Pub SAPO pushdown

O meu estômago bate palminhas #11

domingo, março 15, 2015

Hoje, a convite do Epic Sana Lisboa, fui experimentar o novo brunch. Eu sou pessoa que gosta de um belo brunch. Gosto do conceito de acordar mais tarde (o Mateus foi um santo e acordou quase às onze), de nos despacharmos sem termos de andar a correr, de nos sentarmos para comer sem pressa. Lisboa está bem servida no que toca a brunches, mas o que este traz de novo (e de muito bom) é ser pensado para as famílias. Ainda há uns dias uma pessoa do norte me perguntava sítios bons para almoçar com crianças e tive de fazer um esforço de memória, porque não há assim tantos restaurantes children friendly (se souberem partilhem). O brunch do Epic Sana Lisboa tem actividades para os miúdos e uma sala só para eles (com jogos, pinturas faciais, etc), que já se sabe que se apanham secas da vida em restaurantes. Depois, tem as coisas óptimas para nós. Uma variedade imensa, que passa por entradas, pratos quentes, sushi, fruta, sobremesas e muiiiiiito mais, tudo num ambiente muito simpático e com um atendimento cinco estrelas. O brunch é servido todos os domingos e custa 29€ para adultos (sem bebidas) e 14,50€ para crianças dos 7 aos 12 (para crianças até aos seis anos é gratuito).


Fotos: Panasonic Lumix

56 comentários:

  1. Parece tudo delicioso :)

    http://mourissima.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Muito caro para mim mas parece ser bom.

    ResponderEliminar
  3. Parece ter imenso bom aspecto, mas 30€ para um Brunch acho muito. Recomendo o do Palacete D'el rei em Alfama. Uma experiencia a repetir

    ResponderEliminar
  4. 30 euros? Não é para todos os bolsos :(

    ResponderEliminar
  5. É por estas coisas que continuo a gostar de pensar antes de aceitar como maravilhoso tudo o que são novos conceitos pseudo-modernos.
    30+30+15=75 euros

    Com uns 25-30 euros faz-se um piquenique num qualquer maravilhoso jardim de Lisboa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mesmo!! Com menos de 30 euros fazemos um "banquete" para a familia num sitio bem agradavel, onde possamos estar completamente a vontade.. acho que isto de estar na moda ser gourmet faz com que se criem conceitos e apliquem preços ridiculos, tipo quase 100€ pra um casal e 2 filhos.. mas quem pode pode!

      Eliminar
    2. Só vai quem quer e/ou pode, e comparar um brunch no Epic Sana com um piquenique é mais ou menos como comparar um Fiat Punto com um Porshe Panamera ��
      Boa semana!

      Eliminar
    3. Alhos e bugalhos

      Eliminar
  6. Que óptimo aspecto :)

    http://thesunnysideoflifeblog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Acho maravilhoso mas nunca levaria os meus três filhos. Para aquilo que a maioria das crianças come (há excepções claro!!) acho um pequeno balúrdio. Mas para adultos, uma vez por outra, parece-me bem.

    ResponderEliminar
  8. Tem tudo um ar maravilhoso!!!!
    O preço deixa-me sem fome.. mas pelo que vejo, vale bem os 30€. (Mas não para a minha carteirita.. que pena!) =)

    ResponderEliminar
  9. Oh que fofo o teu Mateus! Tem um ar tão feliz :-)
    Obrigada por partilhares estas dicas.
    Bjs :-)

    http://ofabulosodestinodemariaamelia.pt/

    ResponderEliminar
  10. Para adulto é caro sim, mas para as crianças 15€??????? Shocking...

    ResponderEliminar
  11. Vou começar a acrescentar algumas notas no final dos posts. Tipo:

    - Os preços apresentados não são definidos por mim;
    - O que é caro para uns é barato para outros, e vice-versa;
    - Discutir preços é como discutir o sexo dos anjos;
    - Não há qualquer obrigatoriedade em experimentarem as coisas que vos recomendo. Juro! São só mesmo isso, recomendações;
    - Reclamações sobre preços devem ser feitas junto das marcas/empresas que os definiram. Não matem o mensageiro;

    Ou então, simplesmente, deixo de pôr preços e depois vocês ligam para os sítios a perguntar. Assim aproveitam e indignam-se logo com quem de direito. É capaz de ser melhor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa, pipoca!
      E depois há...prioridades...prioridades...
      Em cá gosto de um bom brunch/jantar/almoço e de uns dias férias, em vez de uma peça de roupa todos os meses ou de um carro novo...(o € não chega para tudo, há que balançar e eu prefiro ter um closet menor e andar de bici e com um carro com 10anos para poder aproveitar o bom da vida) :) :)
      prioridades...prioridades...

      viagemdoceviagem.blogspot.com | Facebook | Instagram


      Eliminar
    2. LOL de facto concordo mais com a última opção :P

      Eliminar
  12. Txi ng reclamou de si. Anda com a mania da perseguição!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como é óbvio, há comentários que não são aprovados.

      Eliminar
    2. Pipoca, mas nós não vemos esses comentários que não são aprovados... Só vemos quando depois a Pipoca faz comentários que parece que está meia chateada com o que aqui lê! Já se sabe que com estes preços é difícil deixar as pessoas indiferentes, porque, de facto, é caro. Dê também algum valor a quem, todos os dias, vem aqui dizer que está gira, que tem boas iniciativas, que tem uma família linda, que o blog é fantástico e inspirador. Essas pessoas também merecem algum crédito. Ou não? Continue com estas sugestões! Há muita gente que não quer (pelos mais diversos motivos, todos eles válidos), mas também há muita gente que as aceita!

      Eliminar
  13. Não compreendo porquê tanto "azedume" por causa dos comentários! Não é um blog aberto ao público? Não se pode concordar ou não? Não se pode achar caro e dizer isso mesmo? Eu também acho caro, sim senhora! Um exagero, mesmo! Vai quem quer, obviamente, e quem pode. Agora responder desta maneira porque alguém achou caro? Nem foram mal educados, nem nada! Enfim....Pipoca no seu melhor. Acordou mal disposta, foi? É a greve do metro? Olhe, eu já tive que pagar 10,5€ de táxi para vir trabalhar, aposto que não é o seu caso!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Refiro-me a muitos comentários que já aqui deixaram e que não publiquei, porque são simplesmente parvos. Do género "tu és rica podes pagar" ou "num país onde o salário mínimo são 500 euros é um roubo dar 30 euros por um brunch" e mimimimimi. Não há paciência para a conversa do dinheiro, simplesmente não há, porque é um conceito totalmente subjectivo. É como eu ir para a porta da Ferrari berrar que é um escândalo um carro custar 200 mil euros quando eu só posso pagar 10 mil. É inútil. Mas mais inútil ainda é queixarem-se AQUI. Se acham caro reclamem directamente com as marcas/serviços/empresas, não sou eu quem define os preços. Só comuniquei por um questão de utilidade, porque se não disser o preço vou ter 80 pessoas a perguntar.

      Eu também paguei 5 euros para vir de táxi para a faculdade. É a vida.

      E, assim de repente, também não fui mal educada com ninguém.

      Eliminar
    2. Agora sou eu que lhe digo para ler bem os comentários. Não vi em lado nenhum dizer que foi mal educada. "Azeda" sim, acho que são coisas diferentes. Uma pessoa pode ser azeda e não ser mal educada.

      Eliminar
  14. Delicioso, mas para mim não.
    O pequeno almoço que mais gosto é pão com manteiga e uma caneca de café de saco.

    Susana

    ResponderEliminar
  15. Adoro esses conceitos. São fantásticos, por isso é que gosto tanto das grandes cidades. Só vou a Lisboa de vez em quando, em formações, principalmente, mas fico sempre com vontade de voltar para aproveitar tudo o que a cidade tem de bom. Eu moro numa aldeia do Centro do País e fascinam-me as oportunidades das grandes cidades. Uma coisa que parece tão banal para quem mora numa grande cidade, para nós que moramos em aldeias torna-se numa coisa absolutamente fantástica. E essa ideia do brunch é simplesmente fabulosa. Quando for novamente a Lisboa em descanso, quero experimentar. será que o brunch é todos os dias ou é só ao fim-de-semana?
    Beijinhos. Gosto muito do seu blog

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ...é todos os domingos.

      Eliminar
  16. Independentemente da bolsa (não é a questão se pode ou não pagar) de cada um, 15€ é caro para uma criança de 4 ou 5 anos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. até aos 6 anos é gratuito...convém ler o texto até ao fim...

      Eliminar
  17. Bom, que ótimo aspeto!!

    www.prontaevestida.com

    ResponderEliminar
  18. Tem tudo tão bom aspecto... Pena que cá em Guimarães ainda não se veja muito esse conceito de brunch! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma boa oportunidade de negócio para Guimarães, mas duvido que pegue, porque aí é tudo tão bom e tão, tão...Muito!!

      Eliminar
  19. 30 euros por adulto com ou sem bebidas?
    Se for com bebidas não é muito dispendioso.
    15 euros por criança é um pouco puxado. Mas parece ser agradável. Gostava de experimentar.


    ResponderEliminar
  20. Tem tudo um aspecto delicioso!! Não me parece caro, se compararmos com uma ida ao japonês e tem outra variedade que permite levar os mais novos que torcem o nariz a "peixe crú". Agora, se podemos ou não pagar é outro assunto! Eu, por causa das "tosses" já aprendi a fazer sushi em casa, mas também gosto muito de me sentar à mesa e ser servida sem me preocupar com ninguém.
    Ainda dizem mal deste país maravilhoso! Felizmente, vivemos num país onde se pode almoçar entre os três e os trezentos euros! Esta diversidade é magnífica e enriquecedora, não só em termos de preços, mas em termos de ambientes, de música, de culturas. Não temos que viver todos da mesma forma, nem frequentar os mesmos espaços, há um leque enorme de escolhas e ainda podemos fazer piqueniques, e tomar pequeno almoço e o café na varanda, porque o tempo também ajuda...imaginem que isto era a Suécia!! Vai-se comer fora quando "o Rei faz anos"!! Ah, por falar na Suécia, podem sempre ir com os pequenos almoçar ao IKEA, o menú infantil custa 1 Euro e tem imenso espaço para a brincadeira!!

    ResponderEliminar
  21. Ai esse sushi.. esse sushi....

    ResponderEliminar
  22. Poder gastar ou nao 30 euros num brunch é coisa subjectiva e só vai quem quer/pode. Mas falando em termos objectivos é óbvio que isto dos brunches é mais um conceito, e os conceitos pagam-se muito para além da comida e da sua confecção.

    ResponderEliminar
  23. Há conceitos e depois há a banha da cobra que efectivamente nada acrescenta !

    ResponderEliminar
  24. Os miúdos podem ficar numa sala à parte? Que conceito de familiar tão espetacular

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os miúdos não ficam numa sala à parte. Os miúdos têm uma sala com actividades para eles, que podem usar quando lhes apetecer ou quando os pais deixarem.

      Eliminar
    2. Eu aprecio restaurantes em que as crianças (dos outros) ficam em salas à parte. Até estou disposto a pagar mais por isso e tudo :)

      Eliminar
  25. Pipoca, assim que vi o post percebi que ia haver confusão! É de chorar a rir os comentários das pessoas no seu blog. Se não gostam porque a seguem??

    Enfim, deve ter o efeito de terapia comentar tristemente...

    Beijinho e continue... ;)

    ResponderEliminar
  26. Deixe lá Ana, não há só invejosos/as amargos/as que acham q têm o direito de criticar aquilo em que opta por gastar o SEU dinheiro. Eu fico feliz por si! Por ter dinheiro suficiente pra satisfazer os seus "caprichos". Quem me dera!! Se calhar acham q por ter mais dinheiro q o q é normal, devia da-lo todo para caridade... enfim. Quem pode, pode. E a Ana pode, óptimo! Pode ser q um dia eu também possa. Ignore os comentários tristes. Bjs

    ResponderEliminar
  27. Não me lembro do meu (5 anos, hoje) alguma vez ter acordado às 11. Às 11 da noite sim... de resto...

    Não aprecio o conceito de brunch. Prefiro mais um pequeno almoço tardio, e então sim, uma tarde de petiscos.

    O preço não se discute, já almocei/jantei por mais, e dei o dinheiro por bem empregue (não digo onde, não me pagam para fazer pub), já almocei por 10 ou 15€ e achei um assalto. Vai quem quer, quem quer sabe ao que vai.

    Não deixa de ser curioso que cada vez mais as pessoas se reunem em restaurantes e afins para comer, já ninguém vai às casas uns dos outros...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso concordo com esta última parte deste comentário (quanto ao facto de as pessoas já não se reunirem em casas uns dos outros). De facto, muitas das vezes que combino jantares lá em casa, alguns amigos torcem-me logo o nariz, como quem diz "jantar em casa é de cotas". Mas eu acho precisamente o contrário! Convive-se bem mais do que num restaurante, muitas das vezes (senão mesmo a maioria) come-se bastante melhor e paga-se muito menos! Se houver crianças também podem ficar entretidas num dos quartos a brincar entre todas ou a ver algum dvd que elas gostem. Não sei acho um programa perfeito para todos e, no entanto, tão a cair em desuso e muitas vezes visto como um programa chato e sem interesse.

      Eliminar
    2. Um brunch é um pequeno almoço tardio!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Eliminar
    3. Um brunch é um pequeno almoço misturado com almoço, ou seja, mais completo.
      É diferente um pequeno-almoço dito normal mais tarde, de um brunch.
      Ah... esqueci...!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Eliminar
  28. Eu não acho caro pois em primeiro lugar é um hotel de 5 estrelas com toda uma panóplia de serviços à disposição do cliente o que não existe num restaurante normal, nada que vá alterar muito o meu Domingo mas chegar e poderem estacionar-me o carro por exemplo, a disponibilidade das pessoas para sorrir e mais alguns pequenos pormenores que fazem a diferenca e depois o principal um brunch verdadeiramente épico e estes preços reflectem a qualidade de toda uma experiência e não só propriamente de chegar comer e ir embora sim talvez o preço para crianças pudesse ser reduzido de alguma maneira mas como disse e um hotel de 5 estrelas se forem a um de 4 talvez vejam preços mais acessíveis e com a adequada qualidade.

    ResponderEliminar
  29. Continuo a achar que as pessoas andam com as prioridades e noçoes distorcidas.
    Pagar quase 100 euros para ir almoçar basicamente uma refeiçao banal num quase tasca e ainda por cima nem puder usufruir da presença do filho.
    A serio cresçam ! O mais importante é conviver com as pessoas (a nao ser que estejamos a falar de um particular refeiçao espectacular). Se é para isto vale mais fazer umas sandes e ir passar a tarde numa praia / jardim / mata ....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calculo que se refira a uma situação geral...uma vez que nem a pipoca foi a uma tasca...nem (pelo que percebi) a impediram de conviver com o filho...Se o mais importante é conviver, o que interessa se é numa tasca ou num piquenique?

      Eliminar
  30. Ouvi dizer que inveja provoca úlceras e mal estar em geral.

    ResponderEliminar
  31. Ana eu confesso que fico assim numa dualidade com estes post e estes comentários. Se por um lado me choca um pouco a ostentação (mentiria se dissesse que não), por outro também me choca os comentários que acaba por receber. É inevitável... Acabei de ver a SMS com um post igual, fiz umas contas e claro, surgiu-me à cabeça o mesmo que muita gente aqui comenta. Olhe não ligue a este comentário...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas reparou que qualquer uma das duas afirma que foi convidada?
      E, sabe, não me parece que no caso de nenhuma se possa falar em ostentação. Têm blogs que são marcas, e têm que apresentar conteúdos que nos interessem, se não ninguém terá vontade de visitar os respectivos blogs. E frequentar um restaurante que cobra 30€ por pessoa também não será muito ostensivo, na minha opinião.
      Também a mim os comentários me chocam. Quer o teor, quer a forma agressiva como são escritos (não é o caso do seu, era o ultimo e calhou responder-lhe...). Faz-me confusão que uma pessoa considere importante dizer à Pipoca que os sapatos são horríveis, ou que ela só gosta deles porque são de marca, que parece velha. A sério??? Para quê?
      Alguns blogs que sigo não são portugueses. E os comentários normalmente são construtivos, mesmo quando não são positivos. E começam por 'Na minha opinião...'
      E é tão fácil ser bem educado como mal educado, antipático como gentil.A escolha é de cada um de nós...

      Eliminar
  32. Susana Tavares16 março, 2015 22:08

    Também li na SNS e o que notei foi que os preços variam. Também acho caro mas não me choca nada alguém pagar isso para "brunchar". Cada um sabe de si e gasta o dinheiro onde bem quiser.

    ResponderEliminar
  33. Pipoca, quando puderes/quiseres experimenta o brunch "à Boca do Mar" no Grande Real Villa Itália em Cascais (http://www.granderealvillaitalia.realhotelsgroup.com/pt/restaurantes/restaurante-la-terraza/brunch-a-boca-do-mar#.VQgOEdKsWK8). A lista de possibilidades é imensa e muito boa e a vista é soberba!
    Um beijinho e obrigada pela partilha de sugestões

    ResponderEliminar
  34. Adorei o serviço e a comida! Não há nada melhor que um bom brunch

    http://thefollowaffair.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  35. A Pipoca foi convidada pelo Epic Sana Lisboa para um "brunch" e fez a devida divugação no seu blog. Vai daí caiu o "Carmo e a Trindade"! Desculpem, mas não entendo. Há imensas pessoas que "vivem" de patrocínios, que são pagas para aparecer aqui ou ali, que são vestidas e calçadas e maquilhadas por esta ou aquela marca, que recebem brindes de variadíssimos artigos, porque trabalham na área. Os críticos gastronómicos dos jornais semanários não devem pagar as refeições e a vinhaça que recomendam aos leitores, pois não? E eu nunca vi ninguém mandar-se ao ar ao lêr os seus artigos!! Aqueles senhores que escrevem roteiros de viagens e hoteis all over the world, também não devem pagar as estadias nos paradisíacos bungalows ** ***? Os rapazes que fazem o relato do jogo X ou Y em Lisboa ou no Luxemburgo também não pagam o bilhete? Sabem porquê, porque é trabalhinho!!! Se é caro ou barato, cada um decide, mas criticar quem está a trabalhar, ainda que de forma agradável, chamar-lhe ostensivo, parece-me demais!...E depois tudo isto é relativo, há quem gaste mais a celebrar o dia de Portugal e aí são os contribuintes todos a desembolsar, há quem gaste mais a "chutar para a veia" e por isso tenha que assaltar as nossas casas. Isso sim é que me choca!!

    ResponderEliminar
  36. Que malta mais chata pah!
    O que é caro para uns é barato para outros ...sempre a bater na mesma tecla este povo!
    Beijinhos Pipoca, continuação de um bom trabalho! :)

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis