Pub SAPO pushdown

Dramas da vida doméstica (ou "este homem tem muita paciência para me aturar")

terça-feira, dezembro 23, 2014
Acordei às duas e tal da manhã com um barulho estranho. Perguntei ao homem se tinha ouvido, disse que não e virou-se para o lado. Eu, como sempre, fiquei petrificada em terror, sem me mexer e quase sem respirar. Ao menor barulhinho começo logo a pensar que estamos a ser assaltados e que a família vai acabar toda estraçalhada pela faca de um qualquer meliante. Continuei ali, consumida pelos nervos, sem conseguir voltar a adormecer e atenta a qualquer ruído. Às tantas não aguentei mais:

Eu: estás acordado?
Ele (cheio de sono): sim.
Eu: eu também. Não consigo dormir com medo dos ladrões.
Ele: que ladrões???
Eu: não ouviste aquele barulho há bocado? São ladrões.
Ele: não são nada, se fossem o alarme disparava.
Eu: se calhar está desligado e não tocou.
Ele: eu liguei.
Eu: mas eu não consigo dormir. E preciso de ir fazer xixi e tenho medo de ser atacada por ladrões.
Ele: podes ir, não há ladrões.
Eu: mas não podes ir lá ver? Eu vou contigo.

Homem levanta-se da cama altamente contrariado e lá vai pela casa fora, em busca de ladrões, comigo atrás a acender as luzes todas e a espreitar para dentro de cada divisão. Efectivamente, não havia ladrões. Voltámos para a cama.

Eu: agora não consigo dormir.
Ele: eu também não.
Eu: podes cantar para mim?
Ele: não.
Eu: podes contar uma história?
Ele: não.
Eu: posso ligar a luz para ler?
Ele: NÃO!
Eu: mas assim não consigo voltar a dormir.
Ele: consegues.

E pronto. Achei que era melhor calar-me e não esticar mais a corda. Fiquei umas duas horas sem conseguir adormecer. Mas descansadíssima por não haver ladrões. 

28 comentários:

  1. O homem se calhar já viu, mas mostra-lhe este vídeo do porta dos fundos. Depois desse episódio, ele vai adorar. https://www.youtube.com/watch?v=tmhrk_EpsQw

    ResponderEliminar
  2. Os ladrões são efetivamente um tema de discussão noturno. Quando vou de férias para a casa da minha avó TODAS as noites oiços os ladroes a mexerem no carro mas, depois são só arvores que com o vento batem na janela do quarto e fazem barulhos esquisitos. Quando for um ladrao a sério, vou pensar que são as arvores.

    elsavaicomasoutras.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
  3. ahahahahahahahahah

    ResponderEliminar
  4. Eheh esses "dramas de casal" são uma delícia Pipoca! És mesmo engraçada :)

    Wanderlust
    http://world-of-wanderlust.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Pipoca, em tua defesa, eu ja tive ladrões em casa enquanto dormiamos.Felizmente só levaram algumas coisas de valor, não nos fizeram mal porque também só demos por ela de manhã quando acordámos...por isso não é assim algo que não possa acontecer :) pronto, uma historia para te dar razão e para te deixar medrosa... :D

    ResponderEliminar
  6. É realmente preciso muita paciência para nos aturar. Mas para eles também! É justo. :)

    http://entreosmeusdias.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Quando ouço barulhos, penso é logo em fantasmas! Ligo as luzes todas, às vezes a televisão e fico na cama assim, quietinha, a ver se ouço/vejo alguma coisa! Claro que não acontece nada, penso que sou parva, desligo a luz e volto a dormir!

    ResponderEliminar
  8. O meu homem podia disparar o alarme, o cão, o gato, eu berrar que ele só acordava à décima tentativa! Disso só tiro uma conclusão, és uma mulher com sorte!

    ResponderEliminar
  9. Uma vez levantei-me a meio da noite para ir à casa de banho e, entretanto, caíram umas coisas que estavam atrás da porta do meu quarto e fizeram imenso barulho. Primeiro pensamento: já fui! Quando cheguei ao quarto, pé ante pé, desmanchei-me a rir por causa do ridículo da situação... Enfim... Há com cada uma...

    http://amigasdoclosetblog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. Olha lá, se houvesse um ladrão em casa o Manolo não ladrava? Não sei como é essa raça mas a minha dava logo sinal de alerta.

    ResponderEliminar
  11. Ai o que me já me ri Pipoca! És demais!!!

    ResponderEliminar
  12. Podiam sempre fazer OUTRAS coiss, assim como assim estavam acordados :)

    ResponderEliminar
  13. A sério que este diálogo é mesmo verdadeiro?? Santa paciência!! :)

    ResponderEliminar
  14. Tipico de mulheres, porque será???
    Mark Margo
    www.markmargo.net (Site de celebridades)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ^ Típico de monos sexistas.

      Eliminar
  15. Ahahah o que eu me ri com este post :)

    Realmente ele tem muita paciência, ainda foi lá contigo ver se realmente havia ladroes :)

    ResponderEliminar
  16. Pensava eu que era a única a quem isso acontecia!
    Fico mais descansada e a sentir-me mais normal.

    Feliz Natal Pipoca

    http://www.alwayslove-it.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também eu fiquei super contente por não ser a única!

      Eliminar
  17. A história é parecida a quando durmo na casa do meu homem:
    Eu: Posso dormir desse lado da cama?
    Ele: Não.
    Eu: Mas eu quero carregar o telemóvel e preciso dele para adormecer.
    Ele: Não precisas nada.
    (Depois de muita insistência eu lá paro de o chatear)
    Eu: Não tenho sono.
    Ele: Fecha os olhos e vais ver que adormeces:
    Eu: Canta para mim.
    Ele: Não.
    Eu: Conta-me uma história.
    Ele: Oh Rita...

    Resumidamente, eu entendo perfeitamente (até porque também me levanto sempre a meio da noite para fazer xixi e acordo-o sempre, coitado!). São uns santos, mesmo pacientes.

    Bem, não te tiro mais tempo Pipoca. Tem um feliz Natal! :)

    http://charming-rita.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. outra que não pede o amor

      Eliminar
  18. Podes cantar para mim? Podes contar uma história? Wtf?????

    ResponderEliminar
  19. Se tivesse ladrões em casa o Manolo teria acordado ;)

    ResponderEliminar
  20. Eu também pensava assim,por isso tenho uma cadela.. o Manolo não acorda ao minimo barulho?..

    ResponderEliminar
  21. Muito bom! Reconheço-me um pouco nesta história, também fico logo alerta logo que oiço barulho de noite.

    http://thelusofrenchie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  22. Percebo! Eu acordo o meu quando tenho pesadelos. E o pobre coitado ainda tem a paciência de me acalmar.

    ResponderEliminar
  23. Eu que não tenho o meu homem comigo quando há tempos pensei que tinha alguém em casa, agarrei no martelo que estava no meu quarto (tinha estado a montar qualquer coisa do IKEA) e lá vou eu casa fora tipo polícia CSI mas com as perninhas a tremer que nem varas verdes! Resumindo, a porta da sala que dá para o jardim abriu, porque a deixamos mal fechada e ficou aberta toda a noite. Não termos rapozas a dormir no sofá foi uma sorte, mas ao menos ladrões não eram! Ahahahaha

    ResponderEliminar
  24. Ahahahahah lindo! Obrigada por partilhares o momento connosco Pipoca!

    Vanessa S.
    De Saltos por Lisboa,
    desaltosporlisboa.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis