Pub SAPO pushdown

LEGO Fun Factory: a fábrica mais divertida do mundo

terça-feira, setembro 27, 2016


Uma das minhas brincadeiras preferidas de criança eram os LEGO. Lembro-me de ficar hooooooras sozinha no quarto, a construir casas com 37 assoalhadas, com tudo e mais alguma coisa. É incrível como um brinquedo com tantos anos continua a acompanhar tantas gerações e é ainda mais incrível como eu agora dou por mim a "desviar" os LEGO do Mateus. Ainda ontem, enquanto brincávamos, construí um porco e um carro com um macaco (não me perguntem porquê, era o que vinha numa das caixas, um carro com um macaco). Ele fica ali à minha volta, todo entusiasmado, a ver as peças ganharem forma. E eu fico contente por ele adorar LEGO, porque é uma das poucas brincadeiras a que acho graça (prendam-me) e que não envolve saltos, bolas ou lutas de espadas.

Enfim, tendo em conta esta paixão comum, na semana passada peguei em mim e no Mateus e, a convite do MAR Shopping, fomos até Matosinhos, para conhecer a nova LEGO Fun Factory. Que, basicamente, é assim uma espécie de paraíso dos LEGO para os mais pequeninos. É destinada a miúdos entre os 3 e os 10 anos, tem mais de 600m2, e é um espaço onde eles podem contactar com o mundo LEGO em todo o seu esplendor, através de uma data de jogos e actividades. Como, por exemplo, o Brick Lab (uma área onde através de mais de 30 elementos LEGO e de esferas de rolamentos as crianças podem construir dez máquinas diferentes), ou o LEGO Nexo Knights (onde os miúdos se transformam em cavaleiros futuristas que lutam contra um bobo da corte maluco).



Há uma programação específica, que muda a cada três meses, e que vai desde brincadeiras com as peças mais clássicas (LEGO City, Lego Duplo, LEGO Friends, etc) até pinturas faciais, criação de máscaras, construções gigantes e muito, muito mais. A LEGO Fun Factory é de acesso gratuito (yeaaaaaahhhh) e os pais podem deixar lá as crianças enquanto vão fazer as suas compras (num prazo máximo de duas horas), entregues aos cuidados de monitores especializados. São eles que integram as crianças e as encaminham para as actividades que mais têm a ver com as suas características e idades. 

O único problema desta fábrica de LEGO (que também existe em Lisboa, no Dolce Vita Tejo) é mesmo conseguir arrancar os miúdos de lá. O Mateus saiu contrariadíssimo, por vontade dele ainda lá estávamos a esta hora. Veio o caminho todo de volta para casa a falar nos LEGO e todos os dias temos feito construções. Esta semana vou aventurar-me e tentar um pinguim. Aguardem-me!



53 comentários:

  1. Parece-me um autêntico paraíso para as crianças! Mas as fotos valeram mesmo pelo Mateus, que está cada vez mais giro e tão querido. E a mãe dele super super trendy :)

    Beijinhos,
    http://trendylisbon.com/

    ResponderEliminar
  2. Já cansas de tanto empurrar o miúdo... "Aqui, aqui, olhem o meu filho tão jeitoso para entrar em publicidade!". Não te cansas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deve estar a confundir blogs...

      Eliminar
    2. Não "te" cansas?????
      Para além de intrometido, ainda tem tempo para ser mal educado?
      Soa-me a tempo livre a mais... Que tal trabalhar e ser realmente produtivo? Ao menos tente...

      Eliminar
    3. Não fui eu que comentei mas também já reparei nisso, parece haver uma tentativa de "vender" o filhote.

      Eliminar
    4. Ahahaha! Abençoados sejam os cegos, porque verão a luz! Este não é o blog certo para este tipo de comentários. Mas gosto, e muito, da preocupação: não te cansas?? porque se ela cansar ajuda-a ?

      Eliminar
    5. O que já cansa é perceber que há tantas pessoas infelizes neste Portugal, sim, porque só a alguém muito infeliz faria tanta comichão a Pipoca usar o SEU filho para publicidade (ou não).

      Posto isto, verdade seja dita que estes comentários parvos geram sempre muito "sangue", e gosto de ler os comentários que depois a Pipoca dá. :D
      Paula

      Eliminar
    6. A pipoca é um MUST nas respostas que dá! 😂
      Eu não sou nada de comentar, mas venho sempre dar uma olhada para ver os anónimos a destilar veneno e a pipoca a colocá-los no sítio!!
      Gosto de tudo neste blog, continue assim!
      Bárbara

      Eliminar
    7. Tentativa de vender o filhote? Há dias em que até o rifava.

      Eliminar
    8. Se quiseres fazer um pacote (olha eu a fazer trocadilhos) rifamos o meu e o teu

      Eliminar
    9. Realmente há pessoas muito doentes... É preocupante

      Eliminar
  3. Quem nunca brincou? E quem se lembra da dor de pisar uma pecinha enquanto descalço? heheh
    Podiam ter criado isto há uns 40 anos http://comunicadores.info/2015/11/12/pantufa-da-lego-para-evitar-a-dor-de-pisar-nas-pecinhas/

    ResponderEliminar
  4. Até eu fico encantada, imagino o Mateus! :-)

    ResponderEliminar
  5. Adoro os sapatos :) os it shoes do momento

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ... no centro de dia da Ajuda!

      Eliminar
    2. Muito bom Anónimo das 12:25!! :))

      Eliminar
  6. Olha a pipoca roubou os sapatos à avó.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah medonhos!

      Eliminar
    2. Se os roubou à avó, tem uma avó cheia de estilo! Adoro os sapatos :)

      Eliminar
    3. Acho os sapatos bonitos, mas também penso que não são daqueles que reúnem consenso

      Eliminar
  7. O puto tem uma pinta de reguila ! boa sorte "

    ResponderEliminar
  8. Pipoca, foi ao baú da avó, só pode!Podem estar na moda mas not! A pipoca tem um estilo moderno e sport que não coincide com esse calçado. Sugiro-lhe que os ofereças à mamã.

    ResponderEliminar
  9. Procriem mais pfvr! Este miúdo é de se comer..

    ResponderEliminar
  10. Por aqui também somos fãs, mas ainda estamos no Lego Duplo. Os pais brincam mais que as filhas. :) http://www.vinilepurpurina.com/2016/08/28/lego/

    ResponderEliminar
  11. Ana, nunca comentei por aqui isto mas não tens medo de expores tanto o Mateus? Eu teria, e não digo isto com maldade!! Bjos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Defina "tanto". É que na semana passada queixavam-se de que eu fui de férias e ele só apareceu numa foto.

      Eliminar
  12. Sou só eu que quando vejo um post com muitos comentários (não tenho paciência para os ler todos), depois só faz scroll down para ver se aparece um quadradinho cor de rosa (foto da Pipoca), e fico toda contente de ver que a Pipoca respondeu a algum anónimo frustrado? Hã? Sou só eu? ah ah ah
    Go Pipoca!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou igual ahahah

      Eliminar
    2. Não, eu também ahaha

      Eliminar
    3. ahah faço exatamente o mesmo ;)

      Eliminar
    4. Faço exactamente o mesmo :) ahah

      Eliminar
    5. Ahahahah me too!

      Eliminar
  13. Pipoca, há a loja GAP em Lisboa? Julguei que não existisse em Portugal

    ResponderEliminar
  14. Confesso que não sou de fazer comentários, mas, estas acusações ridículas sobre expor o Mateus tiram-me do sério. O filho é da Ana Garcia logo ela pode fazer o que quiser sem ter que dar justificações e todos os que criticam provavelmente devem ter o facebook cheio de fotos dos filhinhos a fazerem tudo e mais um par de botas. Que tal começarem a dar mais atenção aos vossos filhos? Porque parece que se preocupam mais com o Mateus do que com os vossos ahh e btw get a life!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não acho que a Ana exponha o Mateus demais, ou pelo menos em comparação com a quantidade de blogs baseados em ser mãe que vejo por aí.
      Contudo tirando alguns comentários parvalhões sobre vender os filhos, acho natural a preocupação sem maldade. A própria polícia já aconselhou a não se partilhar fotos das crianças. E tecnicamente, uma criança é filha de alguém, sim, mas acima de tudo é um indivíduo que merece a sua privacidade e que usufrui desse direito como qualquer outro cidadão. E não, os pais "não mandam" nesse direito só por serem pais.
      Acho muitos comentários feitos à Pipoca desnecessários (até porque não vejo falhas de segurança em relação ao Mateus, nem fotos pouco apropriadas como já vi noutros blogs), mas essa ideia que uma mãe/um pai pode fazer o que quiser com a imagem dos filhos sem se justificar também está errada.
      E antes que pergunte, não, não tenho fotos das crianças da minha família no facebook. Aliás, uso o facebook como ferramenta de comunicação e ocasional expositor de opinião/música que goste e afins, evitando até expor a minha vida pessoal, pois sou defensora de que devo guardar o melhor para mim (embora não tenha nada contra com quem não o faz).

      Eliminar
  15. Saudades do lego e da minha infância, é sempre bom recordar, por isso de quando em vez, dou uma olhadela no canal memória da RTP 1, e dou comigo a falar sozinho...já passaram 20 anos!!!!! socorro estou velho...mesmo...mas depois passa e siga para a frente que é o caminho.

    bjos para a kika

    ResponderEliminar
  16. Pessoas entendam: a pipoca é a MÃE do Mateus, ela e o marido é que decidem se ele deve ou não aparecer, se ele pode ou não ir a eventos. Essa é uma decisão de ambos, e se por acaso ele aparece por aqui, é porque acharam que não havia problema, por isso esse é um não-assunto! Se ela está a vender, a sortear ou a rifar o filho é lá da conta dela, ou são vocês que pagam o cerelac ao miudo? Tanto pudor e no inicio deste mes andava meio Portugal a por no FB fotos dos filhos a porta da escola. Há coisas que não fazem mesmo sentido..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há pudor porque hoje em dia já saem estudos, já saem notícias e reportagens de miúdos, que entretanto já não são tão miúdos, e não acharam muita graça aos paizinhos os terem exposto pela internet fora. É um fenómeno recente esta exposição quase diária (não só de bloggers, de muita gente mesmo) e as consequências só se estão a conhecer agora. Claro que a pipoca é que sabe, é mãe dele. No entanto, não devemos descurar a consequência que isto pode ter para a vida futura das crianças e eu acho que é algo que merece ser muito estudado e, daqui a uns anos, regulado. Pessoalmente eu teria detestado que os meus pais pusessem fotografias minhas num blogue com milhares e milhares de visitas diárias (fossem essas fotos intimas - como às vezes os paizinhos metem as crianças quase nuas nos blogues ou redes sociais - ou absolutamente normais).

      Eliminar
  17. O meu namorado quer ir, mas há um probleminha. Ele hoje faz 31 anos.
    AHAHA!
    Ajudem-me.

    Beijinhos ♥
    Mónica Rodrigues dos Santos
    http://cupcakewomen.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  18. De onde São os sapatos???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Penso que são da Zara. Tenho uns iguais de lá :)

      Eliminar
  19. No meio de alguns comentários menos felizes, era construtivo saberem que um dos mais conceituados e reconhecidos criadores da lego é Português.
    Rosário Costa, natural de São João da Madeira, é actualmente diretora criativa, e responsável por 180 criativos da Lego.
    Faz parte do grupo de Portugueses com sucesso além fronteiras...

    ResponderEliminar
  20. Pipoca, dá para lá deixar o namorado? Ahahah.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah :D Pensei exactamente no mesmo!

      Eliminar
  21. Ana, de onde é a t-shirt?

    ResponderEliminar
  22. Até eu tenho pena de ser só para miúdos, chegava a brincar mais a isso que com as Barbies!

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis