Sorte ou azar, isso nunca aconteceu. Eu acho que os piolhos olham para aquela selva e pensam "uiiiiii, se eu entro aqui nunca mais vejo a luz do dia, deixa-me lá ir procurar uma cabeça mais civilizada". E é assim que ele se vai safando. 

Mas não é só isso, claro. Precisamente por ele ter um cabelo mais, digamos, difícil, vou apostando na prevenção. Quando chega o e-mail da escola entra em ação o Paranix, a marca número 1 em Portugal*, que tem uma gama completa de detecção, prevenção e tratamento dos piolhos e lêndeas, esses terroristas rastejantes (sabiam que os piolhos não saltam nem voam, só se arrastam? As coisas que descobrem neste blog...). E, meus amigos, as coisas mudaram muito do meu tempo para o tempo do Mateus no que toca a produtos para piolhos. Um dos mais incríveis é o Paranix Gel Localizador de Lêndeas, uma espécie de CSI dos piolhos. Então, é um gel avermelhado que, quando aplicado no cabelo, tinge apenas as lêndeas, o que torna muito mais fácil localizá-las. E aqui temos dois cenários;
1) Se não houver lêndeas, como tem sido o caso do Mateus, utiliza-se o spray Repel, que pode ser usado diariamente, já que cria uma película que dificulta a adesão da bicharada ao cabelo;
2) Se houver lêndeas o Mateus é imediatamente enviado para casa da sua avozinha, que tem tempo, paciência e uma experiência de anos no que toca a inspeccionar cabeças e aniquilar piolhos. Fica lá de quarentena e só volta quando não se avivar um bicho nojento que seja naqueles caracóis. Ou então usa o Champô e o Spray de Tratamento da Paranix, que são altamente eficazes e exterminam a bicharada a 100%**.


No meio disto tudo, e caso a criançada tenha mesmo piolhos, temos de rezar a todos os santos para que os desgraçados não cheguem também às nossas cabeças e fazer exactamente o mesmo processo que fazemos aos miúdos (menos a parte de sermos enviados para casa das nossas avós). Isto porque o champô de tratamento é recomendado para crianças a partir dos dois anos e o spray para crianças a partir dos seis meses. E é preciso reforçar que ter piolhos em nada está associado a falta de higiene, porque eles não são esquisitos, instalam-se de armas e bagagens em qualquer cabeça, independentemente da quantidade de vezes que a mesma vê água ou mesmo do comprimento do cabelo (estás safo, Mateus!).

Paranix encontra-se à venda em farmácias e parafarmácias, assim como em áreas de saúde de supermercados e hipermercados, e todos os produtos estão livres de insecticidas e ingredientes químicos.


*Dados HMR, Mercado Anti-parasitário Capilar, MAT Fev 2017, Farmácia + Mass Market, Valor e Volume; Europa: IMS Health, Data of Head Lice Europe, MAT Q4 2016, Pharmacy, Value and Volume.
**Data On-File, Gama de Tratamento.

Os produtos de tratamento de Paranix (Spray e Champô de Tratamento) são Dispositivos Médicos para o tratamento da pediculose. Paranix Localizador de Lêndeas é um Dispositivo Médico utilizado para evidenciar lêndeas. Paranix Champô de Proteção é um dispositivo médico utilizado para prevenção da disseminação da pediculose. Apenas para uso externo. Evitar o contacto com os olhos ou as mucosas. Em caso de contacto com os olhos, lavar abundantemente com água. Não usar em caso de alergia a algum dos ingredientes. Paranix Spray de Tratamento está indicado para crianças com mais de 6 meses. Paranix Champô de Tratamento, Paranix Localizador de Lêndeas e Paranix Champô de Proteção estão indicados para crianças com mais de 2 anos. Manter fora do alcance e da vista das crianças. Leia cuidadosamente a rotulagem e as instruções de utilização. Paranix Repel é um produto cosmético. Manter fora da vista e do alcance das crianças.

Post em parceria com Paranix

43 comentários:

  1. Tesxto muito bom e interessante. Só te esqueceste de uma coisa muito importante, os piolhos nadam e há muita gente que não sabe isso. Por vezes as pessoas não entendem como é que os filhos apanham piolhos sem terem andado a rebolar-se na relva ou em contato com outras crianças. Mas basta irem para uma piscina ou rio com piolhos que ficam logo infetados. Por isso é que nesta altura se deve ter um cuidado reforçado!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os piolhos não voam, não saltam e também não nadam.

      Já agora, as carraças também não voam, nem saltam.

      Eliminar
    2. Caro anónimo, ninguem disse que os piolhos voavam ou saltavam, nem se falou em carraças!
      E vá informar-se melhor, pq caso não saiba os piolhos nadam, sim nadam mesmo caro anónimo das 20:03!

      Eliminar
    3. Este anónimo devia ir ler informações sobre piolhos para ficar mais informado! Nas piscinas públicas obrigam a usar touca por isso mesmo: piolhos nadam e passam de umas cabeças para as outras!!!

      Eliminar
    4. As toucas nas piscinas são para não haver cabelos na água a entupir o equipamento...

      Eliminar
    5. Eu posso dizer-vos o mesmo, informem-se. Os piolhos não nadam. É verdade que não morrem na água, mas também não há evidências de que saiam a nadar da cabeça A para a cabeça B, até porque ficam num estado dormente no meio aquático.

      Mas cada um lê as informações que quer, é o que tem de bom a informação.

      Eliminar
    6. CARA ANÓNIMA OS MEUS FILHOS JÁ apanharam piolhos no rio! por isso nadando ou não, podem apanhar-se piolhos em prais fluviais e em piscinas. No mar isso não acontece pq água é salgada

      Eliminar
    7. Senhora, não se enerve, não vale a pena escrever em maiúsculas. Acredito que a senhora tem a certeza que os seus filhos apanharam os piolhos no rio. Mas não acredito que os tenham apanhado mesmo na água.

      Quanto ao tipo de água, mais uma vez, é irrelevante. Os piolhos sobrevivem igualmente em água salgada, água tratada com cloro e água sem tratamento. Se se espalhassem com facilidade através da água, o único problema que o mar lhes colocaria seria a corrente.

      Mas não vou continuar esta argumentação. Se quiserem podem pesquisar e ler um pouco (experimentem em inglês), ou fica cada um com a sua convicção.

      Eliminar
    8. Isto está tão bom!!! Diga-me lá, como é que tem 100% DE CERTEZAS que os seus filhos apanharam piolhos no rio, e não numa toalha/chapeu/t-shirt/inserir opção válida que estivesse contaminada? Eu apanhei piolhos através do Sol, tipo raios UVA/B, mas estes vieram de Marte.

      Eliminar
  2. Gostei da novidade do gel localizador, é que eu já comprei uma lupa com luz para conseguir ver as malditas!A minha filha tem sido uma desgraçada andamos sempre no mesmo, e o pior é que uma das vezes passaram para mim...

    ResponderEliminar
  3. Oh pipoca, já que tocaste no tema "cabelo do mateus"... na minha opinião (mesmo só minha) eu não encontro grande graça no cabelo do menino, acho-o uma criança super gira, super amorosa, mas realmente acho que o cabelo não está com nada, para além de que os cabelos à frente dos olhos não sejam nada benéficos para a vista das crianças. Mas se tu, o pai da criança e a própria criança gostam, sejam felizes com os caracóis do Mateus.

    Beijinhos
    tsg

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Novamente...gostos não se discutem, mas tal como a Ana há alguns posts atrás referiu, fiquei a pensar tratar-se de "alguma promessa... cigana"😁 sempre gostei de ver meninos até certa idade com o cabelo para o comprido, sobretudo quando liso. Embora considere adoráveis os caracóis do Mateus, Partilho da sua opinião😊

      Eliminar
  4. Na creche que o meu filho frequenta aconselharam me um pente eléctrico 😁. Com o puto também tem uma cabeleira farta compramos so para prevenir. Graças a Deus ainda nao foi preciso usar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na minha filha não resulta. Dinheiro mandado fora.

      Eliminar
  5. Azeite ou uma pipeta para cães funciona igualmente bem :)
    Um beijinho grande*
    Novo blogue! Vinte e Muitos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma pipeta para cães?!?!?!

      Eliminar
    2. Pipeta para cães??

      Eliminar
    3. Até pode matar os piolhos, mas e o mal que faz às crianças? Por algum motivo no dia em que pomos as pipetas aos animais devemos evitar fazer-lhes festas...

      Eliminar
    4. Lamento informar que os piolhos dos cães não são os mesmo dos humanos, não sei de onde tirou essa ideia da pipeta para cães?!?!

      Eliminar
    5. Não vai fazer mal às crianças, não se deve mexer para não se tirar o produto ao animal, porque se andarmos a mexer lá, em vez de ser a pele do cão a absorver é a nossa. Mas também meter uma pipeta às crianças de cão ou de gato não vai funcionar, visto que há várias "raças" de piolhos, os piolhos que afectam o cão, não afectam as pessoas, e os piolhos que afectam as crianças não afectam os cães.

      Eliminar
    6. Uma pipeta para os cães??
      Vamos lá a ver, as pipetas para os cães não são de borla, portanto entre ir à farmácia e comprar um produto para o cabelo das crianças e um para o pêlo de cães porque é que opta por um de cães? É no mínimo parvo, não? Já para não dizer que aquilo é feito para cães e os seus filhos são seres humanos!!
      Já agora, faça como antigamente, e use creolina na cabeça para matar piolhos...

      Eliminar
    7. Ouviu falar da questão recente dos ovos contaminados com um insecticida? Certamente não se importa de comer desses ovos, afinal é o mesmo insecticida que compõe as pipetas para cães.

      Eliminar
  6. E com os caracóis e com tonalidade do cabelo deles. :(
    Tenho uma em casa de caracóis dourados e cabelo de surfista que apanhou piolhos quase morri.
    Também uso esses produtos todos a partir desse dia.

    ResponderEliminar
  7. Obrigada pelo testemunho e as dicas, pipoca. Com o aproximar do início da escola, pela primeira vez, ando cheia de medo que a minha Pocahontas apanhe piolhos!! Pânico!!
    Outras mães com meninas de cabelos grandes: costumam fazer rotina de prevenção antes de existir efectivamente um surto?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim! Os srays preventivos têm sido os melhores aliados da minha sobrinha de cabelos longos e louros. E tem resultado!

      Eliminar
  8. Com o princípio da escola, nada de gastar fortunas em produtos de prevenção. Perfume pessoal, perfumem as cabeças de vossas crianças com perfume que piolho lá não toca. Pela 1a x em algum tempi o ano lectivo 2016/2017 foi piolhos free! Os de frutas da Yves Rocher são optimos, os da Zara tb.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ena!! Desconhecia!! Mas pode ser um perfume qualquer?! Ou aqueles perfumes específicos para o cabelo?! Ou aqueles sprays de pentear já servem?

      Eliminar
    2. Subscrevo!! Perfume na nuca :) todos os dias. A melhor prevenção.
      Os meus filhos mais velhos safaram-se dos piolhos até á 2 anos atrás. Apanharam eles e eu!!!! Foi um inferno. Eles sempre usaram cabelo comprido e eu também. Foram frascos e frascos de paranix e stop piolho. E lavar a roupa das camas a 90 graus. Cada vez que me lembro ainda me coço toda. Malvados bichos.

      Eliminar
    3. Magda, mas mesmo com o truque do perfume os bichinhos atacaram os seus filhotes? Ou o perfume foi depois? E que perfume utilizou?

      Eliminar
    4. Olá uso os da Zara de criança. O ano em que apanhamos foi porque não usei! eu estava grávida e o cheiro enjoava-me :( . Erro, antes enjoada que piolhosa 😂

      Eliminar
    5. Obrigada, Magda :) vou usar esse método quando a minha filhota começar a escola, a ver se escapamos :*

      Eliminar
    6. Em França fazem exactamente isso para afugentar os ditos cujos (perfume ou óleos essenciais) e funciona mesmo. Ao que parece eles não gostam de cheiros bons! Ah ah ah

      Eliminar
  9. Graças a todos os santinhos que a coisa evoluiu nesse aspecto. Eu sempre tive uma tendência espectacular para apanhar piolhos, acho que tem a ver com o meu tipo de sangue (ORh-), até porque também os mosquitos me adoram. Quando era mais pequena a minha mãe rapou-me mesmo a cabeça porque não se conseguia livrar deles. Passei toda uma infância a parecer um menino :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou ORh-, vivo em Mocambique (logo ha imensos mosquitos), raramente sou picada e mesmo em surtos de piolhos nao apanhei.

      P.S: Teclado em ingles.

      Eliminar
    2. Oh filha eu sou AB+ e também não me safo. Ele é melgas, piolhos e se houver pulgas nas redondezas tb vai😂😭 nas paragens no verão era ver toda a gente sossegada e eu com uma nuvem de melgas à volta...Mas as cabronas deixaram de atacar quando estive muito doente. Sabem muito.

      Eliminar
  10. Tenho 2 filhos já homens, um apanhou piolhos mais do que uma vez, o outro nunca.e estavam sempre juntos. Será do sangue?

    ResponderEliminar
  11. Ahhh até pensei que o menino tinha apanhado piolhos ... para fazer publicidade ... eu até acho que estes produtos não precisam de publicidade ... já os experimentei todos e não sou fiel a nenhum 😂😂😂😉

    ResponderEliminar
  12. A minha filha não tem tantos caracóis mas tem cabelo que dá à vontade para 3 pessoas (sem exagero, já a penteei a ela e a outras meninas e a minha tem nitidamente o triplo do cabelo). Apanhou piolhos uma vez e, lamento estragar a publicidade, mas esse tipo de champôs não resolveram nada, pelo simples facto de que os pentes não tiram nada do cabelo.
    Uma amiga (infelizmente) especialista em piolhos, recomendou-me o pente Assy e nunca mais gastei dinheiro em mais nada. O pente tem ranhuras que agarram mesmo piolhos e lêndeas e tiram-nos mesmo do cabelo. Basta colocar muito amaciador no cabelo, encher uma taça com vinagre e ir penteando e molhando o pente no vinagre (esta parte é que mata a bicheza). De prevenção, reparem que todos os champôs e sprays de prevenção contêm óleo essecial de árvore do chá e ou alfazema portanto eu passei a colocar uma gota de cada um dos óleos na escova antes de pentear. nunca mais teve piolhos. de qualquer das formas, de vez em quando passo o pente nas zonas mais críticas por prevenção e para ver se anda lá alguma coisa

    ResponderEliminar
  13. Uma a duas gotas de óleo de tea tree no shampô habitual e basta para evitar que os piolhos infestam o cabelo.

    ResponderEliminar
  14. O meu rapaz tem a idade do Mateus e o cabelo comprido e apanhou piolhos o ano passado na piscina durante as férias. Eu não dei logo conta e quando dei já era tarde. Eu já tinha apanhado e o pai também. Usei paranix e pente eléctrico

    ResponderEliminar
  15. Não posso ouvir falar em piolhos, principalmente com uma adolescente que não quer cortar o cabelo e que já vai a meio das costas, até me arrepio só de pensar, houve um ano em que o surto foi tão forte que sem exagero só de uma vez apanhei por volta de uns 50, paniquei até eu que tenho cabelos pintados, e dizem que eles não gostam de tinta , apanhei, foi simplesmente horrível, devo dizer que também uso o Paranix, principalmente por ser em spray, mas o pior são as lêndeas, pois se olharem bem de perto, vê-se aquele bichinho horrível, e tenho vergonha, aliás "morro" de vergonha
    #maedocoracaosoueu#

    ResponderEliminar
  16. Já ouvi falar do pente elétrico e este ano vou comprá-lo e ver se funciona na farmácia dizem que sim, aliás esgotam com muita facilidade.
    #maedocoracaosoueu#

    ResponderEliminar
  17. "pipeta para cães" e "os piolhos nadam" muito bom!

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis