Pub SAPO pushdown

Hoje deu-me para isto #427: especial Daniel Wellington

quarta-feira, abril 04, 2018













Há uns (bons) meses tirei o relógio do pulso e não voltei a pôr. Tenho uma data deles e alturas houve em que era capaz de trocar todos os dias, mas há uns tempos que me deixei disso. Não porque tenha deixado de gostar de relógios, se calhar foi só o meu subconsciente acelerado a dizer que não vale a pena estar sempre a correr contra o tempo. Mas agora chegou-me ao pulso este Classic Petit Melrose, da Daniel Wellington e temos sido inseparáveis. Gosto que seja relativamente pequeno (já amei relógios enormes), que seja dourado, minimalista, que tenha um ar clássico mas descontraído, e que seja bastante versátil (a bracelete pode mudar-se). Se também ficaram de olho neste ou em qualquer modelo Daniel Wellington, usem o código APIPOCAMAISDOCE na loja online e tenham 15% de desconto. Além disso, na compra de um relógio têm a oferta de uma bracelete extra. Aproveitem!

Resto do look:
Vestido Zara
Botas: Balmain x H&M
Carteira: Furla
Óculos: Oliver Peoples
Baton: Quem Disse, Berenice?

26 comentários:

  1. Está lindíssima! Uma grávida radiosa e elegante.
    Quanto ao relógio, adoro.

    ResponderEliminar
  2. Giríssima, miúda!

    ResponderEliminar
  3. Super gira. Mas apostava mais numa mala vermelha nesse conjunto!
    Um beijinho grande*
    Vinte e Muitos

    ResponderEliminar
  4. O relógio é um must mas esses saltos agulha e grávida confesso que me arrepia toda... não tem medo de cair??

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh senhoras...! :') Quem já andava de saltos não é por estar grávida que vai desatar a cair. Até de rasos se pode cair, mas viver com medo constante disso não me parece muito saudavel em geral, e numa grávida em particular.

      Eliminar
    2. Não acho os saltos assim tão altos e a Pipoca não está propriamente de 9 meses com um barrigão que nem deixa ver o chão :)
      Quando chega ao final, os saltos são mais complicados, agora no inicio não me parece que seja preciso abdicar deles. Pelo menos eu naõ abdiquei dos meus nas gravidezes.

      Eliminar
    3. Na semana passada ia caindo e estava de mocassins. E em Dezembro dei uma valente queda por ter escorregado na calçada portuguesa surpresa, estava de sapatilhas.

      Eliminar
    4. Nunca caí de saltos mas na semana passada, ao sair de casa, calçada com
      Adidas Gazelle, esbardalhei-me toda. Nota importante: grávida de 36 semanas.

      Eliminar
    5. Já caí com saltos e sem saltos mas o susto mais recente foi uma escorregadela na calçada portuguesa com umas sabrinas nos pés, um dia depois de uma cirurgia a um braço.
      A minha sorte é que dei ali uns passos aflitos tipo samba com um braço ao peito e lá me consegui equilibrar senão tinha ido parar ao chão, com a considerável probabilidade de voltar ao bloco operatório.
      Depois do episódio, tomei a minha nota mental: não usar sabrinas em momentos de incapacidade ou lesão física, a coisa pode piorar (F***ing bad day).

      Eliminar
    6. Então não devo ser só eu que às vezes desejava ter uma bengala para me apoiar ao andar na calçada Portuguesa, sobretudo em dias de chuva e vento. Até de ténis...e ainda estou nos quarenta e picos e bem airozinha;)

      Eliminar
    7. Há dois meses atras escorreguei com uns New Balance à porta de casa, que tem o que? A bela da calçada a portuguesa!!! A chover então, foi uma beleza! Este tipo de chão até devia ser proibido, muito bonito e tal mas um perigo!

      Eliminar
    8. O pior na calçada portuguesa são as pedras incertas e soltas, cheias de bicos e umas enormes fora do sítio, com buracos pelo meio, para cair então é o melhor. Falo nisso muitas vezes quando ando na rua, e tenho medo de tropeçar nelas, por isso qualquer tipo de calçado que usemos é susceptível a uma queda.

      Eliminar
    9. O problema com a calçada portuguesa não é apenas com as pedras soltas ou irregulares que dão origem a muitos entorses de tornozelo. O oposto também se aplica com as pedras mais polidas de calcário branco quando há um piso mais inclinado e tudo isto é meio caminho da receita para a desgraça de alguém.
      Não sou absolutamente contra mas também não sou a favor da calçada portuguesa, por mais bonita que seja. Devia de haver uma solução anti-derrapante e a saúde agradecia.

      Eliminar
  5. Eu desde que uso tlm deixei de usar relógios, habituei me tanto a ver as horas no dito cujo que nunca mais comprei nenhum !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cavalheiro do Aeroporto04 abril, 2018 15:59

      Qualquer Cavalheiro que se preze usa relógio. Faz parte da personalidade e só sai na cama.

      Eliminar
  6. Quando se veste assim não parece nada uma avó :)

    ResponderEliminar
  7. Gosto tanto! O look está lindo e a Ana radiosa!

    ResponderEliminar
  8. Está uma grávida bem gira, não era de se esperar outra coisa. Adorei a túnica.Muitas felicidades.

    ResponderEliminar
  9. Olá Ana,
    Está lindíssima.
    Só queria alertar para o facto de o link do site estar incorreto. Falta um "o" no .com .
    Felicidades para os 5.

    ResponderEliminar
  10. Esse tamanho é o de 28 ou 32mm ?
    Obrigada, Ines

    ResponderEliminar
  11. Amo os óculos! São o máximo!
    Pode informar qual é o modelo da Oliver People? Obrigadaaa

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis