Pub SAPO pushdown

Já não tenho idade (nem rabo) para isto

quarta-feira, setembro 20, 2017

Ontem vesti uns jeans pela primeira vez. Não, não vesti uns jeans pela primeira vez na vida, não vim de Marte, foram só aqueles jeans em específico. Gostei do corte, gostei de como me assentavam, e por isso ontem lá saímos juntos de casa. Tudo muito bem, tudo muito bonito, estava contente com as minhas novas calças. Ora sucede que ontem foi um dia particularmente agitado. Estive em filmagens para um projecto giro-giro-giro, tive de mudar de roupa umas quantas vezes, tive de me baixar e levantar e, na primeira vez que o fiz, ouvi as calças a fazerem um "rsssshhhhhhh" assim ao nível do traseiro. Levei a mão ao rabo (isto dito assim soa estranho) e constatei que se tinha aberto um rasgão ao nível da nádega direita (isto dito assim continua a soar estranho). Mais um agachamento e um novo "rssssshhhhhhhhhhh". Mais uma mão à nádega, desta vez a esquerda, e a constatação de um novo rasgão. 

Ao longo do dia a cena repetiu-se. Sempre que
tinha de me baixar, lá ouvia as calças a decomporem-se mais um bocadinho e eu só conseguia imaginar o meu traseiro a dizer olá através daqueles buracos. Que, ao início, eram só uns buraquinhos tímidos, mas que ao final do dia pareciam a cratera do Vesúvio, com a minha celulite a acenar ao mundo. Isto foi de tal ordem que passei o resto do dia com o casaco atado à cintura, constrangida pela vergonha de andar de rabo ao léu pela cidade. Saí das gravações para a escola do Mateus, da escola do Mateus para o treino de futebol, do treino de futebol para um espectáculo de stand up, sem tempo de passar por casa e trocar.

Meus amigos, eu não sou pudica, longe disso, mas há coisas que já não são para mim. Estou velha, e concluí isso quando, ao final da noite, dizia a uma amiga "vou levar as calças à minha mãe para ver se ela me dá um jeito nisto". Ou seja, há uns 20 anos rasgava os jeans de propósito para parecer cool (entretanto as marcas começaram a fazer isso e pouparam-nos esse trabalho), hoje em dia mando as calças à minha mãe para ela remendar os buracos. Só para dar ali um pontinho.

Atenção, eu gosto de calças rasgadas, aprecio bastante, até, mas não ao nível de parecer que o meu rabo anda em campanha eleitoral. Calma lá com isso. E eu não esperava isso destes jeans, juro que não. Confiei-lhes a minha amizade. E o meu rabo. A minha amiga dizia "ah, mas isso é assim mesmo, eles trazem um rasgão pequenino que depois se vai abrindo com o uso". Ponto 1, eu não tinha reparado nesse "rasgão pequenino". Ponto 2, mesmo que tivesse reparado, acho que não esperaria que o desfecho fosse aquele. Ponto 3, estamos a falar de uma marca decente. Uma marca onde uns jeans custam para cima de 200 euros. Não estou a dizer isto em modo gabarolice, até porque os jeans me foram oferecidos (dificilmente pagaria tanto por umas calças de ganga), mas para explicar que há coisas que se esperam de determinadas marcas. Se fosse uma Bershka, tudo bem, também lá compro roupa e sei ao que vou. Mas esta é uma marca a atirar para o carote, é uma marca que não tem as adolescentes como target, por isso não se explica que uns jeans acabem estraçalhados. NO RABO! Ao fim da primeira utilização! Tudo bem, se calhar é uma moda, uma tendência, uma cena fixe, mas para mim já não dá, obrigadinha.

E então lá vão eles, a caminho da casa da minha mãe, que tem em mãos a nobre missão de as transformar em algo digno de a filha usar, algo que não lhe mostre as vergonhas, algo que não a faça sentir com 16 anos a caminho do Urban para aviar shots. É assim que a pessoa começa a perceber que está a ficar velha. Estou a um pivot dentário de começar a tomar Calcitrin e a mandar as miúdas taparem-se.

63 comentários:

  1. ahahahah em campanha eleitoral é muito BOM

    ResponderEliminar
  2. Eu que também já não sou nova levo-os sempre, antes de os vestir, à costureira. A senhora aplica-lhe uns reforços por dentro e o rasgão fica ali quietinho no seu canto.

    ResponderEliminar
  3. Aconteceu-me o mesmo com as calças mais caras que comprei na minha vida. Ao fim de meia duzia de utilizações fiquei com o rabo ao léu. Nunca mais dei tanto € por umas calças

    ResponderEliminar
  4. Muito muito muito bom !!! Tambem me aconteceu o mesmo este verao (mas com umas calças da Zara )
    Ainda tentei usa-las mais uma vez... mas nao, senti-me mesmo com vergonha. Depois fui para o Nos Alive e achei que as miudas tinham todas esquecido do sitia por baixo dos bodys transparentes da Intimissimi.
    Nao sei se estamos a tornar-nos velhas ou se foi a moda que se tornou indecente !!!
    Ps: as minhas calças foram para o lixo ontem. coincidendia engraada :)

    ResponderEliminar
  5. E levar à marca antes de levar à mãe? Já me aconteceu, mas com uns baratos. Ainda assim levei à loja, e mesmo já não tendo o talão pediram deaculpa e disseram para escolher outro artigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. igualzinho... é reclamar na loja!

      Eliminar
    2. Teve sorte, a maior parte das lojas diz que é por mau uso do cliente, mesmo quando sabes que foi a primeira vez que usas-te, lavas-te à mão com cuidado (lá está gostavas mesmo muiiiito da peça, sai-te da corda completamente esburacada (tipo traça e farrapos.. ah o controlo de qualidade da marca..
      Suse Sousa

      Eliminar
    3. Usaste e lavaste.

      Eliminar
  6. Se foi a primeira vez quie os usou e isso aconteceu devia era levá-loa à marca, porque eles asseguram-lhe uns novos.
    Just saying.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... sim... por acaso 😂

      Eliminar
  7. E será que não engordaste? Agora as calcinhas é que as pagam! 😂😂

    ResponderEliminar
  8. Estamos todas fodidas. Se nem a Pipoca repara que as calças podem rasgar antes de ficar com as nalgas ao léu, que hipóteses temos nós???

    ResponderEliminar
  9. Tinha que vir um comentário descabido... Ó anón 12:26h, enxergue-se ! Provavelmente... Lá por ser "lontra", não queira que todas pertençam ao seu Clube! 😉

    ResponderEliminar
  10. Vai à marca e dão-lhe outras com um buraquinho em que acaba com o rabo ao léu! :D Então se as calças são mesmo assim, pelos vistos não é defeito, é feitio.

    ResponderEliminar
  11. É, com o avançar da idade, e ainda que "aparentemente" nos mostremos ao mundo em forma, mais cedo ou mais tarde, acabamos TODAS(leia-se as de bom senso), por não nos sentirmos bem e confiantes "nalguns trapos" adequados a teens(com tudo no sítio...) 😁
    Sem stressss Ana, o que não lhe falta certamente em casa serão pares de jeans substitutos e em bom estado!😁

    ResponderEliminar
  12. Fantástico Pipoca! Já tinha saudades :)

    ResponderEliminar
  13. Eram da Pepe ou da salsa?! Devias dizer a marca que eles só pela publicidade davam-te já outras...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pela má publicidade?

      Eliminar
    2. A salsa não tem jeans a 200 euros

      Eliminar
  14. O dia todo e não tiveste tempo para ir a uma loja comprar umas novas? O texto está muito engraçado mas completamente inverosímil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então, saí de casa às oito da manhã, às oito e meia estava algures em Alcântara a gravar. Acabei às quatro e pouco, fui a voar para apanhar o Mateus na escola e o levar para o treino de futebol. Acabou às seis e tal e às sete e picos tive de ir para um espectáculo que começava às oito. Por isso... não, não tive mesmo tempo.

      Eliminar
    2. Pipoca, gabo-lhe a pachorra de responder a perguntas de coscuvilheiros!

      Eliminar
    3. Mesmo assim teria tempo durante o treino. E nunca a querida pipoca iria sair à noite com a roupa com que andou de dia. Nem eu faço isso, que sou uma comum mortal, muito menos a menina. Lá está, está giro, se porventura subiu ao palco, de certeza que arrancou umas valentes gargalhadas... eu ri-me, a sério! Mas não deve ter acontecido assim tal e qual.

      Eliminar
    4. A mania que as pessoas têm de que sabem mais da vida dos outros do que os próprios!

      Eliminar
    5. Anónima das 16:21, troca sempre de roupa quando sai à noite? Defina sair à noite: ir buscar os miudos ao karaté às 21h conta?
      Por amor de Deus, nunca sai direta do trabalho para um jantar nem coisa parecida?
      Eu saio muitas vezes porque o tempo não permite sequer pensar em passar em casa.
      Nesses dias, quando já é previsível a saída, tento ir "mais arranjadinha" para o trabalho e pronto.
      Mas se a saída for de surpresa se calhar deixo de ir porque não troquei de roupa, não?

      Eliminar
    6. Really? Loooool
      Tipo, eu sou comum mortal e se durante a semana tiver uma saída vou direta do trabalho, não vou a casa mudar de roupa.. Como penso é o que a maioria faz.. Digo eu..

      Eliminar
    7. Mas que m.... de mania que as pessoas têm neste País de ditar a vida dos outros. Passam a vida a criticar tudo e todos, vão viver a vossa vidinha que deve ser muito triste, e deixem de dar bitaites, já irrita!

      Eliminar
    8. Eu saio do trabalho e NAO vou a casa mudar de roupa! E mesmo que seja uma saída surpresa NAO vou a casa mudar de roupa.

      Eliminar
    9. Eu sou uma comum mortal e quando saio do trabalho às 21h, confesso que não troco de roupa no caminho para casa.Mas talvez seja por ser uma comum mortal.

      Eliminar
    10. Eu nunca vestiria algo directamente da loja. Que nojo! (A roupa passa por fábricas, armazéns, caixotes, transportadoras...)

      Eliminar
    11. Já cá faltava... tenha vergonha...

      Eliminar
  15. Sou só eu que acho ridículo venderem-se calças de ganga a 200€ que se rasgam no primeiro dia?? Epa, não acredito que isso fosse o propósito! Acho calças rasgadas no rabo assim uma coisa meio brega. Não consigo gostar. Nem que fosse nu corpo escultural.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há roupa que rasga nos primeiros usos sim. Infelizmente bem cara.
      Determinadas marcas já não têm a qualidade que antes tinham...

      Eliminar
    2. Mas, a ganga? É um tecido tão resistente...ainda assim custa-me a acreditar que fosse objectivo que as calças se rasgassem na primeira utilização. Eu iria à loja, acho inadmissível. Ainda para mais com um preço destes!

      Eliminar
    3. Comprei 2 pares de calças na Salsa qd era miúda dos meus 12, 13 anos, pq vestia o 32 e não era fácil encontrar noutras marcas. 70€ cada par, coitados dos meus pais. Umas delas, a primeira vez q usei, rasgaram LOGO e nem me estavam justas. Nunca mais lá comprei calças. As outras duraram muito tempo, portanto mesmo dentro da mesma marca, há tecidos e gangas melhores q outras.

      Eliminar
  16. "Meninas", Tecido rasgsdo seja muito ou pouco é tecido que fica sensível seja ele qual fôr. Se elas vão abrindo quando é nos joelhos o que acham que acontece com as curvas do traseiro 😜

    ResponderEliminar
  17. Que moda tão feia. Neste momento não há limites para nada. Na minha opinião não é elegante de todo e é muito feio.

    ResponderEliminar
  18. Imaginei o que seria se a mesma coisa acontecesse comigo. Apercebi-me que, com toda a probabilidade, se as minhas calças começassem a estraçalhar, não dava meia hora que até o fecho não fosse bater na cara de um transeunte incauto, que não há material que aguente esse martírio aqui com esta coxa [dito pousando o gelado do mcdonald's devagarinho e empurrando para o lado].

    ResponderEliminar
  19. Fiquei com curiosidade em saber a marcar das calças...

    ResponderEliminar
  20. Ah pois não PMD ah pois não! Mas também para quê se é tão feia esta moda?

    ResponderEliminar
  21. Se calhar precisa vestir o número acima.. Digo eu..

    ResponderEliminar
  22. Até era uma história engraçada, se não fosse verdade. :/
    Ou as calças estavam justas ou eram muito fininhas... Eu ia à loja trocar. Até porque foram caros... Mas mesmo que tivessem sido compradas na primark, eu acho que se tem direito a trocar. Nada pode durar apenas umas horas.

    Se fosse comigo, eu acho que não ia conseguir andar com as calças assim. Andar com um casaco a tapar foi uma boa ideia.

    ResponderEliminar
  23. Esta história relembrou me uma outra...andava eu gravida aí de uns 4 meses ( o meu rabo ainda estava no sítio :) e fui marcar um exame.Saí da clínica, andei a passear a pé imenso tempo e só qdo cheguei a casa é q vi q tinha a bela da nalga completamente à mostra. Andei assim horas e nem dei conta...É q tinha meio cu mesmo de fora.Como ñ dei conta?? Ñ faço a mínima ideia mas ri q me fartei* Ah e tb as mandei pa minha mãe e ela "oh filha deitei-as fora q ñ tinham remendo"

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim aconteceu-me o mesmo há uns anos! Fiquei com o vestido preso na mochila e não dei por isso! Só quando cheguei à paragem de autocarro, depois de ter andado pela rua não sei quanto tempo, é que uma senhora veio ter comigo e me avisou...

      Eliminar
  24. Aconteceu-me o mesmo com uma calças da da Pepe Jeans (não paguei 200 € por eles porque comprei em outlet a 20 dolares ou coisa do tipo, mas alguém deve ter dado muito por outras iguaias a estas)...mas como o rasgão se foi criando entre pernas não reparei até estar um buraco ;)

    ResponderEliminar
  25. Pipoca, aproveito para lhe fazer uma sugestão se a Pipoca concordar, claro! Gostava que fizesse um post sobre aquilo que mais nos irrita nos portugueses, tenho a certeza que seria interessante e os (as) habituais comentadores teriam imensas opiniões a dar. Please, faça isso.

    ResponderEliminar
  26. Não leram a parte do "foram oferecidas"???...

    ResponderEliminar
  27. oh pipoca.. gabo-te a paxorra q tens. a malta ja n consegue ler uma simples historia sem analisar ao mais infimo pormenor se ha falhas ou nao lol

    ResponderEliminar
  28. AGM,
    ...Preste atenção, porque roupa que "rasga" inexplicavelmente é sinal de INVEJA!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quanta ignorância, valha-nos o discernimento !

      Eliminar
    2. Como se diz em Itália: "Se tutti gli illuminati portassero nelle loro corna un lampione, oh Madonna, quanti Illuminazione!!!

      Eliminar
    3. Cavalheiro do Aeroporto22 setembro, 2017 14:48

      Que rasgo de inteligência...

      Eliminar
  29. Cavalheiro do Aeroporto21 setembro, 2017 12:34

    A Pipoca é como o Chuck Norris: os números é que se adaptam a ela e não ela ao números...

    ResponderEliminar
  30. Posso dizer que me aconteceu o mesmo com 2 pares de calças da Replay!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cavalheiro do Aeroporto22 setembro, 2017 14:47

      Na verdade só lhe aconteceu uma vez. A segunda foi Replay. Experimente outras marcas.

      Eliminar
  31. Já descobri onde posso ver um bom filme quando não tiver onde ir... :D Por vezes os comentários chegam a ser melhores que os próprios posts...

    ResponderEliminar
  32. Eu ando com as jeans rotas à frente perto da vagina e nas nádegas... já não tenho idade para ligar aos comentários que oiço na rua... quero lá saber! Adoro

    ResponderEliminar
  33. já me aconteceu uma situação semelhança (as calças foram bem, mas mesmo bem, mais baratas). Usei, lavei, usei... e rasgaram-se do zona do rabo, uma vergonha porque também não tinha como trocar de roupa. seja como for, no dia seguinte fui à lojas onde as comprei, sem talão, expliquei que já as tinha lavado na maquina e milagre dos milagres afirmaram que não era suposto as calças rasgarem daquele modo e (tchammmm) deram-me umas calças novas!

    ResponderEliminar
  34. Aconteceu-me o mesmo com umas calças da pull (não havia um único rasgão em qualquer parte das calças, nem pontinhos!), também foi no rabo que se rasgou. Deitei fora e fui comprar outras iguais (adorava as calças e só tinha usado 2 vezes). Voltou a acontecer. Desisti e nao comprei mais nada na pull. Mais tarde soube de mais gente que andava reclamar de rasgoes ou da roupa aumentar/diminuir de tamanho e eles ofereciam outra peça igual para compensar. Mas o desfecho era o mesmo.

    ResponderEliminar
  35. A Ana tem no instagram uma foto onde está com as calças vestidas e com o casaco à cintura.
    Se querem assim tanto saber a marca, comentem na foto que gostam muito das calças (por acaso são lindas, adorei o pormenor do tornozelo!) e perguntem. Pode ser que tenham sorte.

    ResponderEliminar
  36. A mim aconteceu-me exatamente o mesmo que à Pipoca mas com umas calças Levi's, caríssimas, que não tinha usado nem 5 vezes... as calças estavam intactas e com um big rasgão numa das nádegas... dirigi-me à loja para reclamar a relação qualidade preço que no caso fora inexistente... a lojista ignorou e disse que só poderia ter sido mau manuseamento... a partir desse dia perderam uma cliente assídua e o melhor foi que a partir dessa data passei a comprar calças cujo valor permite que volta e meia se rasguem e se troquem sem que se fique com a sensação terrível de gastar dinheiro em algo que afinal é caro e sem a qualidade esperada...

    ResponderEliminar
  37. Caro não é sinónimo de qualidade.Nunca foi.
    Xx,
    The Mist Dessert

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis