Pub SAPO pushdown

Sim, os piolhos já passaram cá por casa

sexta-feira, novembro 09, 2018

E quem é que já tinha MUITAS saudades de falar sobre piolhos? Hmmmmm???? Quem era, quem era, quem era? Vocês, eu sei. Então vamos a isso, que eu não quero que vos falte nada. De cada vez que eu abordo o tema aqui, há sempre alguém que pergunta "então e o Mateus? Já teve piolhos?". E eu sei que é uma coisa difícil de imaginar, aquele anjo caracolento com a cabeça minada de criaturas nojentas. Para os piolhos aquilo é tipo a Disney, caracóis com fartura para eles andarem ali a fazer loops. Sonsos. Ranhosos. Vontade de os aviar à chapada. A primeira vez que reparei foi no ano passado. Estava a passar a mão pelo cabelo do Mateus e... lá estavam elas, lêndeas do demónio. E eram muitas. Milhares. Pronto, talvez esteja a exagerar, mas eram MESMO muitas. Estávamos a passar o fim-de-semana fora e eu comecei logo em nervos, a contar os minutos para voltar para casa e lhe aplicar o tratamento. Já tinha os produtos da Paranix, por isso queria passar ao ataque imediatamente. Se as bichezas queriam guerra, era guerra que iam ter, estava absolutamente determinada em exterminá-las. Mas, ao mesmo tempo, comecei a imaginar o filme que ia ser manter o Mateus quieto durante um par de horas enquanto lhe inspeccionava a cabeça. E passar ali um pente? Ui, ia ser bonito!

Assim que chegámos a casa expliquei-lhe mais ou menos o processo: "então, agora a mãe vai pôr-te o champô com o cabelo ainda seco, depois esperamos um bocado e a seguir vais para o banho". Assim foi: champô, champô, champô pelo cabelo todo (acho que abusei um bocado na dose, mas não quis arriscar), depois deixei-o a marinar um bocado e a seguir banho. Eu não sei se se lembram do cheiro do champô para os piolhos da vossa altura, mas eu lembrava-me que tinha um cheiro meio nojento. O Champô de Tratamento da Paranix não, é super agradável, como um champô normal. Como a seguir ia ter de passar aquele pente fininho pelo cabelo todo do miúdo, ainda lhe pus um bocadinho de amaciador, só mesmo para ficar completamente desembaraçado e facilitar o processo. E também para os piolhos ficarem mais cheirosos. Já que os ia matar a seguir, ao menos morriam a cheirar bem. Sentei o Mateus numa cadeirinha mais pequena, pu-lo em frente à televisão a ver bonecos e lá comecei a passar o pente. E eu juro que não sei como é que aquela criança ainda não se tinha matado de tanto se coçar, tendo em conta a camada de piolhos que tinha em cima. Para aí uns 20, fora as lêndeas. De cada vez que saía um eu largava a gritar "ahhh, que nojo, que nojo, que nojo, que nojo", só me apetecia coçar toda. Estive horas naquilo, só parei quando já não saía mais nada.


No dia seguinte lavei-lhe o cabelo normalmente e não resisti a passar o pente. Já não saiu nada. No resto dois dias fui usando o Spray Repel de Prevenção (casa roubada, trancas à porta) e, ao fim de uma semana, repeti o Champô de Tratamento, só para garantir que o extermínio tinha mesmo corrido bem. Correu, pelo menos não saiu nenhum bicho e à vista desarmada não havia nenhum no horizonte. No início deste ano voltou a acontecer e repeti o processo todo. E agora que a escola recomeçou toda eu tremo, à espera que comecem a cair os mails a avisar que anda aí mais um ataque de piolhame. A melhor arma é mesmo a prevenção, que pode ser feita com o tal Spray Repel (cria uma camada protectora que afasta os bichos) ou com o Champô de Protecção, que lava e protege. Se não sabem muito bem o que é um piolho ou uma lêndea (sorte a vossa, meus amigos), podem sempre recorrer ao que, para mim, é o produto mais espectacular da Paranix, o Gel Localizador de Lêndeas. Aplicam no cabelo das vossas crianças e, se houver lêndeas, as desgraçadas ficam imediatamente com um tom avermelhado, não há como passarem despercebidas. Se houver lêndeas, então é preciso passar para a fase de tratamento, com o champô, o spray ou a loção, que é a novidade deste ano da marca.

Posto isto, e respondendo a toda a gente que me perguntava "se o Mateus tiver piolhos vais ter de lhe rapar o cabelo, não é?", não, não é. Essa seria a opção mais rápida e a mais fácil, mas não só adoro o cabelo dele como acho que, de repente, podia ser um bocado agressivo ele passar de caracóis compridos para uma cabeça à escovinha. Claro que dá um bocadinho mais de trabalho, mas ninguém disse que ter filhos era fácil...


Este post foi escrito em parceria com a marca Paranix.
"100% eficaz numa só aplicação" - Ensaios clínicos demonstraram 100% de eficácia de Paranix Champô de Tratamento no tratamento contra piolhos e lêndeas, numa infestação de nível europeu. Estudos in vitro e ex vivo demonstraram a eficácia de Paranix Spray e Loção de Tratamento contra piolhos e lêndeas após um período de aplicação de 10 minutos. O produto também foi clinicamente testado após uma aplicação de 15 minutos. Data On-File; “Marca Nº1 em Portugal e na Europa” - Portugal: Dados HMR, Mercado Anti-parasitário Capilar, MAT Julho 2018, Farmácia + Mass Market, Valor e Volume; Europa: IMS Health, Data of Head Lice Europe, MAT Q4 2017, Pharmacy, Value and Volume; Os produtos de tratamento de Paranix (Champô, Spray e Loção de Tratamento) são Dispositivos Médicos para o tratamento da pediculose. Paranix Localizador de Lêndeas é um Dispositivo Médico utilizado para evidenciar lêndeas. Paranix Champô de Proteção é um dispositivo médico utilizado para prevenção da disseminação da pediculose. Apenas para uso externo. Evitar o contacto com os olhos ou as mucosas. Em caso de contacto com os olhos, lavar abundantemente com água. Não usar em caso de alergia a algum dos ingredientes. Paranix Loção de Tratamento e Paranix Spray de Tratamento estão indicados para crianças com mais de 6 meses. Paranix Champô de Tratamento, Paranix Localizador de Lêndeas e Paranix Champô de Proteção estão indicados para crianças com mais de 2 anos. Paranix Repel é um produto cosmético. Leia cuidadosamente a rotulagem e as instruções de utilização. Manter fora da vista e do alcance das crianças.

12 comentários:

  1. Cá em casa o paranix e todos os outros produtos para os piolhos não fazem nada...os bichos já se habituaram.

    ResponderEliminar
  2. Já passei por essa fase e tenho que te "avisar" que por duas vezes os piolhos passaram para mim também. Blhackkk tão bom não é? Na farmácia recomendaram que para além de lhe mudar a roupa de cama, também devia lavar os peluches (a minha filha dorme rodeada deles) :)

    ResponderEliminar
  3. Ajuda para 1milhão de €: pôr uma borrifada de perfume todos os dias de manhã no cabelo. Não há bicho que lhe pegue!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olhe que há! Por cá já é hábito fazer isso e mesmo assim os amiguinhos apareceram... 😭😭😭

      Eliminar
    2. Nos meus foi,remédio santo! Borrifadela no pente e escova (não no cabelo).

      Eliminar
  4. Eu esperei 30 anos para saber o que eram piolhos, quando a minha filha me presenteou com tal surpresa... Da primeira vez que ela teve, foi difícil tratar a situação, e só passou mesmo quando, juntamente com o Paranix, passava o pente eléctrico (depois do cabelo seco)... Ouvia-se os gajos a fritar (como naquelas cenas de fritar moscas à entrada dos cafés e mini-mercados)... Eu com meu cabelo afro, mas louro, tive mesmo de cortar, não havia pente que me entrasse nas repas... Voltou a ter mais uma vez, mas apanhei a coisa a tempo de não contaminar o resto da família... A partir daí, champô todas as semanas, para prevenir...(PS - não gosto do spray repelente, não porque não faz efeito, mas porque lhe deixa o cabelo meloso e cheira mal... )

    ResponderEliminar
  5. A minha filha até carraças apanhou na escola, tive que rapar-lhe o longo cabelo e untar-lhe a careca com criolina e cremes!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. que raio de escola onde anda a sua filha, cruzes

      Eliminar
  6. Eu não quero estragar o negócio a ninguém mas... pente assy (ou nitty gritty ou do género) e muito amaciador no cabelo e vai-se molhando em vinagre entre cada "penteadela". A bicheza morre toda e no meu caso bem mais eficaz que esses produtos. Cheguei a usar e ficou lá metade porque os pentes que vêm nessas embalagens não fazem nem cócegas nos cabelos cá de casa. Depois de prevenção é passar de vez em quando o pente e colocar uma gota de óleo de árvore do chá na escova antes de pentear. se reparem é um dos ingredientes dos champôs e sprays de prevenção

    ResponderEliminar
  7. Óleo essencial de lavanda diluído num óleo vegetal e aplicado diáriamente atrás das orelhaa. Zero piolhos em 2 anos de escola.

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis