Pub SAPO pushdown

Deixem passar o maior de Portugal

segunda-feira, maio 18, 2015

O Benfica foi BIcampeão e eu fui para o Marquês. Vou sempre. É uma festa maravilhosa, gosto de ver a alegria de tanta gente junta, gosto de assistir à chegada dos jogadores, comovo-me quando cantam o hino do Benfica a uma só voz. Mas não é um sítio onde me sinta particularmente segura (nunca me sinto muito segura no meio de milhares de pessoas). Nota-se, claramente, que há grupos que vão para ali só à procura de arranjar confusão e, por isso mesmo, tento sempre afastar-me um bocadinho mais, para não estar ali no epicentro da coisa. Ontem saí do Marquês já bem depois de os jogadores terem chegado. Estava a subir a rua a caminho de casa quando ouvi a voz do Luisão nos altifalantes a pedir para as pessoas terem calma, para serem civilizadas. Recebi uma mensagem de uma amiga a perguntar se estava bem e não percebi o porquê da pergunta. Até que chego a casa, ligo a televisão e me deparo com aquele lindo espectáculo. Ora bem, como é que numa festa de benfiquistas e para benfiquistas aquilo termina assim? Não era suposto estarem todos a celebrar o mesmo? Vi um bando de arruaceiros a provocarem deliberadamente a polícia, a arremessarem pedras e garrafas numa atitude claramente incendiária. Depois, claro, admiram-se que levam e ainda são capazes de ir para a televisão mostrar as vergastadas no lombo e dizer que a polícia foi abusiva, que eles só estavam ali a dar sopa aos pobres. É claro que, no meio da confusão, e lamentavelmente, há sempre quem leve por tabela, que a polícia não tem tempo para estar ali a perguntar quem é que se estava a portar bem e a portar mal. As pessoas vêem confusão e adoram ficar lá metidas, em vez de perceberem que, se calhar, é melhor porem-se ao fresco. Enfim. Como benfiquista, só posso sentir uma enorme vergonha por esta gentinha que nem sequer merece o título de adepto. Espero que sejam todos identificados e que sofram as consequências de terem estragado a festa a tanta gente. Bando de anormais. Ainda assim, não vamos agora aproveitar, como já vi por aí, para dizer que isto só aconteceu por serem benfiquistas. Vá lá, pessoas, não sejamos burrinhos nem aproveitemos para exercitar a clubite aguda, que é óbvio que gente descerebrada e arruaceira encontra-se em tooooodos os clubes. E, felizmente, são a minoria. A maioria, a larga maioria, estava ali só feliz, a cantar, a saltar, a festejar a vitória de mais um campeonato. E, porra, (até estragarem aquilo) foi mesmo uma festa maravilhosa!






Os meus lindos Adidas vermelhinhos estreados propositadamente para a ocasião!

61 comentários:

  1. Se é verdade que a polícia muitas vezes não tem outra opção que não partir para a violência, também é verdade que aquele episódio em Guimarães foi completamente lamentável! Também estive ontem pelo Marquês (um bocadniho longe da confusão) e tive medo, muita gente mais que bêbeda e só à espera de confusão. É de lamentar!

    http://entreosmeusdias.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É lamentável mas não sabemos o que aconteceu. Há neste momento um polícia preso por matar um miúdo acidentalmente no meio de uma perseguição após um assalto. O miudo estava com o pai. Ou seja, há pais parvos que se colocam (e colocam) em situações de perigo perante os próprios filhos.

      Eliminar
    2. Lá vem a conversa dos pais ao barulho. Se no caso do assalto isso é flagrante, ontem isso não aconteceu. Foi um simples jogo de futebol, onde apesar de puder haver confusão, parece-me que ali quem despoletou a situação de violência foi o polícia. Mesmo que o pai dos miúdos tenha chamado nomes ou cuspido (o que obviamente repudio) não me parece proporcional dar um murro a um idoso e andar ali à bastonada armado em valente. Estejam ou não crianças por perto, sendo claramente mais gravosa a situação na sua presença. Um polícia com formação é capaz de manietar um civil e algema-lo sem aquele espectáculo todo, não estava propriamente perante o Rambo. É de lamentar!

      Eliminar
    3. Concordo que há pais parvos, mas comparar um assalto e perseguição policial a ir com os filhos e pai ao futebol parece-me também lamentável. Não são situações comparáveis, nem o grau de ameaça do cidadão (desarmado) ao policia (armado) é comparável. Aquele polícia não representa (felizmente) a polícia, nem os adeptos ( pseudo-adeptos) que provocram os desacatos no Marquês representam os adeptos do Benfica

      Eliminar
    4. Esta história do levar as crianças já mete nojo! Tal como mete nojo o video onde se vê aquele policia bater no homem e dar dois murros ao senhor de idade. E para as pessoas que vêm dizer: Ah e tal, mas não tinha que levar as crianças, era um jogo de risco..O problema não está em ter levado as crianças ou não, o problema está no policia ser um brutamontes. Ou se as crianças não estivessem presentes já podiam bater nos homens à vontade??? Pensem, é para isso que têm cérebro!

      Eliminar
    5. Concordo plenamente com os últimos 3 anónimos. Foi uma situação completamente diferente e os pais têm a liberdade de levar os filhos onde lhes parecer bem, claro que convém ter alguma cabecinha, mas um jogo de futebol não é suposto ser um local complicado ou violento. As pessoas e neste caso específico aquele polícia é que tornaram um momento que se queria feliz numa situação completamente desnecessária.

      Eliminar
    6. Levar as crianças, levar as crianças... Blá, blá, blá! Levá-las a passear de carro ou até mesmo para a escola, também pode ser perigoso, bolas! Tenham juízo! Tudo nesta vida é perigoso!

      Eliminar
    7. O problema é que o perigo que aquelas crianças correram foi o de um polícia que bateu no pai e no avó e que outro polícia achou por bem protege los não vá o psicopata bater nas crianças também. Afinal o perigo estava em quem nós pagamos para nos proteger. Quem precisa de criminosos com exemplos destes?

      Eliminar
    8. O raio do polícia nem sequer precisava de bater em ninguém! Bastava dizer ao homem que estava detido por este ou aquele motivo e algemá-lo...para quê tanta confusão? E se autorizaram as pessoas a saír do estádio, porque é que não comunicaram aos agentes no exterior que ia saír uma família com uma criança a desidratar?

      Eliminar
  2. Não há nenhum clube que não tenha confusões com adeptos e facilmente começava aqui a debitar exemplos disso mesmo. Mas nenhum desses tristes episódios faz uma massa adepta. Só sócios o Benfica tem quase 300 mil. Dizer que aquilo é algo geral é absurdo. É pena que existam pessoas quem achem mais piada à confusão do que aproveitar durante mais tempo a proximidade aos jogadores num momento especial.

    Este ano não fui porque estou de muletas mas achei que a festa estava muito bem organizada. A estátua estava muito bem protegida, evitando outros momentos de euforia como trepar a mesma, por exemplo.

    Por momentos achei que a festa estava tão organizada e tão profissional que chegou a roubar naturalidade à mesma, algo que acontecia com a volta do autocarro.

    Mas o que é de lamentar é que algumas pessoas não saibam tirar proveito do que lhes é dado.

    #rumoao35

    homem sem blogue
    homemsemblogue.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Sou só eu quem acha que estes festejos, havendo um estádio, que ainda por cima tem capacidade para albergar tantos benfiquistas, deveriam ser feitos por lá? Honestamente, não me parece nada bem que uma "festarola", que só agrada a alguns, provoque o encerramento de avenidas principais numa capital e mobilize tantos recursos (polícia e serviços camarários)... A bem da economia não é, a não ser a que enche os bolsos dos chicos-espertos que por ali pululam a vender cerveja. (Atenção que sou simpatizante do Benfica, mas simpatizo ainda mais com a profilaxia da chatice!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então, se fosse no estádio ficava a relvinha toda estragada e o estádio todo porco, era uma chatice. Onde está o respeito? É uma catedral, caramba!
      Mas no Marquês já pode ser - se alguma coisa se estragar, quem paga é a Câmara, quem limpa é a Câmara, etc. Afinal, como li numa carteira na escola degradada onde estudei, "a escola é de todos, estraga bem a tua parte".
      A seguir vais dizer que isso de os clubes terem isencões de taxas está mal! ai ai! E ainda te dizes portugues(a)!
      (nota para os clubistas que espumam da boca: este comentário é irónico. E triste porque nem está assim tão longe da verdade)

      Eliminar
    2. Apesar de não ser benfiquista, não me incomoda nada uma vez que é um clube da cidade. Incomoda-me sim, ver ruas cortadas em cidades que nada têm a ver com o clube em questão.

      Eliminar
    3. Isso é simplesmente querer ser parvo. Todos os clubes, em todo o mundo festejam na Praça principal da sua cidade. Ora va ver onde se fez ontem a festa do Barça ou a do Bayern há umas semanas. E eu nem tenho clube em Portugal, mas a estupidez alheia faz-me sempre confusão.

      Eliminar
    4. Eu sou assim com os santos populares...não me dizem nada, nem sou religiosa...porque raio fecham uma avenida?

      Eliminar
    5. Não podia estar mais de acordo com os anónimos das 13.15h e 13.26.

      Eliminar
    6. O Estádio da Luz leva apenas metade das pessoas que estavam ontem no Marquês.

      Eliminar
    7. Ao anónimo "cosmopolita" das 13:54, lá por se fazer noutros países não quer dizer dizer que passe a ser aceitável. A estupidez alheia também chega ao estrangeiro...

      Eliminar
    8. Olhe e os santos que fecham a avenida todos os anos mais a foleirada das marchas populares? Também não gosto, para mim não faz sentido e levo com isso.
      Bolas fecharam o marquês num domingo à noite, incomodou assim tanta gente? É triste não gostarem de ver pessoas felizes.
      Note-se que condeno todo o tipo de vandalismo causado por pessoas em qualquer tipo de celebração, agora celebrações em si venham elas que são bem precisas

      Eliminar
    9. Pena essa felicidade colidir com regras básicas de viver em comunidade e respeitar os outros. E as buzinadelas por esse país fora até altas horas? Não sabem ser felizes de forma civilizada? Afinal de contas, a minha liberdade acaba onde começa a do outro.
      O resultado destas manifestações de felicidade está à vista. Graças a Deus, nenhuma criança ou grávida se magoou.

      Eliminar
    10. Anónimo das 15.17 claro que chega mas aqui estamos a misturar coisas. O que disse é que festejar nas praças da cidade é uma tradição, isto porque o habitual era as pessoas da cidade apoiarem o clube local (como acontece em Inglaterra ou na Alemanha, de uma forma geral). Logo, se estamos a festejar uma vitória da cidade festejamos na praça principal (ainda que actualmente haja vários clubes por cidade). Naturalmente há pessoas que não gostam de futebol e consideram os festejos um exagero, mas não podem querer impor a sua visão e misturar as coisas. Lá porque se gerou confusão não vamos proibir festejos com o argumento que podem sujar a rua senão acaba-se com tudo, desde os santos populares até à feira do livro. E isso é simplesmente parvo.

      Cumprimentos,
      Anónimo Cosmopolita

      Eliminar
    11. Anónimo das 18:08 nesse caso espero que na passagem de ano não haja barulho, que nos santos não dê para ouvir a bimbalhada das marchas aos berros por todo o lado, que no carnaval esteja tudo caladinho! Assim é que é bonito, tudo a festejar de bico calado, com a música muito baixinha e no conforto de sua casa.

      Eliminar
  4. Isso é doença!

    ResponderEliminar
  5. Nem mais!! Totalmente de acordo contigo.

    E viva o Benfica!! ♥

    ResponderEliminar
  6. Gostei do teu comentário no instagram "esperei 34 anos para ser Bi". Coitadinha :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E outros com a mesma idade e já tão habituadinhos e ser bi, tri, tetra, penta... Mas pronto, OK, pode ter demorado mais de 30 anos mas lá foi e foi merecido. Há que dar o braço a torcer. Parabéns.

      Eliminar
    2. Eu tenho 19 anos e desde que nasci o FCP já foi penta, tri, tetra e bicampeão!! :D

      Eliminar
    3. E ganhou quantos campeonatos nacionais, Anónimo de 18 maio, 2015 21:18, recorde-me lá? :)

      Eliminar
    4. 5+3+4+2=14 vitórias anónimo

      Eliminar
  7. Inveja de um não benfiquista:

    Deste post, adorei os ténis! Lol

    Ahhh...e parabéns!

    ResponderEliminar
  8. Arruaceiros há em todos os clubes, mas enquanto em alguns clubes aquele tipo de cenas só acontece quando existe algum tipo de descontentamento aparentemente os adeptos benfiquistas (alguns) acham por bem causarem o caos, partirem tudo e envolverem-se em confrontos com policia quando só tinham razoes para estarem contentes e festejarem estragando a festa aos outros. A mim incomoda-me profundamente pessoas que saem à rua com este tipo de atitude no meio de uma multidão e causam este tipo de situações pondo em causa a segurança do próximo. E no meu clube existem arruaceiros sim, tal como em todos os outros, mas quando se comemora não existem situações destas!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que riso. Eu não sou benfiquista, mas por amor de deus, "em alguns clubes aquele tipo de cenas só acontece quando existe algum tipo de descontentamento". Até parece que não há adeptos do Porto e de outros clubes que andam à porradinha só porque lhes dá na telha. Não seja ingénu@.

      Eliminar
    2. Quando o Porto festeja na rua, não andam portistas contra portista. Já alguma vez viu ou ouviu uma notícia dessa? Porque se tal tivesse acontecido, ao longo destes anos de bi, tri, penta e etc, a tv (de Lisboa) qualquer que fosse o canal... era logo 2 semanas a "bater no mesmo".

      Eliminar
    3. Que engraçado ... começa agora a aparecer nas redes sociais que afinal nem todos os que estavam nos festejos eram benfiquistas, e para bom entendedor...

      Eliminar
    4. 200.000 pessoas no marquês, 20 ou 30 começam a causar disturbios. Realmente foi uma percentagem do caraças!

      Eliminar
    5. Não vale a pena entrar em discussões, os benfiquistas não causam confusões no Marques, não roubaram o armazém em Guimarães... Alias são todos muito boas pessoas e santinhos...e maus adeptos só existem nos outros clubes...Poupem-me! Aqui ninguém quis enxovalhar os adeptos benfiquistas só dizer que é triste que numa noite onde todos tinham razoes para comemorar alguns tenham a infeliz atitude de estragar a festa dos outros...Se fiz a comparação com o meu clube é porque é a realidade que conheço, adeptos que passam a vida a ser acusados de porcos e animais mas que pelos vistos sabem comemorar bem melhor que vocês! E aproveito para deixar uma palavra de apoio aos adeptos dos Guimarães que foram tidos para este jogo como perigosos/risco e viu-se depois que a falta de civismo vinha do outro lado...Mas nada contra os benfiquistas, eu sei que as maças podres são uma minoria na sua massa associativa, só gostava que de vez em quando não usassem palas nos olhos ou não branqueassem as coisas!

      Eliminar
  9. Concordo com tudo o que disseste pipoca. Também sinto vergonha por esses "benfiquistas" que só vão para arranjar confusão e estragar a alegria e festa dos outros.
    Adorei o teu outfit e sobretudo os ténis, omdeus *.*

    Beijinho grande e força Benfica :D
    » http://xlittlebitof.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Aspectos negativos à parte, benfica sempre!

    Isa,
    http://isamirtilo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Em primeiro lugar não sabes que quem destabilizou e estragou a festa é Benfiquista ou para alem de parvos um bando de ressabiados!!! Devem ser castigados sim... da mesma forma que um policia que é pago para manter a ordem publica deve ser castigado por destabilizar a mesma!!!

    SOU BBBIIIIIIII CAMPEÃO :) :)

    ResponderEliminar
  12. Apesar de não ser do Benfica, concordo com a Pipoca. É uma vergonha este tipo de situações, esta violência gratuita de "suposto adeptos" que ao invés de festejarem a vitória do Benfica, saem à rua para procurar confusões e estragar a festa muitas pessoas. São atitudes que ultrapassam o Benfica e os seus adeptos e que só desonram o nome dos clubes e que afastam as pessoas dos jogos de futebol.

    S. (http://20secrets.blogs.sapo.pt/)

    ResponderEliminar
  13. Aaaaaaaaaaah afinal acertei na cor de um dos pares de ténis... VERMELHOOOOOOS ehehehehe... e já agora Parabéns pelo seu BENFICA! Eu sou mais daqueles que tem esperança (esperança daquela verde...) de um dia... quem sabe um dia...

    ResponderEliminar
  14. Maria João Baptista18 maio, 2015 16:43

    Eu vi-vos, até sorri cúmplice para vocês, e vocês sorriram de volta :)
    Afinal somos todos uma grande familia!!

    Maria João Baptista

    ResponderEliminar
  15. no meio disto tudo o meu cérebro de benfiquista só reteve o maravilhoso cachecol do #colinho. Eat your heart out bitches! Também queriam colinho, não era? Benfica sempre no coração <3

    ResponderEliminar
  16. Não podia estar mais de acordo!! Também estive no Marques, foi uma grande festa.
    Fiquei ate ao final do hino e ja estava a meio da Avenida quando percebi que estava a haver confusao quando o Luisao falou. Tenho pena que um bando de idiotas tenham estragado os festejos.

    ResponderEliminar
  17. E o que fizeram em Guimarães? Assaltaram os bares, roubaram todo o dinheiro das máquinas e agrediram os funcionários... Num dia em que, supostamente, deveriam estar felizes e a celebrar... É o que acontece quando não se está habituado a ganhar.. ;)). Faltou aí uma palavrinha de agradecimento ao FCP Pipoca... Afinal ofereceu-vos o título ;) pena que o nosso treinador não tenha percebido isso! Esperemos que o Pintinho o mande de volta para Espanha.. O Porto nunca precisou de desculpas para justificar as falhas... Como Portista de alma e coração, é triste ver o treinador fugir à responsabilidade.. Houve colinho em muitos jogos, mas o Porto falhou nos momentos essenciais e isso ele não pode justificar! Saudações de uma Portista assumidamente “aziada" depois da noite de ontem! Apesar de preferir o azul, estava muito bonita! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tinha ideia que o benfica estava a frente do FCPorto em termos de pontos...afinal o FCPorto não empatou nem ficou atrás, o Porto ofereceu o titulo! :D

      Eliminar
  18. E agora um minuto de silêncio pela pessoas que tiveram hoje de andar a limpar as ruas do marques

    ResponderEliminar
  19. que lindos ténis!

    newsbyo.blogspot.com

    ResponderEliminar
  20. É engraçado/interessante/triste/lalala é este tipo de "acidentes" estar sempre associado a futebol, independente de associações clubísticas.
    Não gosto de futebol, em parte porque o jogo me aborrece, mas também porque lhe associo sempre estes infelizes incidentes.
    Claaaroo que não é a maior parte dos adeptos, mas os poucos que o fazem generalizam a má imagem que (me) transmitem.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  21. Estes ténis são muito lindos : )

    http://thelifestyleandfashion.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  22. Vi agora um video dos adeptos do benfica a roubarem o armazém do Vitória. Tudo arragado a chuteiras e a camisolas. Enfim. E o pior de tudo é que nenhuma das pessoas aparentavam ser das claques, eram assim daquelas pessoas que toda a gente diz que só vai à bola pela festa, que não quer confusões com ng.
    Em Guimarães podemos ser muita coisa, agora ladrões nunca.

    ResponderEliminar
  23. Desculpa mas a primeira foto choca-me um bocado. Não percebo o uso do "Je suis..." numa festa de futebol. Sendo o simbolo de solidariade com vitimas de terrorismo e de luto pela liberdade, parece-me indecente. Tal vez seja por ser parisiense que me toca assim... Enfim não costumo comentar mas não sou uma "hater", esta mensagem não tem agressividade apenas incomprehensão. Se me quisesses explicar tudo bem :)

    ResponderEliminar
  24. Eu sei que também tive la no meio , supostamente deveria ser uma festa e tive que fugir pra não apanhar com o cacetete pelas costas , sem ter feito nada sequer . É triste ter que ter medo da suposta força de protecção policial . Nunca mais irei pra este tipo de festejos

    ResponderEliminar
  25. Arruaceiros em Lisboa, arruaceiros em Guimarães e o denominador comum é sempre o mesmo...

    ResponderEliminar
  26. Clubes à parte, que eu até nem sou do Benfica, o que aconteceu no Domingo foi vergonhoso. Quer a história do polícia, quer a história do estádio em Guimarães, quer no Marquês. MUITO mau.

    http://janeiroemparis.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  27. ...uma vergonha!!! é só o que há a dizer, uma vergonha para o Benfica, desde o que aconteceu em Guimarães, até ao Marquês! Autênticos animais! O "orelhas" devia mesmo interditar a entrada na "catedral" a quem particiopou nesta miséria. É isto que quer dizer a Ana com o clube do "povo"? Então, fujam das massas que são mesmo "os diabos" tingidos de vermelho! A polícia deveria ter atuado mais cedo, porque, como sempre, lá vem o "nem sequer fiz nada, só estou de passagem. A polícia devia proteger as pessoas" Então os homens vão fazer segurança a um espaço ou vão confortar bêbedos? É futebol ou é tourada? Querem protecção ou humilhar o clube, a autoridade, o país que somos todos nós? Se é tourada levam todos....Lamentavelmente o agente que sovou aquela família deveria estar a fazer segurança ao bar do Vitória ou à porta do armazém que foi assaltado, para distribuír bastonada à séria! Má distribuição de pessoal, porque lá dentro foi o salve-se quem puder! Bi-Bi-Bi-o quê? Bi sem golos, Bi de bêbedos, Bi de bárbaros?

    ResponderEliminar
  28. Tanta azia anónimo das 11h53.

    ResponderEliminar
  29. Sou mais um que concordo com muitos anonimos que por aqui passaram ! Para festejar não é preciso tanta porcaria,é uma vergonha!!!!!

    ResponderEliminar
  30. Onde comprou os Adidas? São lindoos!

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis