Pub SAPO pushdown

Dieta report

segunda-feira, outubro 14, 2013
Cheguei hoje ao fim da primeira fase da dieta dos 31 dias. Foram 14 dias que se passaram bem, sem fome e sem grandes restrições. E o que é que diz a balança? Bem, não diz grande coisa. Perdi um quilo certinho. Ou seja, de 60,4 para 59,4. Não é assim uma coisa espectacular, mas ter saído dos sessentas já foi uma bela vitória. Já me tinham dito que quem tem pouco peso para perder não nota grandes resultados, e confere. A promessa para esta fase era de dois a quatro quilos. Fiquei-me por um e já não é nada mau. Convém também salientar que fui cometendo uma ou outra transgressão. Não fiz os dias da asneira, mas uma vez ou outra comi coisas fora do plano (por exemplo, todos os dias marchou um ou dois quadradinhos de chocolate, é mais forte do que eu, e comi sushi duas vezes). De resto, acho que até fui bastante certinha, sobretudo com o corte nos hidratos de carbono, algo que me custa muito habitualmente. Não toco num prato de massa há 15 dias, um recorde absoluto, e batatas também nem vê-las. Por outro lado, nestas duas semanas também pratiquei exercício com frequência, o que pode ter contribuído para a perda de peso não ter sido mais acentuada. O que noto é que perdi algum volume, sinto que a roupa (sobretudo as calças e as saias) "encaixam melhor" e que, aos bocadinhos, vou começando a recuperar a cintura perdida. Tinha pensado fazer só duas semanas de dieta, caso perdesse os tais dois ou três quilos, mas sendo assim é para continuar. Daqui a duas semanas voltamos a falar!

A prova do crime

46 comentários:

  1. boa pipoca ! ficas bem de qualquer maneira :)
    eu tenho uma relação de amor -odio com a balança...queria muito vir para os 60kg e tenho me esfolado no ginásio...noto diferenças na cintura e sobretudo na anca, mas quando vou pra me pesar , o nr nao muda ou muda quase nada.... e isso sim deixa-me frustrada :/

    beijinho pipoca! :)
    S.

    ResponderEliminar
  2. E não é bom não? Perder um quilo, mesmo cometendo pequenos "delitos", já é bem bom. Mas quando se tem uma alimentação equilibrada e se faz exercício com alguma regularidade, o peso acaba por ir ao sítio de forma natural e sem grandes esforços. Pior era se tivesses engordado entre 20 e 30 kilos, como acontece com algumas mulheres:S

    ResponderEliminar
  3. Se queres perder a sério e rapidamente vai à minha. Foram 7kgs em dois meses! Pagas bem, mas perdes bem tb! (O meu corpo riu-se da dos 31 dias, em três semanas tb perdi tipo 1kg)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E onde é? :) (desculpa intrometer mas fiquei curiosa!)

      Eliminar
    2. (E agora como é q sei q tive resposta? Enfim depois venho cá ver.) *prnsando para os meus botões lol*

      Eliminar
    3. Pois... depende... eu em duas semanas com a dieta dos 31 dias perdi 4kg. O meu corpo riu-se de felicidade;-)

      Eliminar
    4. Deixe me dizer lhe q "pagar bem" não é sinónimo de "perder bem", até pq 7 quilos em 2 meses não é extraordinário. Qualquer nutricionista a põe a perder 1 quilo por semana, ou seja, 8 quilos/mês, com um plano alimentar moderado, nada de excessivamente restritivo

      Eliminar
    5. Não será antes 4kg/mês ?
      Isto se for 1kg/semana...

      Eliminar
  4. Pesamos a mesma coisa :)

    www.semjeitonenhum.com

    ResponderEliminar
  5. Eu também já declarei guerra à minha banha concentrada na zona abdominal e não vou dar tréguas!!
    Mas era incapaz de ficar sem comer massas. Eu ADORO massa!

    http://agatadesaltosaltos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Very good ;) Congratulations ;)

    I follow you beautiful blog. I hope you will follow me back and I will wait for you in my blog www.gabusiek.blogspot.com

    ResponderEliminar
  7. Ai... tenho de arranjar uma motivação assim.
    Preciso de mandar ao ar pelo menos 4 kilos. O ideal 5 (tenho 63kg e 1.67).
    Em "nova" (tenho 34 e 2 filhos) rondava os 58, depois das férias (=fartura de festas e coisas boas) ia aos 60 mas depressa recuperava.
    Agora deixei-me ir aos 63 e nada de conseguir perde-los.
    Mas tb sei que não faço muito por isso. Não tenho conseguido ir ao ginásio, com 2 filhos pequenos e uma profissão que me "rouba" muito tempo, raramente almoço em casa, o que nao ajuda à dieta e tem dias que nem consigo almoçar... depois passo a tarde a asneirar...
    Oh vida!

    ResponderEliminar
  8. Perder peso tem muito que se lhe diga e depende muito de pessoa para pessoa. Como tu dizes e muito bem, normalmente quem tem mais para perder nota os resultados mais rápido. Mas isso também é sinal que tinha uma alimentação mais desequilibrada e a mudança é mais significativa. Agora uma opinião (de quem até percebe do assunto-eu sou da área) porque é que insistem em cortar drasticamente nos hidratos de carbono?! Eles se forem ingeridos com moderação não são nossos inimigos, bem pelo contrário. Dão-nos a energia para o dia-a-dia e saciedade para não andarmos cheios de fraqueza e a dieta ser mais fácil de cumprir. Sendo também, no futuro, mais fácil de manter o peso. De certeza que estás a ser acompanhada e sei que há opiniões contraditórias, mas não resisti a dar a minha ;)

    R de Rita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ola Pipoca e Ana Rita,

      gostaria de saber quais sao os efeitos secundarios de nao incluir hidratos de carbono na nossa alimentacao. Tenho amigas que fazem essa dieta e tem frequentes flutuacoes de humor e tendencias depressivas. Nao sera melhor fazer a dieta durante mais tempo e incluir um paozinho de vez em quando?

      muitos parabens pelo blog 'e sempre util principalmente em dias cinzentos ;)






      Eliminar
    2. Anónimo das 09:29. Ao primeiro o corte dos açúcares e afins causa de facto algumas mudanças de humor, mas se fizer uma mudança de vida permanente em que mesmo que coma hidratos, o faça de forma reduzida, o seu organismo habitua-se e já não sente muitas alterações.
      No máximo, se for uma gulosa como eu sou, fica apenas com uma expressão de pesar quando vê algo que não deve comer.

      Eliminar
    3. Mas nessa dieta é permitido comer pão ou até aveia ao peq. almoço. Não falem do que não sabem. Além disso, os legumes também têm hc. Esta dieta é por fases, aos poucos vai-se incluindo as restantes fontes de hc mas em pequenas quantidades. Qual é o drama nisto? Ja leram artigos e estudos cada vez mais frequentes de que a nossa população está viciada nos hc simples e são eles que nos fazem engordar? Esta dieta permite sim um reeducação alimentar. Não é como a dieta de atkins ou similares.

      Eliminar
    4. Todos estes assuntos não devem ser generalizados e por isso um plano alimentar deverá ser feito individualmente. Mas o mais importante é termos bom senso e nada de fundamentalismos. Vejam a roda dos alimentos, nela está tudo o que nós devemos comer e nas proporções mais indicadas. Se virem, os alimentos mais ricos em hidratos de carbono como as batatas, o arroz, a massa, o pão, estão lá. Aliás são estes alimentos que nos dão a energia (de forma mais rápida) para nos mexermos. Agora as quantidades terão que ser ajustadas ao tipo de atividade de cada um. Claro que se entrarmos em défice de energia vamos ter mais dificuldade em nos concentrar, leva à fraqueza, cansaço e transtornos de humor. É possível emagrecer com bom senso e com prazer, porque acima de tudo a alimentação, para além da nutrição propriamente dita, também faz parte da nossa vida social, do nosso relacionamento com os outros e com nós próprios. Motivação acima de tudo e nunca desistir ;)

      R de Rita

      Eliminar
    5. Anónimo das 21:53 A Atkins também é por fases e na última já se come de forma equilibrada. Não se pode é comer bolos/bolachas e afins todos os dias, ou comer arroz, batatas e pão numa mesma refeição (sendo aconselhável comer-se os hidratos de manhã, que dá mais energia para o dia todo e é melhor digerido). E sejamos francos: muitas pessoas comem doces todos os dias. Algumas têm a sorte de não engordar, mas outras não.

      Rita: O seu comentário é bastante razoável. Mas como disse, não se pode fazer generalizações. A própria Roda dos Alimentos é feita conforme o que um cidadão "normal" deve comer e é uma generalização. Não tem em conta o metabolismo de cada indíviduo, ou até outros problemas alimentares básicos, como alergias a glúten e afins. No caso do metabolismo, nós é que temos de nos aperceber se somos ou não do tipo de "engordar". Quanto ao resto, uma boa nutricionista ou até um médico mais generalista tem o bom senso de mandar a pessoa fazer análises e aconselhar se a dieta escolhida é apropriada ou não.

      Eliminar
  9. Não desmotives, eu já perdi 11 quilos... tenho semanas em que perdi 2 quilos, tenho semanas em que até aumentei... agora ha ja 3 meses que nao tenho respeitado quase nada a dieta e nem 2 quilos aumentei. :)

    ResponderEliminar
  10. Não dá mesmo para comer sushi? :/ Estava a pensar fazer essa dieta, mas não sei não ...
    M.

    ResponderEliminar
  11. O sushi engorda? Ou faz mal? Pensava que até era uma comida saudável. :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que é saudável! É arroz cozido com peixe cru e algas, o que há de não saudável nisso? O que não é saudável é cortar totalmente nos hidratos de carbono...coma sushi à vontade, não é isso que engorda :)

      Eliminar
    2. O arroz do sushi é feito com quantidades absurdas de açúcar.

      Mas se for com peso e medida, nada faz mal.

      Eliminar
  12. Graças a essa dieta perdi 5kg!! É preciso é muita força de vontade.

    ResponderEliminar
  13. Eu descobri uma empresa espectacular que te faz as refeições 7 dias por semana, desde o pequeno almoço ao jantar. e nem é caro! vou usar porque agora ainda não posso cozinhar e em quanto me habituo aos ingredientes...
    com estes as refeições vem preparadas de forma a que se coma apenas 1.200 calorias ao dia, nem mais nem menos... vou experimentar e logo conto!

    http://the-new-life-of-jo.blogspot.com.au/

    ResponderEliminar
  14. Eu tenho bebido sumos de fruta e vegetais. Uma maravilha! Desintoxicação, perda de peso e ganho de saúde. E como pão. E massa ;)

    ResponderEliminar
  15. Claro que não como só pão e massa :)
    Queria dizer que como normalmente mas bebo sumos todos os dias. Já perdi 2 kg, penso que devido a retenção de líquidos.

    ResponderEliminar
  16. Também gostava de perder uns quilinhos mas está difícil :/

    http://diario_de_uma_pensadora.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  17. boa pipoca! 1 kg não é nada mau. Passa pelo meu blog, estou a fazer a dieta dos dois dias

    http://doimeagarganta.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  18. Estás a seguir a dieta pelo livro ou no consultório dela?
    Perdi-me...

    ResponderEliminar
  19. Força!!! só falta um bocadinho para atingires o teu peso ideal :)

    Joana - Extensões de Cabelo
    http://joana-extensoescabelo.blogspot.com.es/

    ResponderEliminar
  20. Olá Ana, depois de ter andado um ano a tratar da saúdinha de umas bichezas que se apoderaram da minha mama direita, comecei uma nova fase, a de perder peso saudavelmente, sim porque agora não brinco com a minha rica saúdinha! Sempre fui uma gaja calmeirona, o meu peso andava sempre nos 70 e tal quilos, depois de um ano e tal de muita droga prá veia, tratamentos e comprimidos que fazem inchar, engordei 16kg! Em Agosto tinha 96kg. Apresentaram-me uma nutricionista, novinha tinha acabado de tirar o curso, anda a estagiar com uma nutricionista famosa, por isso fiquei com a pulga atrás da orelha. Olha enganei-me redondamente! Apesar de "verde" é já uma profissional. Fez-me um plano alimentar, de acordo com a minha condição de saúde claro, e desde o dia 12 de Agosto já perdi 9kg, estou já nos 87kg! E se te disser que continuo a comer hidratos de carbono acreditas? :) Para esta nutricionista qualquer dieta tem de incluir tudo! Muita proteina, e hidratos de carbono q.b. É óbvio que não vamos emborcar uma travessa de massa numa refeição, mas posso comer massa, arroz e batata como acompanhamento! Não tenho sentido fome, não ando com tonturas e "fraquezas", ando muito bem. Aposto que vai haver muita gente que ao vir ler aqui o meu peso vai rir, vai gozar, olha a baleia, olha a lontra... sabes que mais? Sou mesmo, sou grande, mas a trabalhar e como muita força de vontade para ficar mais pequena e a continua a comer massas e arroz e o camandro! :) Eu sei que o meu gajo gosta de mim de qualquer forma, mas sei que gosta aínda mais do meu contorcionismo em alturas mais "pudibundas", contorcionismo esse que quase perdi com tanto peso.
    Só mais uma coisinha: gajas façam o vosso rastreio às mamas, mesmo que não sejam de risco e que aínda não tenham 40 anos. Eu não era de risco e aos 37 anos tau!! Cuidem-se! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não acho que vão rir ou gozar com o seu peso... Aliás, acredito que deve ser uma mulher bastante determinada e corajosa ;) Sem a conhecer, admiro-a e dou-lhe os meus sinceros Parabéns! Beijinhos e continue com essa força

      Eliminar
    2. Parabéns anónimo das 10:30, pela sua coragem :).

      Eliminar
  21. Esta dieta é tipo atkins (pessoalmente acho ridículo o louvor que a Ágata tem por "inventar" uma forma de dieta que já foi explorada por montes de especialistas e com mais eficácia) . Para quem tem muito peso a mais perde-se bastante mais peso.

    Quando a fiz, pesava 75 kg e só numa semana perdi 5. Mas depois a perda foi muito mais lenta, mas consegui perder 15 kg no total. Gostava de perder mais uns 2 (embora o meu IMC já seja considerado saudável), mas chegas a uma altura que o teu metabolismo já é indiferente a esta alimentação e para perderes o resto tens que fazer mesmo exercicio e uma dieta das dolorosas (aqueles cleanings de beber batidos de legumes apenas, por ex).

    Aviso também que dificilmente poderás voltar a ter uma alimentação completamente "normal" se o teu organismo se habituar a essa dieta. Poderás comer alguns hidratos de carbono, mas sempre em quantidade reduzida, ou ganhas com facilidade o peso de volta. Se eu comer um bolo duas vezes por semana + duas refeições com massa ou arroz ou batatas, incho logo meio quilo e tenho que fazer mini-dieta durante dois dias ou três para voltar ao normal. Basicamente, grande parte das vezes os únicos hidratos que eu como vêm de iogurte magro, barrinhas de cereais, fruta e legumes (esqueci-me da marca, mas não são as da fitness nem marcas do género, pois essas têm os hidratos de carbono todo em açucares e existem opções que em vez de açúcares tem polióis). De vez em quando como uma tira de pão de forma integral e uma outra bolacha da gama diética da gullón. De resto tento fazer a dica do 1/2 dias por semana (para quem já não está em dieta as folgas são duas) em que como algo mais pesado (geralmente consigo fazer isto se não houverem aniversários e coisas do género) e mesmo assim faço isso só numa refeição e não durante o dia todo.

    Parece um bocado louco, mas infelizmente tenho um metabolismo horroroso e lá tem que ser. Voltar a ficar com excesso de peso é que não é opção.

    Pessoalmente, não aconselho este tipo de dieta a pessoas como a Pipoca, que são magrinhas ou que só querem perder dois kg. Acho mesmo que está a correr um risco de lixar o seu metabolismo.

    ResponderEliminar
  22. Ola! Ja ouviram falar ou melhor ainda experimentaram a dieta LEV??
    O que acharam? Sentiram-se bem? Foi dinheiro bem investido (quanto)? Voltaram a ganhar o peso perdido?
    Digam-me de vossa justica e desde ja muito obrigada
    Ana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma amiga minha deu-se lindamente e adorou. desde que parou - em fevereiro ou março - só engordou 1 kg e foi só no verão por causa das jantaradas e festas. De resto está ótima e recomenda. É é um pouco (muito) caro. Mas pelo que vi vale a pena!

      Eliminar
  23. E esse "kg" é gordura, músculo ou água? É que é diferente...
    Essas dietas são todas uma treta (a não ser que falemos de obesidade enquanto doença). O essencial é manter uma alimentação equilibrada, consonante com a energia gasta, e ter alguns cuidados básicos, tais como não passar muito tempo sem comer, não comer demasiado depressa, e não comer de noite, entre outros.

    ResponderEliminar
  24. Eu fiz a dos 31 dias e nesse mês perdi 5kg XD

    ResponderEliminar
  25. Eu faço essa dieta e o peso que se fala para nós mulheres é entre 4 a 5 kg nas 4 semanas. Tu só fizeste ainda 2 semanas e para quem já é magra e ainda por cima pode cometer esses pecados de um quadradrinho de chocolate por dia, não está nada mal :)

    ResponderEliminar
  26. a própria pipoca acho que já falou aqui no blog da dieta lev, há muito tempo, não foi?

    ResponderEliminar
  27. Desculpem lá, mas as pessoas "anti-dieta" tiveram sorte na lotaria metabólica. É que, acreditem ou não, há mesmo pessoas que, se fizerem a chamada alimentação saudável e equilibrada genérica, não engordam mas nunca na vida parecem elegantes. Quando tinha 9 anos, uma médica fez-me um check-up e disse-me: "Vais ter de fazer exercício a vida toda. E a partir dos 30, vais ter de ter muito cuidado com o que comes."
    Fui normalíssima (e sempre fiz exercício), umas vezes mais magra, outras mais gorda (56kg-58kg), sempre controlável (mas nunca podendo ser ignorado). Adivinhem: passei os 30, passei para um peso médio de 63/64, mesmo a correr quase todos os dias. E agora, aos 34, tive um filho, com gravidez de risco, sem me poder mexer no último trimestre sem fazer disparar a tensão. Estou nos 70, acompanhadíssima com nutricionista, que me disse sem reservas: "vai ter de mudar completamente a sua alimentação, porque o seu metabolismo ficou muito mais lento. E vai ter de fazer exercício a vida toda."
    Com 1,68m e a ouvir todos os dias "não é uma dieta, é reeducação alimentar", sei que o meu futuro passa, necessariamente, por 1h de exercício e eliminação total de açúcar processado e gorduras - que não as naturalmente presentes no peixe, por exemplo - todos os dias, até ao resto da minha vida. E não sou louca, só tive de aceitar que tenho um metabolismo da treta (todas as mulheres da família da minha mãe são obesas) e que comer arroz e massa e pão, mesmo que ultra-integral, não me faz bem.
    Cada quilo perdido é uma vitória, quer se queira perder muito ou pouco. O peso certo é só a medida do nosso bem-estar. É diferente para todas e cada uma tem de fazer maior ou menor esforço para lá chegar.
    Mas não gozem com a minha cara e digam que basta ter cuidados básicos. Desvaloriza e denigre todo o esforço que milhões de mulheres fazem, todos os dias, para gostarem do que vêm no espelho.

    ResponderEliminar
  28. Eu fui mãe, estava com 62,5kg, fiz a dieta dos 31 dias durante 2 meses e cheguei aos 56kg. E já lá vão 8 meses, e mantenho os 56kg sem fazer qualquer tipo de dieta.

    ResponderEliminar
  29. Eu fui mãe, estava com 62,5kg, fiz a dieta dos 31 dias durante 2 meses e cheguei aos 56kg. E já lá vão 8 meses, e mantenho os 56kg sem fazer qualquer tipo de dieta.

    ResponderEliminar

Teorias absolutamente espectaculares

AddThis