Pub SAPO pushdown

É preciso falar disto #8: a mulher sereia

terça-feira, janeiro 24, 2017

O Facebook é uma ferramenta extremamente útil, não haja dúvida. Uso-o para estar a par da vida dos meus amigos, para saber o que o mundo em geral pensa sobre a vida em geral, para me entreter nas horas mortas (e naquelas em que devia estar a fazer qualquer coisa mais produtiva) e para ler notícias incríveis. Como aquela que li ontem e que me deu a conhecer a história de uma americana louca que deixou o trabalho para se dedicar a tempo inteiro à sua paixão. E que paixão é essa, perguntam vocês? Ajudar os mais desfavorecidos? Descobrir a cura para o cancro? Erradicar a fome no mundo? Visitar 200 países num ano? Nada disso.
A Caitlin - assim se chama - abriu mão de tudo para ser... sereia a tempo inteiro. Quero ouvir um "ooooohhhhhhhh" enternecido desse lado. Não é um amor? Num dia normal, uma pessoa normal acorda e vai para o seu trabalho normal. Num dia normal, a Caitlin acorda, põe a sua cauda de sereia e atira-se para uma piscina, juntamente com outras malucas amigas sereias. E lá ficam, horas a fio, para cima e para baixo, a dar à cauda e a fingirem que são a Ariel, a Pequena Sereia. Diz a Caitlin que se sente metade humana, metade peixe, e que a cauda é parte dela, como se fosse uma prótese, e que quem lhe tira a cauda tira-lhe tudo. Só aqui uma pequena nota de redacção para dizer que cada cauda custa mais de três mil euros, coisa pouca.

Ora bem, Caitlin, como dizer-te isto sem magoar os teus sentimentos de sereia? Bom, que se lixe, cá vai: mulher, deixa-te de parvoíces que já estás em boa idade. Eu também gostava muito de ser o Pequeno Pónei Arco Íris, de passar o dia a galopar em prados verdejantes, de ter quem me afagasse o pêlo e coiso e tal. Mas depois lembro-me que isso é capaz de ser um bocado estúpido, que vivo no mundo dos adultos, que tenho um filho para criar e contas para pagar, e deixo-me de merdas. A Caitlin é filha de dois biólogos marinhos, diz que sempre teve uma relação de proximidade com a água, e que sempre quis ser sereia. Infelizmente, alguém falhou redondamente na educação da pequena e não lhe explicou, na altura certa, que "sereia" não é bem uma profissão. É tipo o mesmo que querer ser um dragão, um unicórnio ou um cão da Patrulha Pata. Mas pronto, ninguém foi capaz de a contrariar e agora aí está ela, em modo sereia a dizer coisas como "toda a gente se ria de mim e aqui estou eu: sou uma sereia. Sou uma sereia real!". Sim, porque de certeza que agora ninguém se ri, está toda a gente incrédula a pensar "porra, esta mulher singrou na vida, é sereia, que sonho, que modelo a seguir".

Eu dediquei alguns minutos a pensar neste assunto e não estou bem a ver as vantagens de se ser uma sereia. Ok, só precisamos da parte de cima do biquíni (sempre se poupa) e a ideia da cauda é fixe, dentro de água dá um jeitaço, verdade, mas e quando se sai? E a Caitlin que não me venha cá dizer que é simples, que basta tirar a cauda, porque se quer ser sereia a sério tem de ser sempre, não é só pôr a cauda quando lhe dá jeito, grande trafulha. Tem de ser como nos matrimónios, na saúde e na doença, na alegria e na tristeza. Se quer ser sereia é 24 por dia, e aí é que eu quero vê-la a ir às promoções da semana no LIDL, a descer as escadas do metro, a esperar quatro horas por uma consulta de oftalmologia ou a ter de ir para a fila da Segurança Social para tratar do subsídio de desemprego (porque ela não trabalha, a calona!). E o cheiro a peixe? Ninguém fala disso, não é? É que a transpiração resolve-se com um bom desodorizante, mas o cheiro a tamboril é mais difícil de disfarçar. Ainda a Caitlin está a sair de casa e já a vizinhança sabe que ela lá vem. Pessoalmente, e não querendo ser preconceituosa, não gostava de ir ao cinema e calhar-me a Caitlin na cadeira do lado, que o cheiro a peixe entranha-se que é uma parvoíce. Viver com ela deve ser muito parecido a ter uma banca no mercado da Ribeira.

Mas bom, se é para a loucura eu acho que também podia ser uma boa sereia. Gosto muito de mar, não me dou mal com piscinas, em miúda fui montes de vezes ao Aquaparque, já estive um par de vezes no Oceanário, já levei um beijinho de um golfinho no Jardim Zoológico, fartei-me de apanhar conquilhas e vou montes de vezes a Setúbal comer choco frito. Penso que preencho os requisitos básicos para passar a vida de molho. Já agora, se pudesse ser sereia nas Maldivas agradecia muito. Deixo à consideração.

141 comentários:

  1. Só falaste nisto " viver com ela deve ser muito parecido a ter uma banca no Mercado da Ribeira".E qual seria o problema, Pipoca? Não compras peixe? E quem lá trabalha é gente digna!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Plim-plim-plim: Pede-se a comparência de um professor de português à caixa de comentários, por favor. Professor de português à caixa de comentários. Plim-plim-plim.

      Eliminar
    2. Eu queria dizer só "falhaste nisto ". O resto mantenho, pareceste pretensiosa. ..

      Eliminar
    3. Ter uma banca é digno concerteza! Viver com uma banca de peixe em casa é assustador... Percebeu Anónimo com vistas curtas e má compreensão de textos irónicos escritos em Português???

      Eliminar
    4. Anónimo das 11:10...tradução...."O cheiro a peixe da sereia deve ser muito parecido com o cheiro das bancas de peixe do mercado da ribeira"....

      Eliminar
    5. Vá, vamos lá explicar com calma. Então, eu estava a dizer que uma sereia deve cheirar a peixe, certo? E uma banca de peixe cheira a...peixe, correcto? A sereia cheira a peixe, a banca de peixe cheira a peixe. Logo, viver com a sereia deve ser parecido com ter uma banca de peixe. Captou a analogia? Era só isso, era só mesmo isso.

      Eliminar
    6. Até num texto simples se consegue encontrar algo para apontar o dedo, impressionante.

      Eliminar
    7. Ahhh a Pipoca voltou!!! *Palminhas* :D :D :D im happy and so what?

      Eliminar
    8. Agora percebo-te pipoca tens de ter cá uma paciência... Xiça
      Já agora parabéns , Voltaste!!! Adoro os teus textos, farto-me de rir, U go girl!

      Eliminar
    9. Oh senhores... A sério??
      Essa cabeça não está melhor que a da pseudo-sereia...

      Eliminar
    10. Pipoca não respondas, não te dês a esse trabalho, quem gosta de ler o que escreves agradece, a sério mesmo!!

      Eliminar
    11. Pipoca, pf ignore certos comentários, está a perder tempo com pessoas que não o merecem. Bjs

      Eliminar
    12. Quando abro a caixa de comentários fico com pena, chego à conclusão que o ensino realmente não funciona neste país. Ou então algumas pessoas são simplesmente idiotas.

      Eliminar
    13. Ignora o quê???? E depois eu vou me rir como???

      Eliminar
    14. Literacia... sempre em falta neste país (assim como o humor). Uma tristeza.

      Eliminar
    15. Gabo-te a paciência para estes comentários parvos. Olha eu não suporto o cheiro de hospitais e detestaria viver com um Hospital (seguindo a sua analogia), pergunto-me se também estaria a sera preconceituosa, já que os visados desta feita seriam os médicos, enfermeiros etc. Que raio, deixem de ser a polícia do correcto. E se a Pipoca declarasse que para ela a pior coisa do mundo era ter uma banca de peixe? Qual o problema? Mas agora toda a gente se ofende??!!

      Eliminar
    16. Adoro o teu humor pipoca! Analogias são apenas isso mesmo...quem se ofende não leia. Good you're back :-))

      Eliminar
  2. se é doida? se calhar sim... mas parece feliz.
    se calhar precisamos de mais sereias e de unicórnios.
    sejam felizes :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho!!

      Eliminar
    2. Concordo, mas depois penso nas contas a pagar e acordo para a realidade...
      E a realidade é que quase todos sonhamos em fazer coisas diferentes, mas poucos podem custear isso.

      Eliminar
    3. Pode ser-se feliz vivendo no mundo real e fazendo coisas "reais". Infelizmente a vida não é só sereias e unicórnios, há contas para pagar e coisas do género :)

      Eliminar
    4. há aqui um exercício mental a fazer: se não tivéssemos responsabilidades (financeiras e outras), quantos de nós seriam sereias ou unicórnios ou minotauros ou outra qualquer criatura mítica?
      Independentemente de sermos felizes "agora", até que ponto deixamos que a nossa realidade e quotidiano nos limitem os sonhos? (sejam eles quais forem, e por muito estúpidos e parvos que possam parecer)

      algo para pensar! :)

      Eliminar
    5. Definam "ser feliz".

      Eliminar
    6. Ainda bem que ainda existem pessoas que fazem o que bem lhes apetece sem padrões de "normalidade" impostos pelos outros.
      Haja colh**s para contrariar aquilo que os outros chamam "normais", "reais"! Valente Caitlin ��������

      Eliminar
    7. Ainda bem ( anón. 16:54), essas pessoas são mais felizes do que as que vivem amarradas a preconceitos!

      Eliminar
    8. Estamos completamente de acordo Anónimo 17:10. É por se sentirem livres que são muito mais felizes e merecem toda a minha admiração ao contrário de muita gente que por aqui comentou ;)

      Eliminar
    9. Também acho! :) A mim não me chateia nada. Vejo pessoas todos os dias que fazem mais impressão! :P Venham as sereias e os unicórnios!

      Eliminar
    10. a caitlin ESTÁ DOENTE!ponto final.

      Eliminar
    11. será??...
      ou seremos nós que estamos doentes?
      ;)

      Eliminar
    12. Ter c ****? tem é que ter quem a sustente com certeza... já agora, das 4 sereiras só uma delas é que parece feliz!

      Eliminar
    13. Compreendo,depende da perspectiva de cada um...eu diria que, a concretização dos sonhos, e de fazermos aquilo que realmente nos realiza nesta vida e nos faz feliz(ideal muitíssimo subbjectivo), não está ao alcance de todos...infelizmente😞. Feliz aqueles que conseguem😉. Algumas pessoas zombam da "mulher sereia", mas outras há que lamentarão não poder realizar os seus sonhos!😞

      Eliminar
    14. Então ela impõem o peso da sua felicidade nos outros. Alguém a mantém, certo? Ou ela vai no mar procurar alimento? Ela dorme numa cama (moderna este ser marinho!) quem paga as despesas da casa? Quem paga a manutenção da piscina? Talvez ela seja a herdeira dos reinos do mar onde as conchas se transformem em dolares.
      Nao me venham com Tretas de ser felizes. A felicidade é um conjunto de momentos, nao o estado constante. Ela tem algum problema serio, assim como as pessoas que permitem isso (pelo menos uns desfasamemto da realidade ela tem) e romantizar a ideia de que os actos dela são aceitados é simplesmente ridiculo. Ela nao é sereia, ponto final. Eu também nao sou jesus (E se eu quiser ser jesus, posso?)
      Cada coisa. E o mais grave nem é a atitude dela, é existir pessoas a acharem isso "bonito". Menos. Muito menos. Vida real esta a telefonar, vou só ali atender a chamada e tem muita gente que deveria fazer o mesmo.

      Eliminar
  3. Existe a versão "sereio" :P https://www.youtube.com/watch?v=m5lFK9-3YlQ

    ResponderEliminar
  4. espectacular, Pipoca :D :D ahahahahahahah

    ResponderEliminar
  5. Só uma perguntinha o xixi e o cóco é para dentro ou fora da cauda???? Acho mal deixares de fora assuntos pertinentes de fora.... Sexo??? como faz??? Sim sim, coisas assim que ficarei a pensar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Duvido muito que o sexo seja preocupação! 😂

      Eliminar
  6. Mas eu achava que as sereias eram elegantes...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E o que é ser "elegante"?

      Eliminar
    2. São elegantes só nos filmes! Na "vida real" há de todos os tipos! eheheh

      Eliminar
    3. Não foto, as duas primeiras sereias não são elegantes. Não têm um corpo elegante. É isso. Quer se queira, quer não se queira, ter excesso de peso não é elegante.

      Eliminar
    4. Elegante não é ter o "peso certo". Elegante é não comentar o peso dos outros e concentrarmos-nos somente no nosso.

      Eliminar
    5. Não conhece o ditado "pareces uma sereia, metade mulher, metade baleia?"

      Eliminar
    6. Excesso de peso não é elegante?? Ai ai... O que mais há para aí é magreza cheia de deselegância filhota...

      Eliminar
    7. Sophia, excesso de peso assim como magreza extrema, não é algo muito saudável e aos olhos de muita gente também não é elegante. É um conceito subjectivo que não pode contestar. Se para si gosta do que vê ao espelho, acho lindamente, mas terá que perceber que para outros não é bonito. Vai sempre depender das preferências de cada um.

      Eliminar
    8. *Clap clap clap* para o anónimo 12:45.

      Eliminar
    9. Ahahah anónimo das 13.18, tão bem pensado!

      Eliminar
    10. Elegante é não dar opinião? Vou tentar ter isso atenção...ups, já estou a comentar..se o anónimo não acha elegante está no seu direito, que virgens ofendidas!!! Não acho elegante uma mulher gorda, nem extremamente magra: crucifiquem-me!

      Eliminar
    11. A Anónima parece medir a elegância pelo perímetro corporal dos outros.
      Eu meço a elegância medindo o perímetro do tom que se utiliza. Não me considero virgem ofendida, mas penso que o seu perímetro é pequenito.

      Eliminar
    12. As duas primeiras são metade sereia, metade baleia.

      Eliminar
    13. Oh anónimo das 15:59h não misture educação com elegância física. São conceitos distintos e sua excelência saberá a diferença. Referir-se-á talvez à elegância vista como um todo, nisso até posso concordar que vai além do mero aspecto físico, mas julgo que é perceptível que o conceito aqui em análise cinge-se ao aspecto estético. Posto isto, aceite que cada indivíduo tem direito à sua opinião subjectiva, sobre o que acha ou não elegante, mesmo que colida com a sua (também) subjectiva apreciação.

      Eliminar
    14. Elegante:
      1. que tem elegância
      2. bem proporcionado; formalmente harmonioso
      3. esbelto
      4. que mostra bom gosto através de comportamento ou aparência
      5. requintado; chique
      6. delicado, cortês
      7. (estilo) conciso, preciso; desprovido de enfeites desnecessários

      Não entendeu bem o significado de elegância querido(a) anónimo(a) das 15:59, mas eu ajudo! Elegancia é uma condição física. Não tem de agradecer :) O meu tom foi irónico, deve ter havido aí um erro qualquer nas suas medições!

      Eliminar
    15. É certo que elegância é uma condição física. È um conceito diferente de educação, mas para mim uma pessoa pode ser muito elegante mas se não tiver educação, perde todo o valor. Senão vejamos o exemplo daquelas mulheres muito esbeltas e depois abrem a boca só dizem asneiras e palavrões, não se sabem comportar socialmente, onde fica a elegância? Isto tem muito que se lhe diga,mas sublinho, é a MINHA OPINIÃO!

      Eliminar
    16. Anónimo das 16h51, elegância TAMBÉM é uma condição física. Todos acabam por ter razão no que escreveram.

      Eliminar
    17. Então dizer que uma mulher gorda não é elegante não se pode, mas ofender alguém (e passo a citar: "Eu meço a elegância medindo o perímetro do tom que se utiliza. Não me considero virgem ofendida, mas penso que o seu perímetro é pequenito." que nem se conhece de lado algum ) é elegante? Se o conceito é tão subjectivo como dizem então a elegância do anónimo das 15:59 também não é nenhuma (e acredito que se fez o comentário de cima deve ser gorda com certeza, mas daquelas gordas que diz que se importa de ser gorda e que a beleza está no interior e não no peso). Ironias, ironias...

      Eliminar
    18. Nao acham bizarro uma mulher achar que nao é um ser humano, que é uma sereia, mas já acham uma catastrofe e criticavel essa mulher ter excesso de peso.
      Uma pessoa pode ter um problema psicologico e achar que é uma cadeira, o que nao pode nunca é ser gorda aos olhos de alguns.

      Os bom senso realmente nao é um dado adquirido.

      Eliminar
  7. Ok, a senhora é louca mas ser louco ás vezes é bom! ;)

    ResponderEliminar
  8. muito, muito bom! nada como um post destes para alegrar uma manhã de trabalho!

    ResponderEliminar
  9. Muito, muito bom!!!
    Anónimo das 11:10....correu mal a noite, foi?
    Credo!!!!

    ResponderEliminar
  10. Opá e não é que hoje resolvi ler os comentários outra vez!!! Oh Pipoca, então falas assim de uma senhora que resolveu ser sereia a tempo inteiro, ah ah ah ah !!! Por amor da Santa (lá estou eu a chamar os seres superiores outra vez) !! ah ah ah fico incrédula como as pessoas não conseguem mandar uma gargalhada com o que escreves e só conseguem ver o "maldizer". Xiça penico!!!

    ResponderEliminar
  11. Clap, Clap, Clap! Que texto delicioso <3 E o que já me fez rir.

    ResponderEliminar
  12. Pior que esta senhora só as malucas que aqui vêm comentar! É que não há paciência, é cada uma mais maluca que a outra. Nem sei como aguentas e ainda perdes tempo a explicar coisas que deviam ser óbvias...
    Parabéns pelo "renascimento" do blogue, está óptimo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com a anónima 11.55h incluída certo!??😜É que tambem comentou....casi não tenha reparado😙

      Eliminar
    2. "Casi" que não reparava...ainda bem que me alertou.

      Eliminar
    3. ah ah ah! e quando não há argumentos toca a a desviar o assunto para um erro que se percebe que é lapso

      Eliminar
    4. Lapso ou burrice? Por mim continuamos nisto o dia todo.

      Eliminar
  13. Um simples texto de humor é capaz de trazer comentários assim a atirar para o distorcidos, enfim. Continua, não é porque existe alguém que interpreta mal que todos os outros leitores devem ser privados destes textos tão bons. Parabéns Pipoca!

    http://lifeworklive.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  14. Adorei o texto pipoca muito bom! Um só aparte que achei interessante partilhar.
    Sei que nos Estados Unidos, muitas crianças diagnosticadas com distúrbios de personalidade do gênero ( personalidade feminina em corpo masculino ou vice-versa)desde muito cedo começam a idolatrar sereias por representarem parte humana parte animal, pelo seu caracter místico por não apresentarem zona genital.
    Assim, acho que poderam existir outros factores ( para além de não jogar com o baralho todo) para esta jovem ter esta atracação por sereias.

    Keep going the good work!
    Tiffany

    ResponderEliminar
  15. "Ainda a Caitlin está a sair de casa e já a vizinhança sabe que ela lá vem."
    Ri muito! Obrigada :)

    ResponderEliminar
  16. Eu também preencho os requisitos para ser Sereia nas Maldivas... Eu posso deixar a cauda, dispenso...atrapalha me muito :)

    ResponderEliminar
  17. Eu por acaso acho mal só falar da Caitlin... Atão e as outras 3 ̶m̶a̶l̶u̶c̶a̶s̶ amigas da Caitlin?? Em algum momento tiveram a mesma ideal ̶p̶a̶r̶v̶a̶ genial que ela...
    Se fosse só 1 pessoa, até se podia desvalorizar, era maluca como tantas outras, agora, quando já existem pelo menos 4, e até têm onde comprar as ditas caudas para alimentar a parvoíce, a coisa já começa a ser "preocupante"... Vai que isto vira moda... Vai que as meninas se lembram de ir para o alto mar, que é o "habitat" natural das sereias, e a seguir são apanhadas uma qualquer rede de pesca... Ui, a polémica que isso ia dar... XD

    ResponderEliminar
  18. Atenção que a sereia vestida de preto é um menino https://www.thesun.co.uk/living/2640200/meet-the-real-life-mermaids-who-have-quit-their-jobs-to-pursue-a-life-at-sea/

    ResponderEliminar
  19. A minha filha que anda sempre de cabeça na lua então vai virar a Sailor Moon!!
    Ele há cada uma!! AHAHAHAHA
    Welcome back Pipoca!;)

    ResponderEliminar
  20. A sereia do fundo parece um sereio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lembrei-me desta cena:
      https://m.youtube.com/watch?v=ZIBLgLNLX2g

      Eliminar
  21. Deves pensar que o teu blog ajuda os desfavorecidos ou é a cura milagrosa para k cancro!
    Sempre a julgar os outros querida pipoca um dia ofereço-te um espelho para ver se entendes o quanto ridícula és em determinados post's.
    A liberdade de expressão existe sim e a liberdade de fazer o que queremos da nossa vida também!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vá, pequena sereia, não se enerve que ainda começa para aí a escamar.

      Eliminar
    2. Ora nem mais! É por existir liberdade de expressão que a Pipoca pode dizer o que quiser, tal como a cada pessoa é livre de fazer o que quiser!

      Eliminar
    3. Oh que fofa... a Suh também quer ser uma sereia, que amor!
      (idiot alert)

      Eliminar
    4. Já reparei que a Pipoca responde mais vezes aos comentários parvos do que aos outros. Começo a achar que algumas pessoas fazem estes comentários DE PROPÓSITO só para terem atenção. É isso, não é? (por favor, Deus, faz com que seja isso e estas pessoas não sejam só parvinhas)

      Eliminar
    5. Oh Pipoca, gabo-lhe a paciência, mas mais uma vez lhe aconselho a não responder a gente parva, é uma perda de tempo, e eu também acho tal como a Dana, que essas pessoas só comentam para chamar a atenção, e para a provocar e irritar. Portanto o melhor remédio é a Pipoca as IGNORAR!

      Eliminar
    6. Eh pá q seca de gente!! Vocês ainda n perceberam que ela está a gozar com a situação? Que é a primeira a rir-se dela própria? Relaxem... Ir tomar café com vocês deve ser uma seca, então sair . Ui, que diversão!

      Eliminar
    7. Oh Suh a pipoca ainda não cura cancros, mas eu já fui tão mas tão feliz a ler o blog enquanto fazia quimio! Não cura, mas ameniza muito o que se sente naquelas horas. Já viu a diferença? A pipoca faz pessoas com cancro (e as outras, em geral) felizes, a Suh é uma ignorante que nem sentido de humor tem! Há lá vidas bem tristes...

      Eliminar
    8. Pensei e ia comentar o mesmo que a Dana!!!

      Suh, o blog da Pipoca não "é a cura milagrosa para o cancro", mas com o blog, a Pipoca já ajudou muito e boa gente, muitas e boas instituições, e alegra os dias de muita gente com estes belos textos!!
      Sorria, cara Suh... não leve tudo tão demasiado a sério!!!

      Eliminar
    9. "Vá, pequena sereia, não se enerve que ainda começa para aí a escamar."
      ahahahahahahah
      ahahahahahahah
      ahahahahahahah

      Eliminar
    10. Já se devem ter esquecido da boa ação da Maratona Solidária, que contribuiu com... imenso?! Foi para ajudar crianças doentes, não entra para os mais desfavorecidos nem cura contra o cancro, mas acho que conta, não conta?!

      Eliminar
    11. ahahahahah ó pipoca, dá-lhe!!

      Eliminar
    12. Concordo com a anónima das 15h04. Pena que a Suh não compreenda isso.

      Eliminar
  22. Apesar do ridículo da Èstoria, a Caitlin realizou o seu sonho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não me diga que acha que a senhora é mesmo uma sereia, lol...

      Eliminar
  23. Kakakakaka.. Quando eu penso que já vi de tudo nesta vida…pumba…aparece mais um louco (uma louca, neste caso) com mais uma novidade. :D Adorei o texto!!! Que saudades destas tuas intervenções! Já agora, qual delas é a Caitlin? Mera curiosidade!! :D


    ResponderEliminar
  24. Há pessoas profundamente perturbadas...a sereia, claro:-).

    ResponderEliminar
  25. Pipoca não me surpreende há 2 anos vi na net uma convenção num parque aquático em que se juntaram pessoas vestidas de sereias. Ora espreitem:

    http://www.pavablog.com/2015/01/29/convencao-em-parque-aquatico-reune-300-sereias-e-sereios/

    O que me ri na altura.

    Se a moça é feliz. Ao menos que ganhe dinheiro com isso.
    Bjs

    ResponderEliminar
  26. Acho que as sereias da foto parecem mais orcas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto deve ser comentário de mulher e como sempre deve ser belíssima...

      Eliminar
    2. Isso deve ser comentário de mulher e que deve ser orca!

      Eliminar
  27. Palminhas aqui da Suiça! Independentemente dos comentários maldosos e de todo este criticismo ao teu post, a verdade é que neste mundo ele há coisas extremamente estúpidas, como querer ser uma sereia. Mas pelo menos temos a Pipoca para nos fazer rir de uma coisa que é só mesmo estúpida.
    Obrigado Pipoca.

    www.anafernandes.ch

    ResponderEliminar
  28. Há sonhos e sonhos. Este é bastante invulgar, sabendo que encarnar na Ariel ou qualquer outra sereia é coisa para ser cansativo (ou até aborrecido) após 3 ou 4 anos.
    Mas para a frente é que é o caminho. Siga! Hehehehe

    ResponderEliminar
  29. Amei o texto Pipoca :)
    ACatlin divina sereia nao deve ter contas para pagar ao fim domes, deve ter quem as pague por ela, então pode se dar ao luxo de entrar em devaneios e delírios deste géneros, espanta-me é existir quem ainda as ature e aceite. imagina lá e cá em casa comunicar a todos que doravante, serei uma sereia. Certamente serei internada num hospicio em questão de apenas uma hora. Ahhahahahahah

    ResponderEliminar
  30. Não achei graça. Nem às sereias, nem ao texto.

    ResponderEliminar
  31. já vi sereias mesmo a sério

    ResponderEliminar
  32. E este? https://sol.sapo.pt/artigo/490325/este-homem-era-pai-de-familia-agora-vive-como-se-fosse-uma-menina-de-seis-anos

    Have fun 😂😂

    ResponderEliminar
  33. Calona?! E eu a pensar que só a minha mãe é que dizia isto! lol

    Espero que a... Caitlin não leia este post! São verdades demasiado duras e cruéis para uma sereia!

    ResponderEliminar
  34. obrigada por teres voltado com tanta força a este teu registo! muita dose de paciencia para aturar os cromos que vêm para aqui mandar bocas, mas epa, este registo é impagável! :D

    ResponderEliminar
  35. São sempre tão bonssss os teus textos!!! Parabéns! Realmente não dá para perceber o que vai na cabeça destas pessoas!? De vez em quando aparecem estes casos do outro mundo. Oh gente vão fazer algo de útil!

    ResponderEliminar
  36. Finalmente de volta, neste registo que tanto te caracteriza. Continua com o excelente trabalho! Beijinhos

    ResponderEliminar
  37. Adoro este retorno ao seu verdadeiro estilo de escrita. Obrigada!!!

    ResponderEliminar
  38. Pipoca has entered the building.Goodness gracious me! ;)
    Eunice

    ResponderEliminar
  39. Pipoca, talvez gostes de ver isto: https://www.instagram.com/hannahmermaid/ *

    ResponderEliminar
  40. Ahahahah o que eu me ri! Realmente há malucos para tudo :D

    ResponderEliminar
  41. Eu tenho dias que tb me sinto uma autêntica sereia....metade mulher metade baleia:(

    ResponderEliminar
  42. "Vá, pequena sereia, não se enerve que ainda começa para aí a escamar" ahahahah grande pipoca xD Não sei o que teve mais piada, se o texto se os comentários moralista ahahahah

    ResponderEliminar
  43. Daqui uma bióloga marinha a falar: ainda não tenho filhos, mas se porventura quando tiver, me calhar uma Caitlin, leva umas boas nalgadas naquele rabo, para não ter cá ideias de viver à conta de quem trabalha! Quanto ao cheiro a peixe, "comes with the territory"!

    ResponderEliminar
  44. Já li este texto N vezes - gostei de todas as vezes - e juro que só me ocorre um único pensamento: achei a Caitlin fofa.

    Como amante de onomástica, a única dúvida com que fico é em relação à pronúncia do nome da miúda. Ah, e já agora saber qual das sereias é a fofa da Caitlin :)

    Felicidades, Pipoca!

    ResponderEliminar
  45. Ainda há muito fascismo camuflado em Portugal. Vivemos na era da PIDE e não me dei conta? Tanto Anónimo a comentar só podem estar a brincar! Pensa-se que se pode dizer tudo mas está à vista que a cobardia não deixa ver quem comenta. É como jogar ao toca e foge. Tem-se medo da sinceridade. É a primeira vez que leio este blog e sinceramente fiquei chocada com tantos comtários ANÓNIMOS? ??? Pensei que vivêssemos num país democrático e livre. É por isso que os Portugueses não lutam por nada nem pelos seus direitos. Vivem uma vida morna abaixo do nível eurpeu pois com tanto ANÓNIMO com medo de comentar um blogue como irão protestar para aumentar os salários mínimos ou outras necesidades básicas importantes? SIMPLESMENTE NÃO TÊM VOZ. ��

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Intitular-se "Maria Reis" não a torna menos anónima que eu.

      Eliminar
    2. Que engraçado, Maria Reis, Carlota Joaquina ou Cátia Vanessa não é o mesmo que dizer Anónimo, principalmente quando nem perfil tem criado (e mesmo que tivesse podia ser falso)

      Eliminar
  46. Pipoca, retoma urgentemente o "Blogue meu, Blogue meu, haverá comentador mais parvo que o meu"! Tanto material e tão bom!

    ResponderEliminar
  47. Um humor absolutamente genial ! Valeu, valeu, valeu :)

    ResponderEliminar
  48. Em cinco dias de curso a 3,8 mil dólares é possível se licenciar como sereia professional na escola canadense Aquamermaid, em Montreal. O que esta carreira tem de estranha ou inusitada, tem de promissora, pelo menos no Canadá e nos Estados Unidos, onde profissionais cobram até 300 dólares por hora para ensinar a nadar como a pequena Ariel, personagem da Disney, ou simplesmente alegrar festas e eventos. O negócio parece mesmo lucrativo já que a escola expandiu sua atuação e abriu filiais nas cidades canadenses de Toronto e Ottawa e também nos Estados Unidos, em Phoenix, Burlington e Chicago. A profissão foi citada em reportagem recente do Business Insider com carreiras que são difíceis de acreditam que são reais. IN: http://exame.abril.com.br/carreira/6-profissoes-que-parecem-mentira-mas-existem/

    ResponderEliminar
  49. Eu venho só aqui fazer uma vénia à Pipoca, porque fez um post sobre uma maluca que decidiu ser uma sereia #soquenão e que já leva 125 comentários ;) you go girl!

    ResponderEliminar
  50. deve ser moda lá para as américas, as filhas das kardashians também têm umas caudas de sereia

    ResponderEliminar
  51. Curiosamente li em tempos, que é uma profissão nos EUA (só podia). Sereias para animação de festas de crianças, cobram entre $ 200 a $ 300 à hora, nada mau!!!!!!!
    :-)

    ResponderEliminar
  52. Realmente, ela pode fazer o que quiser da vida dela mas que não é normal não é, não venham para cá dizer o contrário por favor! Pipoca do meu coração, um conselho que lhe dou, não perca tempo a responder a comentários desnecessários e ria-se muito em vez disso como nós deste lado que a adoramos. 😉😘

    ResponderEliminar
  53. Faltou a poupança na depilação :) Ariel garota, como vai você? ( ainda sou do tempo da pequena sereia dobrada em brasileiro)

    ResponderEliminar
  54. Como é que será que fazem quando precisam de ir à casa de banho? Será que a cauda vem com fralda incorporada? Melhor, será que tem abertura tipo as ceroulas?

    ResponderEliminar
  55. Farto-me de rir com os teus textos (aliás como sempre)! :)
    Acho que cada um deve seguir a sua vida como quer, nem todos precisamos do mesmo para sermos felizes e nem todos temos a mesma forma de estar.
    Para mim ser feliz também não é apenas trabalhar para pagar contas, mas infelizmente há quem não tenha outra alternativa.
    Não acho que seja normal ser sereia a tempo inteiro, claro que não, mas já que ela pode deixem-na lá com a sua amiga cauda! :)

    Blog Soft Fashion Facebook Instagram

    ResponderEliminar
  56. Ohhhhhhhhhhhhhhhh pahhhhhhhhhhhhhhhhh! :-D

    ResponderEliminar
  57. Ainda por cima são sereias finas que para nadar no mar está quieto que é frio e tem ondas! A piscina é mais calminha e até aposto que tem a temperatura ideal para as suas caudas 😂

    ResponderEliminar
  58. Trabalhei com uma menina que queria ser uma sereia... e trabalhar como sereia! Julgo que o fez...imigrou para a Australia, se não estou em erro e trabalhou num Sea Life (ou o equivalente!) a fazer shows... a Vida de sereia não tem que ser vazia de conteúdo ou dinheiro :D

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis